A A A C
email
Todos os posts escritos por Regina Bizarro e Patrícia Fernandes
Retornando 1 resultado para o autor 'Regina Bizarro e Patrícia Fernandes'

Quinta-feira, 11/04/2013

Encontro Internacional de Educação 2012 - 2013

Tags: rioeduca, eeibrasil.

Depois de passar por países da América Latina, como Argentina, Chile, Colômbia, Peru e México, o Encontro Internacional de Educação 2012 - 2013 desembarcou no Rio de Janeiro nos dias 2 e 3 de abril, dando sequência à discussão sobre a educação no século XXI.

 

 

A Fundação Telefônica abre um espaço de diálogo que pretende dar resposta a esta pergunta: Como deve ser a educação do século XXI? Para isso, encontros presenciais e on-line estão acontecendo desde abril de 2012, iniciado com o tema Relação entre educação, sociedade e trabalho, primeiro dos nove propostos pela Fundação, que aconteceu em Buenos Aires.


No Rio de Janeiro, o Encontro Internacional de Educação 2012 - 2013 aconteceu no Vivo Rio entre os dias 2 e 3 de abril, com o sexto dos noves temas abordados: Como liderar a mudança nos centros educativos?.


A Rede Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro participou desse grande encontro tendo a presença de mais de 700 professores.


Abrindo oficialmente o primeiro e segundo encontros, Françoise Trapenard (Presidente Fundação Telefônica/Vivo) e Gabriella Bighetti (Diretora de Programas Sociais da Fundação Telefônica/Vivo), respectivamente.

 

 

A presidente da Fundação Telefônica, Françoise Trapenard, fez a abertura do Congresso Internacional. Ela introduziu o evento falando um pouco sobre o posicionamento da Fundação, o que já foi discutido em outros países  pelo #EIEBRASIL e sobre o tema  2012 - 2013: a educação do século  XXI.

 

 


"Há 10 anos, conseguíamos reunir um número muito pequeno de pessoas para discutir sobre educação. Hoje, é uma grande satisfação constatar que temos cerca de mil pessoas aqui no Vivo Rio", festejou Gabriella Bighetti da Fundação Telefônica Vivo, abrindo oficialmente o segundo dia do #EIEBRASIL. 

 


Foram dois dias de palestras, debates e exemplos de sucesso na educação, tendo a presença de grandes especialistas do mundo educativo, que falaram sobre o presente e o futuro da educação no mundo. São eles:

 

 

David Albury (Coordenador de Projetos e Desenvolvimento do Programa Global de Líderes da Educação e ex-conselheiro em Estratégia do Primeiro-Ministro da Inglaterra e Diretor do Global Education Leaders Programme).

 

 

Martina Roth (Mestre em Pedagogia e Doutora em Filosofia, Diretora de Estratégia, Pesquisa e Política de Educação Global da Intel).

 

 

Ferran Ruiz (Presidente do Conselho Escolar da Cataluña, órgão consultivo do Departamento de Ensino que reúne diferentes setores do mundo educacional catalão).

 

 

Também estiveram presentes:

 

 

Rafael Parente (Subsecretário de Novas Tecnologias Educacionais da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro) e Cláudia Costin (Secretária Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro).

 

 

Fernando Almeida (Filósofo e Pedagogo, Mestre e Doutor em Filosofia da Educação, Pós-Doutor em Informática e Educação) e Braz Rodrigues (Professor e Diretor da EMEF Campos Salles em Heliópolis, SP).

 

 

Mônica Gardelli (Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais do Ministério da Educação e Cultura) e Mila Gonçalves (Gerente de Educação e Aprendizagem Fundação Telefônica).

 

 

Palestras Encontro Internacional de Educação 2012 - 2013

 


Palestras no 1º dia

 

  • “A visão do MEC sobre o papel da liderança nos centros educativos” _ Mônica Gardelli
  • “Exemplos de liderança nos centros educativos da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro” _ Cláudia Costin
  • “Por que a mudança na educação é necessária?” _ David Albury

Debatedores: David Albury e Eduardo Chaves

 

  • “Avaliação para a Aprendizagem” _ Fernando Almeida

Debatedores: Fernando Almeida com mediação de Mila Gonçalves.

 

 

Palestras no 2º dia

 

  • “Transformação da educação através da tecnologia” _ Martina Roth.
     

Debatedores: Martina Roth, Braz Rodrigues e Rafael Parente com mediação de Mila Gonçalves.

 

  • “Visão, aprendizagem e compromisso: chaves para liderar a mudança na educação” _ Ferran Ruiz.


Debatedores: David Albury, Ferran Ruiz, Braz Rodrigues, Rafael Parente com mediação de Gabriela Bighetti.
 

Exemplos de sucesso no Encontro:


Prof. Braz Rodrigues, Rafael Parente, Profª Ana Elisa (EM Amorim Lima, Butantã/SP).

 

Fernando Ruiz, presidente do Conselho Escolar da Cataluña, falou sobre  visão, aprendizagem e compromisso: chaves para liderar a mudança na educação. Para ele, é essencial que o líder tenha visão do futuro desejado  e aposte na aprendizagem permanente.

 

 

Em seguida, Martina Roth falou sobre a economia da aprendizagem baseada em três verbos: colaborar, comunicar e criar. Para ela, o currículo escolar deve ser flexível. A escola deve ser conduzida como uma empresa. Alunos e professores podem interferir a qualquer momento. É a criação que faz as coisas acontecerem.

 

 

No segundo dia do #EIEBRASIL, os participantes puderam conferir a técnica de facilitação gráfica (Visual Thinking) que ilustra as principais conclusões do primeiro dia de encontro.

 

 

Secretária Municipal de Educação, Cláudia Costin

 

 

Cláudia Costin, Secretária Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro, afirmou que não adianta apenas existir um laboratório de informática nas escolas: é preciso fazer bom uso da tecnologia. Em sua discussão, ela apontou como exemplos a Educopédia, uma plataforma on-line colaborativa de aulas digitais, entre outros projetos.

 

Mônica Franco, do MEC, trouxe a visão do Ministério da Educação sobre o tema e seu principal desafio: modernizar a prática do professor diante da tecnologia.

 

 

Algumas falas aconteceram on-line, via Twitter e outras pessoalmente no dia dos dois encontros.

 

Achamos interessante, mediante centenas de registros e falas, que algumas sejam compartilhadas com os leitores do Portal Rioeduca:

 

“O desafio da Educação Municipal do Século XXI é aliar a tradição como inovação”;


“A afetividade supera todas as tecnologias. É preciso afetar cada aluno verdadeiramente”;


“A sala de aula deve ser interativa e educar para a cidadania global”;


“Já vivemos o desafio do Século XXI”;


“Conquistar os alunos para o trabalho colaborativo”;


“É importante refletir que lideranças precisam de mudanças. Que processos e posturas é preciso ter para educar?”;


“Desafio do Século XXI: equilibrar inovação e tradição”;
 

“O aluno não é só mais coadjuvante, ele deve ser o ator e ajudar o professor no processo de educar”;


“Muitos professores resistem aprender com os alunos”;
 

“O aluno já é globalizado, mas o que eu posso fazer para atingir mais o aluno para seu pleno aprendizado?”;


“Ser twitteiro é ser colaborador. Twitter é uma ferramenta para diálogo”;


“Falar das relações, de respeito, sem isso nada se faz”;


“A paixão. Ah, paixão... Ainda é o que move a educação”;


“Não é só com amor que se faz educação; sem incentivo público ou privado e dinheiro não se inviabiliza”;


“A brincadeira é um momento muito importante para a educação do aluno”;


“Desenhar, escrever, criar relação de cômodos usando a brincadeira “Amarelinha””;


“A sala de aula deve ser interativa e educar para a cidadania global”;


“A TIC na educação aumenta a competitividade nacional”;

 

“É a inteligência coletiva da educação no Brasil!”.

 

Momentos da Secretaria Municipal de Educação


Nos dois dias houve dois momentos exclusivos para os membros da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro, com relato de experiências de professores da rede municipal.


 

Professores da rede municipal de ensino apresentaram experiências bem-sucedidas quanto ao uso das novas tecnologias na educação no primeiro dia do Congresso da Fundação Telefônica. São eles: Márcia Cristina Neves, Márcia Roberto, Raphaella Marques, Mara Malheiros, Ângela Mangarás, Lindomar, Mila Gonçalves e Rafael Parente

 

 

Na foto, da esquerda para direita: Francisco Velasques, Márcia Roberto, Adriana (Articuladora da Educopédia), Érika (Articuladora da Educopédia), Raphaella Marques, Gisele Cordeiro, Tânia Almeida e Alexandre (Articulador da Educopédia). As professoras Gisele Cordeiro e Tânia Almeida apresentaram experiências bem-sucedidas quanto ao uso das novas tecnologias no segundo dia do congresso da Fundação Telefônica.

 

 

Foram dois dias de muito aprendizado, em que debates constantes à procura de uma educação de qualidade foi o tema principal, direcionados às lideranças escolares.


O Rioeduca esteve presente aprendendo com as ideias propostas. Registrou e compartilhou nas redes sociais - Twitter e Facebook - as experiências, que foram enriquecidas pelas diversas falas, além de adquirirem novos embasamentos para suas práticas como docentes e como redatores deste valioso Portal da educação carioca.

 

Márcia Alves, Patrícia Fernandes, Ana Accioly e Regina Bizarro fazem parte da equipe do Portal Rioeduca e participaram do Encontro Internacional da Fundação Telefônica no Rio.

 

 

Conheçam mais sobre o evento acessando a Fundação Telefônica Vivo.
http://www.fundacaotelefonica.org.br/home/

 

 

Criação do texto Prof.ª Regina Bizarro e edição de imagens Prof.ª Patrícia Fernandes


reginabizarro@rioeduca.net         e         pferreira@rioeduca.net


 

                               


   
           



Yammer Share