A A A C
email
Todos os posts escritos por Renata Carvalho -Representante do Rioeduca/2ªCRE
Retornando 4 resultados para o autor 'Renata Carvalho -Representante do Rioeduca/2ªCRE'

Terça-feira, 30/07/2013

Rio, de Braços Abertos

Tags: 2ªcre.

 

Em comemoração aos três anos do portal Rioeduca, essa publicação faz referência à Classe Hospitalar Jesus, que foi uma das primeiras matérias publicadas pela 2ª CRE nesse portal no ano de 2010.

 

 

A professora Renata Carvalho, representante do portal Rioeduca na 2ª CRE, entrou em contato com a professora Elizabeth Leitão Ramos Luiz, regente da Classe Hospitalar Jesus, que concedeu uma entrevista contando a história das Classes Hospitalares e também sobre o trabalho realizado em sua unidade.


Atualmente, a Classe Hospitalar Jesus é regida pelas professoras  Elizabeth Leitão Ramos Luiz e Priscila Vieira Corantini. Elisabeth é professora da rede municipal de ensino desde 1976, ingressando na Educação Especial como professora da Classe Hospitalar Jesus em 1985. Priscila é professora da rede municipal de ensino com admissão em 1995, ingressando na Educação Especial em 1999, nos segmentos da itinerância, classe especial e, há 8 anos, na Classe Hospitalar.
 

 

 

Da esquerda para a direita: Professoras Priscila e Elizabeth.

 

 

Rioeduca: Professora Elizabeth, conte-nos um pouco sobre a história das Classes Hospitalares e também sobre a Classe Hospitalar Jesus.


Professora Elizabeth: Pensar em Classe Hospitalar, historicamente, nos leva à Paris, onde o trabalho se consolidou para alcançar o universo de crianças afetadas por doenças, mais precisamente tuberculose. Impedidas de participar de atividades escolares, principalmente durante a 2ª Guerra Mundial, a Classe Hospitalar permitiu às crianças e adolescentes mutilados o acesso à educação.


O atendimento a crianças e adolescentes internados no então Hospital Geral Jesus iniciou-se em 14 de agosto de 1950 com a designação da professora de ensino primário da rede pública Lecy Rittmeyer atendendo a reiterados pedidos do diretor do hospital, na época, David Pillar. Cabe ressaltar que, atualmente, o eixo de sustentação desse trabalho é o diálogo entre a Secretaria Municipal de Saúde e a Secretaria Municipal de Educação no sentido de melhor atender aos cidadãos em seus direitos básicos à educação e à saúde. Hoje, a Classe Hospitalar Jesus é referência nacional nessa modalidade de atendimento pedagógico, funcionando ininterruptamente há 62 anos. Tem acompanhamento pedagógico da Educação Especial do Rio de Janeiro/ Instituto Helena Antipoff.

 

 

Atividade usando massinha com alunos da Educação Infantil.

 

Rioeduca: Como funciona o atendimento na Classe Hospitalar Jesus?


Professora Elizabeth: O atendimento educacional das crianças e adolescentes da rede de ensino em ambiente de tratamento de saúde, hospitalizadas, é realizado por professores da rede municipal de ensino do Município do Rio de Janeiro, requisitadas pela Educação Especial e lotadas na Escola Municipal 02.09.014 General do Exército Humberto de Souza Mello /2ª CRE.


A Classe funciona de segunda à sexta-feira em dois turnos, executando atividades letivas em sala de aula e nos leitos do hospital sob orientação da equipe de saúde com relação à atenção e à condição clínica dos pequenos pacientes. O objetivo é promover uma articulação entre os currículos concebidos e vividos através de uma organização pedagógica como planejamento, capacitação, planos de estudos, entre outras. Possui a intenção de facilitar a reinserção do aluno hospitalizado à sua escola de origem, escola onde a criança tem a sua matrícula escolar.

 

Mural do projeto "Planeta Vivo".

 

Rioeduca: Qual o projeto pedagógico planejado para o ano de 2013?

 

Professora Elizabeth: Existe uma dinâmica peculiar no processo pedagógico no que diz respeito ao Projeto Pedagógico instituído pela Classe Hospitalar Jesus anualmente. Em 2013, considerando o momento do Rio de Janeiro, como anfitrião de eventos de visibilidade mundial, elegemos o Projeto “Rio, de Braços Abertos”, com a finalidade de promover uma prática pedagógica contemporânea e significativa para a sociedade, com uma visão inclusiva.

 

Atividade no leito.

 

Rioeduca: Sabemos que a Classe Hospitalar Jesus possui um blog. Como surgiu a ideia de criar esse ambiente virtual?

 

Professora Elizabeth: Em 2010, surgiu a ideia de criar uma estratégia para divulgar o trabalho e suas potencialidades e a professora Karla Bastos, por dominar a ferramenta, inaugurou o blog.


O conteúdo do espaço virtual é atualizado periodicamente com o objetivo de manter os visitantes, alunos e pesquisadores informados sobre a dinâmica e gestão do trabalho no ambiente da Classe Hospitalar Jesus.

 

Aluno de Educação Infantil aprendendo sobre o corpo humano.

 

Conheça as matérias sobre a Classe Hospitalar Jesus publicadas no Rioeduca em 2010 e 2011.

 

Classe Hospitalar Jesus Recebe Medalha Pedro Ernesto.

 

Classe Hospitalar Jesus.
 

 

Conheça mais sobre o trabalho da Classe Hospitalar Jesus visitando seu blog:

http://classehospitalarjesus.blogspot.com.br/

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 

 Renata Carvalho – Professora da Rede e representante do Rioeduca, na 2ªCRE
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
Twitter: @tatarcrj




 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 26/03/2013

O Encanto desta Cidade É Meu

Tags: 2ªcre.

O concurso “O Encanto desta Cidade É Meu” estimulou nossos alunos a escreverem textos demonstrando admiração pelo Rio de Janeiro, cidade maravilhosa.

 

 

O pequeno Robert Vasconcelos dos Santos tem apenas nove anos e cursa o 4º ano do Ensino Fundamental na Escola Municipal Capistrano de Abreu no Jardim Botânico.


Robert participou do concurso “O Encanto desta Cidade É Meu” e foi vencedor na categoria aluno de oito anos a nove anos e onze meses.


A professora Renata Carvalho, representante do portal Rioeduca na 2ªCRE, foi à escola conversar com o Robert, sua família, professora e direção da unidade escolar. Vejamos a entrevista que o aluno concedeu ao portal Rioeduca.

 

Robert, professora Mariana Lousada e alunos da turma 1.401.

 

Rioeduca: Como ficou sabendo do concurso "O Encanto desta Cidade é Meu"?


Robert:  Porque a professora falou.

 

Rioeduca: Por que se interessou em participar do concurso? Quem incentivou?


Robert: A professora foi quem incentivou.


 

Da esquerda para a direita: Professora Mariana, diretora-adjunta Bárbara, aluno Robert e diretora Eliane.

 

Rioeduca: No que pensou quando escreveu o texto sobre o Rio de Janeiro?


Robert: Estava pensando em como fazer uma música, depois decidi fazer uma poesia. Pensei que a cidade tem muitos lugares interessantes e bonitos não só para quem mora aqui, mas também para os turistas.

 

Rioeduca: Você gosta de ler? Que tipo de leitura? Gosta de escrever?


Robert: Sim. Gosto de ler livros infantis com figuras. Gosto de escrever também.

 

Rioeduca: O que faz para se divertir?


Robert: Gosto de jogar futebol e brincar com meus primos.

 

Rioeduca: O que mais lhe agrada na escola?


Robert: Eu gosto muito do recreio e de escrever textos.

 

Rioeduca: Como se sentiu ao saber que seu texto foi vencedor na categoria alunos?


Robert: Fiquei feliz e me senti bem, vi que fui bem no texto. Na escola ganhei presentes, medalha, tirei fotos, dei entrevista e meu pai veio à escola.

 

Rioeduca: E a família, como se sentiu?


Robert: Minha mãe, meu pai e minha avó me acham pequeno para fazer um texto tão bom. Minha avó até chorou quando meu pai leu o texto. Todos ficaram felizes.


 

Aluno Robert e sua família.

 

Rioeduca: Deixe uma mensagem para a cidade pelos seus 448 anos.


Robert: Parabéns ao Rio de Janeiro pelos 448 anos. Muitas felicidades.


 

A professora Mariana Lousada, regente da turma 1.401, foi a grande incentivadora da participação de Robert no concurso. Ela nos conta um pouco sobre o desempenho do aluno na escola.


O aluno Robert Vasconcelos dos Santos é um menino muito educado e tranquilo. É amigo de todos e gosta de ajudar os colegas.


Realiza suas atividades com facilidade e autonomia, geralmente as conclui rapidamente.


Robert está há quatro anos na E.M. Capistrano de Abreu e todas as professoras anteriores concordam que ele sempre demonstrou interesse em aprender, prestar atenção e fazer as tarefas.


Fico feliz, na verdade todas nós, que seu texto tenha sido escolhido! No dia em que a atividade foi realizada, o Robert manteve-se muito concentrado e quando me mostrou sua produção fiquei maravilhada com tanta criatividade e sensibilidade para expressar seu carinho à nossa cidade

.
Parabéns! Curta esse momento tão legal que visa reconhecer e valorizar grandes trabalhos.”

 

Professora Mariana Lousada


 

Aluno Robert e professora Mariana Lousada.

 

A notícia que o texto de Robert venceu o concurso foi motivo de alegria e comemoração. O aluno foi homenageado pela direção e seus colegas. Além disto, o texto escrito por Robert foi exposto na entrada da escola. Clique aqui para ler o texto.

 

Robert sendo homenageado por seus colegas e equipe da escola.

 

Parabéns ao Robert, sua família e à equipe da E.M. Capistrano de Abreu!


Conheça o trabalho da E.M. Capistrano de Abreu visitando seu blog


https://emcapistranodeabreu.wordpress.com/

 

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

Renata Carvalho – Professora da Rede e representante da 2ªCRE, no portal Rioeduca
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
Twitter: @tatarcrj

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 12/11/2012

A Trilha Educativa “Rádio do Amanhã”

 

O projeto Bairro Educador da Rocinha, em parceria com a Escola Municipal Francisco de Paula Brito, realizou um projeto com os alunos da unidade escolar.  Através dele, os jovens puderam conhecer o ambiente de uma Rádio.

 

 

 

A gestora do núcleo do Bairro Educador da Rocinha, Maria do Socorro Melo, entrou em contato com o portal Rioeduca e contou um pouco sobre este trabalho que é realizado em parceria com algumas escolas da 2ªCRE. Confira mais detalhes na entrevista abaixo:

 

 

Rioeduca: Conte-nos como é realizado o trabalho do Bairro Educador?


Maria do Socorro: O Bairro Educador tem como objetivo integrar e articular os potenciais educativos do bairro e da cidade (espaços, pessoas, instituições, serviços públicos, empresas, entre outros) às escolas.   O Projeto Político Pedagógico de cada escola é utilizado como principal referência para o trabalho. Através de suas atividades, busca tanto promover o desenvolvimento integral dos estudantes, ampliando as oportunidades para sua educação integral, como também  despertar seu interesse no espaço escolar a partir da articulação e fortalecimento das redes locais.


O projeto investe na criação de oportunidades que possibilitem a integração entre a escola, os responsáveis e estudantes.  Para tanto, incentiva a circulação deles pela cidade e busca a valorização da escola pública, com a intenção de transformar o Rio em uma Cidade Educadora. O projeto é desenvolvido em todas as 152 Escolas do Amanhã e outras 57 escolas municipais que estão no seu entorno. Ao todo, são 51 Bairros Educadores na cidade do Rio de Janeiro.

 

 

Rioeduca: Como surgiu a ideia do projeto “Trilha Educativa – Rádio do Amanhã”?

 

Maria do Socorro: A Trilha Educativa chamada Rádio do Amanhã teve início em agosto deste ano, quando a gestora de núcleo do Bairro Educador Rocinha, Maria do Socorro Melo, e o gestor de Projetos, Leandro Lima, visitaram o parceiro Marcelo Santos, radialista da Rádio Globo. Nesse dia, já foram feitos os primeiros planejamentos para o desenvolvimento das atividades.

 


 

 

Crianças aprendendo como são realizadas as edições de áudio

 

 

Rioeduca: O projeto trouxe a ampliação de horizontes, pois os alunos tiveram a oportunidade de conhecer novos ambientes. Como foi o desenvolvimento desta atividade?

 

Maria do Socorro: O primeiro momento com os estudantes do 5º ano da Escola Municipal Francisco de Paula Brito, na Rocinha, foi a visita à Rádio Nacional no Centro do Rio.  Na rádio, eles conheceram a história da rádio, os espaços como os quadros históricos de antigos atores, os estúdios, o cenário onde eram realizadas as radionovelas e também participaram ao vivo do programa A Hora do Funk, com a presença do MC Junior.

 


 

Rioeduca: Quais desdobramentos aconteceram após a visita à Rádio Nacional?


Maria do Socorro: Após a visita à Rádio Nacional, os estudantes foram sensibilizados em sala de aula sobre a aula-passeio e convidados para participarem das oficinas que aconteceriam durante quatro semanas, sempre aos sábados, na Biblioteca Parque da Rocinha. Os estudantes aprenderam como elaborar textos para rádio, viram como se faz as edições e sonorização. Como tarefa principal eles produziram um esquete e realizaram a gravação. Os alunos criaram uma história sobre uma menina que, bem jovem, teve uma difícil decisão sobre o uso de drogas.

 

 

 

Marcelo Santos explicando algumas técnicas de gravação

 

 

Rioeduca: Como foi realizada a culminância do projeto?

 

Maria do Socorro: A Trilha encerrou dia 20 de outubro de 2012, com uma apresentação para os estudantes e, no final, a exibição do esquete com slides das fotos realizadas durante as aulas. Marcelo Santos, que ministrou as atividades da Trilha fez um discurso emocionado. “Vocês devem aproveitar todas as oportunidades boas, pois vão surgir muitas e tenho certeza que vocês só terão a ganhar.” Os estudantes gostaram muito do resultado final e pediram que fosse dada continuidade as atividades.

 


 

 

Aluna Bruna recebendo certificado

 

 

Parabéns ao Bairro Educador da Rocinha por oportunizar aos jovens atividades que promovam o protagonismo juvenil e a educação para a cidadania.

 

 

Quer conhecer mais sobre este trabalho? Visite o blog do Bairro Educador!


http://www.bairroeducador.blogspot.com.br/

 

 

Professor, o portal Rioeduca é um espaço feito por e para professores. Participe também! Entre em contato com o representante de sua CRE para divulgar o blog ou projetos desenvolvidos por sua escola.

 

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 

Contato:
Professora Renata Carvalho – Professora da rede e representante do Rioeduca, na 2ªCRE
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
Twitter: @tatarcrj

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 04/09/2012

A 2ª CRE em Busca da Educação de Qualidade

Tags: 2ªcre.

 

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB é uma avaliação criada pelo Governo Federal para medir a qualidade das escolas e redes de ensino. Nesta publicação, conheceremos mais duas escolas da 2ª CRE que se destacaram no IDEB.

 

Hoje falaremos sobre a E. M. Alberto Barth e a E. M. Sérgio Vieira de Mello que também superaram desafios e se destacaram no IDEB 2011, buscando uma educação de qualidade.

 

A E. M. Alberto Barth está localizada no bairro do Flamengo e se destacou no IDEB 2011 conseguindo a nota 7.4. A professora Regina Célia Pimenta, diretora da unidade escolar, respondeu algumas perguntas do portal Rioeduca, contando sobre a trajetória que levou a este desfecho de sucesso.

 


 

 

Imagem retirada do blog da escola

 

Rioeduca: A qual fator pode ser atribuído o sucesso no IDEB? A escola criou alguma estratégia especial?


Diretora Regina Célia: A união, o desejo de fazer acontecer da grande maioria que foi sendo conquistada através de conversas, esclarecimentos, solicitações e notórios convites. Sem dúvida, tudo isso contribuiu, e muito, para o sucesso.

 

Rioeduca: Como a equipe da E. M.  Alberto Barth se sente ao saber do bom desempenho da unidade escolar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB?


Diretora Regina Célia: Não só a nossa equipe, mas também grande parte da comunidade se sente muito feliz e almejando melhorar mais e mais o desempenho de nossa Unidade Escolar.

 


 

 

Professores da E. M. Alberto Barth

 

E. M. Sérgio Vieira de Mello

 

A E. M. Sérgio Vieira de Mello, localizada no bairro do Leblon, tem à frente da direção a professora Catarina das Graças Barbosa. A unidade escolar também demonstrou bom resultado na avaliação do IDEB 2011, aumentando sua nota para 7.0.

 

 

 

Imagem do blog da E. M. Sérgio Vieira de Mello

 

 

Sabemos que para alcançar estes avanços, confirmados pela avaliação do IDEB, existe um empenho por parte da direção, professores e alunos.  E para falar sobre isto, a diretora Catarina também respondeu as perguntas do portal Rioeduca.

 

Rioeduca: A qual fator pode ser atribuído o sucesso no IDEB? A escola criou alguma estratégia especial?


Diretora Catarina: O grupo de professores da escola é bem comprometido. As professoras do 5º ano se empenharam em formular exercícios e simulados para aplicar a seus alunos ao longo do ano. Professores de outras séries também contribuíram com suas sugestões. A análise constante dos resultados dos “simulados da escola” serviu de parâmetros para novos desafios e, assim, no último bimestre, já foi possível perceber o avanço significativo das turmas de 5º ano.  Cerca de 10 alunos nossos conseguiram ingressar no Colégio Pedro II.


 

 

Alunos da turma do 5º ano de 2011

 

 

Rioeduca: Como a equipe da E. M. Sérgio Vieira de Mello se sente ao saber do bom desempenho da unidade escolar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB?


Diretora Catarina: Estamos muito felizes, com a autoestima elevadíssima e cientes de que o êxito é de todos e que não seria possível sem a nossa união. Nossa certeza é de que não vamos nos acomodar com este resultado. Buscaremos índices ainda melhores.


 

 

Direção, Coordenação e professores da E. M. Sérgio Vieira de Mello

 

Parabéns a estas unidades escolares que superaram desafios e alcançaram bom desempenho no IDEB 2011. Sucesso a vocês!

 

Conheça mais sobre o trabalho destas escolas visitando seus blogs

E. M. Alberto Barth


E. M. Sérgio Vieira de Mello

 

Professor, o portal Rioeduca é um espaço feito por e para professores. Participe também! Entre em contato com o representante de sua CRE para divulgar o blog ou projetos desenvolvidos por sua escola.

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

Contato:
Professora Renata Carvalho – Representante do Rioeduca, na 2ªCRE
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
Twitter: @tatarcrj

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share