A A A C
email
Todos os posts escritos por Renata Carvalho ( Texto enviado pela professora Ana Carolina da Rocha )
Retornando 1 resultado para o autor 'Renata Carvalho ( Texto enviado pela professora Ana Carolina da Rocha )'

Terça-feira, 21/05/2019

Escola Municipal Francisco Manuel - 2ª CRE

Tags: 2ªcre, alfabetizacao, educaçãoespecial.

Trabalho da Sala de Recursos da Escola Municipal Francisco Manuel.

 

A professora de Atendimento Educacional Especializado, Ana Carolina da Rocha, regente na Sala de Recursos da Escola Municipal Francisco Manuel contou ao portal Rioeduca sobre como é realizado o atendimento aos alunos neste ambiente escolar.


O trabalho do Atendimento Educacional Especializado (AEE), que ocorre nas Salas de Recursos Multifuncionais (SRM), tem por objetivo proporcionar ao estudante com deficiência um atendimento complementar específico para que ele possa superar e/ou compensar as limitações causadas por seus comprometimentos sensoriais, físicos, intelectuais ou comportamentais, desenvolvendo e explorando ao máximo suas competências e habilidades. Segundo o Manual de Implementação das Salas de Recursos Multifuncionais (2010):


“O Atendimento Educacional Especializado, na perspectiva da Educação Inclusiva, assume um caráter exclusivamente de suporte e apoio à educação regular, por meio do atendimento à escola, ao professor da classe regular e ao aluno. Tem como objetivo oferecer aos alunos que frequentam a Sala de Recursos Multifuncional ensino de conteúdos específicos, estratégias e utilização de recursos pedagógicos e de tecnologia diferenciados, não existentes na classe regular, que são fundamentais para garantir a sua aprendizagem e acesso ao currículo comum”.(p.19)

 

 

Professora Ana Carolina e alunos.

 


O “Programa de Implantação de Salas de Recursos Multifuncionais” integra o Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE-2007) com o objetivo de atender o seguinte público:


• Alunos com deficiência: aqueles que têm impedimentos de longo prazo, de natureza física, intelectual, mental ou sensorial, os quais, em interação com diversas barreiras, podem ter obstruído sua participação plena e efetiva na escola e na sociedade;


• Alunos com transtornos globais do desenvolvimento: aqueles que apresentam um quadro de alterações no desenvolvimento neuropsicomotor, comprometimento nas relações sociais, na comunicação ou estereotipias motoras. Incluem-se nessa definição alunos com autismo, síndromes do espectro do autismo, dentre outras síndromes.


• Alunos com altas habilidades ou superdotação: aqueles que apresentam um potencial elevado e grande envolvimento com as áreas do conhecimento humano, isoladas ou combinadas sejam ela intelectual, acadêmica, liderança, psicomotora, artes e criatividade. (MEC, 2010).

 

 

Alunos realizando atividades durante o atendimento na Sala de Recursos.

 


O professor do Atendimento Educacional Especializado (AEE) tem como função realizar esse atendimento de forma complementar ou suplementar à escolarização, considerando as habilidades e as necessidades específicas dos alunos com deficiência.


Uma das funções do professor de AEE é identificar as necessidades educacionais específicas dos educandos incluídos nas turmas regulares de ensino e através de um Plano de Educacional Individualizado (PEI) traçar objetivos de modo que seja proporcionada às devidas condições para a aprendizagem desses alunos.

 

 

Atividades na Sala de Recursos.

 


A professora Ana Carolina também contou sobre um projeto desenvolvido com os alunos no espaço da Sala de Recursos, que tem como título “Receita de Bolo da Família”. O objetivo central foi favorecer a autonomia do estudante diante de tarefas diárias de alfabetização e contagem.


O projeto "Receita de Bolo da Família" iniciou-se com muitas descobertas! O estudante Matheus Felipe Maia, por exemplo, elegeu o bolo de chocolate para aprender em família e fazer a deliciosa receita. Além de trabalhar com a alfabetização, leitura, escrita, a professora investiu no conceito de divisão de forma concreta e significativa ao fazer a receita. Além disso, foi possível ver a alegria da família diante da participação, pois após pesquisar a receita com a professora o bolo deveria ser feito em casa.

 

Os alunos escolheram sozinhos ou com suas famílias o bolo de sua preferência, pesquisaram com a professora a receita e os ingredientes necessários para a confecção do mesmo. Após esta pesquisa, professora e alunos foram às compras utilizando encartes de supermercados. Neste momento, foi possível trabalhar com os educandos os conceitos de sistema monetário, medidas de capacidade e massa.


Por acreditar que os conhecimentos estão conectados em perfeita harmonia, o objetivo do trabalho é utilizar vivências cotidianas fomentando a práxis pedagógica rumo à inclusão pela participação coletiva. Nesse desafio a família tem um papel fundamental de apoio na construção do conhecimento dos educandos.


Agradecemos a professora Ana Carolina por compartilhar conosco informações sobre seu trabalho  na Sala de Recurso e as atividades realizadas com seus alunos!

 

 

Quer saber mais? Entre em contato com a unidade escolar.

Escola Municipal Francisco Manuel

Email: emfmanuel@rioeduca.net          Telefone: 3238-4592  / 3238-4591

 

 

 

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

 


   
           



Yammer Share