A A A C
email
Todos os posts escritos por Renata Carvalho
Retornando 78 resultados para o autor 'Renata Carvalho'

Terça-feira, 23/05/2017

Coletânea de Atividades na Escola Municipal Deodoro

Tags: 2ªcre, literatura.

 

A equipe pedagógica da Escola Municipal Deodoro compartilhou com o portal Rioeduca uma coletânea de atividades que foram realizadas na unidade escolar.

 

Primeiramente vamos conhecer o projeto “Festival das Escolas”, patrocinado pela Coca-Cola, cujo objetivo foi motivar os alunos em relação aos valores olímpicos através da produção de um vídeo no qual a escola mostra que o que realiza vale ouro e oferece incentivo aos atletas brasileiros.

Na primeira etapa do projeto, os alunos do 8º ano em conjunto com as professoras de Educação Física, da coordenação pedagógica e dos pais de alguns alunos, produziram um vídeo que foi selecionado e possibilitou a participação da escola em um grande evento realizado no CEFAN (Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes). No dia do evento, os alunos participaram de jogos e de uma etapa final de perguntas e respostas.

 

Festival das escolas

 

A escola também realizou um “Encontro com o Autor”, com o objetivo de incentivar a formação do aluno leitor, aproximando os educandos de escritores brasileiros que apresentam obras voltadas para o público juvenil, dando-lhes a oportunidade de conhecê-los pessoalmente, possibilitando uma rica troca entre leitor e escritor.

A Escola convida um autor por semestre para passar uma manhã com os alunos. O evento conta com a participação de toda comunidade escolar e tem como ponto alto o autor apresentando sua obra, contando suas experiências e ao final promove-se um grande debate no qual os alunos fazem perguntas ao autor. A escola recebeu a escritora Elika Takimoto, que contou sobre a concepção de sua obra mais famosa que é o livro: “Minha Vida é um Blog Aberto”. Durante o debate, um aluno perguntou qual seria o autor que a marcou muito e a autora respondeu que foi a escritora Zélia Gattai.

 

Encontro com o autor

 

Em 2016 a Escola Municipal Deodoro completou 108 anos. O prédio escolar foi tombado pelo decreto 5.303 de 1985, sendo considerada bem de patrimônio cultural. Na data, organizou-se uma cerimônia cívica com o canto do Hino Nacional e com um simbólico abraço coletivo circundando toda a escola. Posteriormente, as turmas, acompanhadas de seus professores e dos funcionários, dirigiram-se à praça Paris para um grande encontro.

O objetivo da atividade foi valorizar o espaço escolar e seu entorno, comemorando o aniversário de 108 anos da escola, a partir da realização de um pic nic coletivo na Praça Paris, em frente à escola. 

 

 

Pic nic para comemorar o aniversário da escola

 

O projeto Jornal Mural tem como objetivo ampliar o universo dos alunos tendo como foco investir na formação do aluno leitor/escritor. Desenvolver no aluno uma análise crítica sobre o que lê e motivá-los a ter uma escrita cada vez mais proficiente.

A professora de Matemática do 7º ano, Katia, preparou alunos monitores que são os responsáveis pela coleta de notícias com a comunidade escolar e pela montagem do mural semanalmente. A proposta deste projeto é valorizar a leitura de textos jornalísticos, já que nem todos alunos têm acesso a eles, uma vez que os mesmos são uma fonte respeitada para pesquisa e para a obtenção de informação sobre o mundo atual.

 

Jornal Mural

 

O portal Rioeduca agradece a equipe da Escola Deodoro por compartilhar conosco estas atividades pedagógicas e desejamos sucesso a toda comunidade escolar.

O contato da unidade escolar é: emdeodoro@rioeduca.net

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 09/05/2017

Nossa Escola É um Lugar de Paz – 2ªCRE

Tags: 2ªcre, paz.

 

No mês de abril nossas escolas reuniram-se para realizar ações que falassem sobre a necessidade da paz em nossa cidade.

 

O resultado dessas ações foi a discussão e a conscientização da comunidade escolar da necessidade de todos estarem unidos em busca de um único objetivo: incentivar atitudes que tragam paz ao ambiente escolar e a necessidade de união para cobrar dos governantes ações práticas que contribuam para o bem da comunidade.

Na Escola Roma, foi realizado, sob orientação da Coordenadoria Pedagógica, um trabalho de conscientização, abordando o tema “violência” e, em decorrência, o acontecimento que levou à morte uma estudante da Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro.

Bastante sensibilizados, alunos das diversas turmas da escola, criaram mensagens, endereçadas à família, aos governantes e aos próprios companheiros, em solidariedade, desabafo e pedidos de providências, na intenção de evitar episódios semelhantes. Estas mensagens foram depositadas em uma caixa, preparada para este fim, e disponibilizada no hall de entrada da escola.

Nos momentos de entrada dos dois turnos de estudo, os responsáveis que acompanham seus filhos, foram convidados para participar junto com toda a comunidade escolar, de um momento cívico, onde houve também uma homenagem na forma de “um minuto de silêncio”, o que os emocionou perceptivelmente.

No segundo turno, os alunos das séries iniciais, portando bandeirolas sobre a PAZ, confeccionadas por eles mesmos, fizeram uma manifestação pacífica na Praça do Lido, onde se localiza a escola.

Rodas de conversas, debates, e confecção de pôsteres aconteceram durante todo o dia. - Relato enviado pela unidade escolar.

 


Alunos da Escola Roma participando de uma manifestação pacífica.


Os professores e funcionários da Escola Araújo Porto Alegre envolveram-se numa ação de reflexão sobre a violência na qual enfrentamos diariamente. Nossos jovens precisavam se expressar, falar, expurgar todos os sentimentos ruins que estavam aprisionados dentro deles. Sendo assim, por dois dias, educandos, professores e demais funcionários da unidade escolar envolveram-se no processo de expressão, reflexão e exposição destes sentimentos, resultando na produção dos cartazes que foram expostos nos muros da escola com o objetivo deixar claro o DESEJO DE PAZ! – Relato enviado pela unidade escolar.


Cartazes produzidos pelos alunos da escola.

 

A Escola Municipal Professor Lourenço Filho convidou a Guarda Municipal para dar uma palestra sobre “Prevenção à Violência” cujo objetivo foi incentivar a paz dentro e fora da escola em diferentes segmentos da sociedade. Após a palestra, os alunos expressaram seus desejos de paz através pequenos textos, desenhos e expressão corporal. Participaram desta ação as professoras Raphaela e Jacyara, os guardas municipais Moisés e Matos e os alunos das turmas 1701 e 6001. - Relato enviado pela unidade escolar.

 


Alunos participando de atividades de expressão corporal.

 

No dia 06 de abril, na Escola Mário Faccini, houve uma mobilização para dar o pontapé inicial no projeto “Aqui é um lugar de Paz” que permeará toda a proposta pedagógica a ser desenvolvida ao longo do ano. Como ponto de partida foram desenvolvidas as seguintes atividades: a direção inicialmente conversou com todos os alunos a respeito das atitudes que geram paz não só na escola como fora dela. As turmas do 1º ano baseando-se no Projeto Cabe na Mala realizou uma atividade: Que atitude que gera paz eu carrego na minha mala? A turma do 2º ano desenvolveu um bilhete pedindo paz no mundo. As turmas do 3º ano escutaram a música Paz do Gilberto Gil e retrataram mensagens de paz que a própria música transmitia. A turma do 4º ano confeccionou uma pomba da paz e escreveu nela o que eles gostariam que a pomba espalhasse pelo mundo. O 5º ano escreveu também mensagens para a população.

Depois das apresentações das turmas toda a escola se abraçou realizando o Abraço da Paz. - Relato enviado pela unidade escolar.


Abraço da Paz

 

Na Escola Matta Machado, os alunos participaram de rodas de conversa sobre o tema e produziram cartazes que foram expostos nos murais da escola. Além disto, as turmas do quarto ano apresentaram aos colegas a música “A Paz”, do grupo Roupa Nova.

No quinto ano, os alunos trabalharam o tema Paz através de um clipe musical da banda O Rappa: Minh’Alma. A professora Glaucia Almeida, relata que construiu junto aos estudantes um ambiente de conscientização sobre o que aconteceu com uma jovem estudante da Rede Municipal de Ensino, assim como eles. Desta forma a turma elaborou um cartaz com desejos de paz para toda a comunidade.

A professora Sandra Lopes, regente da Sala de Leitura, realizou com a turma do primeiro ano um bate papo sobre a paz. Perguntou aos pequeninos o que era paz. E desenvolveu uma roda de conversas que culminou em um belo cartaz onde as crianças falam o que significa ter paz. O cartaz foi exposto pela escola junto com os trabalhos realizados pelas outras turmas.

 

Murais com os trabalhos realizados pelos alunos.

 

O portal Rioeduca agradece as unidades escolares que compartilharam conosco as ações realizadas com o intuito de conscientizar sobre a paz em nossa cidade.

 

Os contatos das unidades escolares são:

Escola Roma emroma@rioeduca.net

Escola Araújo Porto Alegre empalegre@rioeduca.net

Escola Professor  Lourenço FIlho emplfilho@rioeduca.net

Escola Matta Machado ccmatta@rioeduca.net

 

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 11/04/2017

Nas Nossas Escolas o Mosquito Não Tem Vez

Tags: 2ªcre, dengue.

As unidades escolares da 2ªCRE continuam dando ênfase à campanha contra as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

 

A mobilização contra as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti – Dengue, Zica e Chikungunya – tem como objetivo conscientizar não só os alunos, mas toda a comunidade escolar sobre a importância de cuidar do ambiente onde se vive. Clique aqui para conhecer a matéria anterior sobre este assunto e saber mais a respeito do trabalho de nossas escolas.

Os alunos da Creche Municipal Winnie Mandela estudaram este assunto de maneira lúdica e divertida. A professora Luciana Polla, regente na unidade escolar, enviou ao portal Rioeduca um relato sobre como aconteceu a mobilização na creche.

Desde o ano passado a Creche Winnie Mandela está trabalhando a conscientização das crianças e comunidade escolar no combate ao mosquito Aedes Aegypti através do projeto "Xô Mosquito".

E a equipe pedagógica começou o ano retomando o trabalho com a mesma intensidade e foco.

 

Projeto "Xô Mosquito".

 

O objetivo é esclarecer a comunidade escolar sobre o vetor e as doenças, contribuir para preservação da saúde, incentivar a prevenção ao mosquito e prevenir a proliferação do inseto e das doenças Zika, Dengue e Chikungunya.

O Dia do Brincar foi planejado buscando envolver atividades que as crianças mais gostam como a corrida e o toque das mãos pelo seu próprio corpo e dos colegas.

A brincadeira foi Pique-pega do Mosquito. Nela existe o mosquito querendo picar e para não ficar doente precisamos cuidar do corpo usando repelente. A parede é a nossa fortaleza que renova o repelente e dificulta a picada!

Todos participaram confeccionando a fantasia do mosquito, pintando de branco as asas, tiveram a oportunidade de ser o mosquito e brincar bastante neste grande faz de conta.

A brincadeira também tinha o objetivo de estimular o interesse, a atenção, a competição e coordenação motora grossa através de uma atividade prazerosa.

 


Pique-pega do Mosquito

 

A Escola República Argentina trabalhou todo mês de fevereiro as orientações da Campanha de Combate a Tríplice Epidemia de Arboviroses.

Com o título "Aqui Mosquito Não se Cria" a unidade escolar apresentou a carta de orientações para pais e alunos com informações sobre o combate à proliferação do mosquito, fez caminhadas pela escola em busca de possíveis focos. E como finalização do projeto realizou atividades em sala de aula como produção de textos e desenhos.

 

Atividade realizada durante a campanha.

 

Produções dos alunos.

 

Parabéns às unidades escolares que desenvolveram atividades de conscientização sobre a importância de prevenir a proliferação do mosquito Aedes.


Os contatos das unidades escolares citadas são:

Creche  Winnie Mandela cmwinnie@rioeduca.net

Escola República Argentina emargentina@rioeduca.net

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 28/03/2017

Saberes e Sabores

Tags: 2ªcre, alfabetizacao, alimentação, saudável.

 

Partindo do pressuposto de que a escola é um espaço propício para promover atitudes favoráveis a práticas de boa saúde, formação de valores e hábitos saudáveis, o projeto “Saberes e Sabores” surge como artifício a contribuir para a conscientização dos alunos nas escolhas que envolvem sua alimentação.

 

A professora Neadel Kovalski, da Escola Municipal Maria Leopoldina, enviou ao portal Rioeduca o relato do projeto “Saberes e Sabores” desenvolvido com as turmas de primeiro ano, que tem como objetivo principal incentivar hábitos de vida saudável.

A professora nos conta que a alimentação dos alunos foi observada durante os meses que antecederam o projeto. Foi visto que os lanches enviados pelas famílias, em sua maioria, eram industrializados (salgadinhos, biscoitos recheados, refrigerantes, biscoitos com corante, frituras...) e no almoço oferecido pela escola, muitas crianças escolhiam arroz, feijão e proteína, deixando de lado os legumes, verduras e frutas.

 

Visita ao hortifruti.

 

Acreditando que a escola exerce um papel importante junto às famílias propiciando a promoção de valores, hábitos saudáveis e aprendizagens significativas, a equipe pedagógica considerou uma boa forma de agregar a alfabetização o incentivo a mudanças de hábitos saudáveis e reeducação alimentar de forma lúdica, prazerosa e educativa.

Durante o projeto os alunos tiveram acesso a diversos tipos de atividades como: leitura de diferentes tipos de textos e livros, pesquisas, produção de saladas de frutas, conheceram a pirâmide alimentar, visitaram um hortifruti e, inclusive, produziram um pequeno livro sobre alimentação saudável. É importante ressaltar que o projeto foi desenvolvido de forma interdisciplinar e com a participação de toda a comunidade escolar.

 

Horta na escola.


Esperava-se que ao final fosse possível perceber a amplitude do projeto nas famílias, “ajudando” com os trabalhos de casa, pesquisas, aula aberta e passeios. A repercussão foi muito boa. Inclusive com parceria, participando no envio de lanches saudáveis para a festa e a preocupação com o lanche das crianças. O relato e agradecimentos após a apresentação feita como culminância foi o retorno concreto.

 

Livro de receitas produzido pelos alunos.

 

O projeto “Saberes e Sabores” foi desenvolvido de forma transversal e interdisciplinar promovendo a construção de conhecimento crítico, estimulando a alfabetização (o uso da função social da leitura e escrita) e o viver mais saudável hoje e no futuro.

 

Encerramento do projeto "Saberes e Sabores"

 

Partindo do pressuposto que uma ação desta natureza não se desenvolve plenamente tendo como alvo somente os alunos, o desejo foi que toda comunidade escolar (professores, alunos, funcionários e os responsáveis dos alunos) participasse direta ou indiretamente objetivando a construção de um conhecimento que estimule a busca de um viver saudável hoje e no futuro, foi parcialmente alcançada. As “Tias” da Cozinha (merendeiras) participaram com interesse e carinho das atividades relacionadas à horta, reaproveitamento de alimentos e na confecção de lanche saudável, além do famoso e carinhoso estímulo na hora do almoço para que os pratos estivessem sempre coloridos.

Agradecimentos a professora Neadel Kovalski por compartilhar conosco este projeto de estímulo aos hábitos saudáveis e parabéns a toda comunidade escolar pela participação e sucesso do trabalho.

O contato da professora Neadel Kovalski é sra.naedel@gmail.com

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share