A A A C
email
Todos os posts escritos por Roberta Vitagliano - Representante Rioeduca 7ª CRE
Retornando 52 resultados para o autor 'Roberta Vitagliano - Representante Rioeduca 7ª CRE'

Terça-feira, 27/06/2017

Viver e Conviver: Amizade e Diálogo

Tags: 7ªcre, projetos.

 

No segundo bimestre, o EDI Medalhista Paralímpico Felipe de Souza Gomes desenvolveu o Projeto Viver e Conviver: amizade e diálogo. 

 

No Projeto Viver e conviver: amizade e diálogo, o EDI Medalhista Paralímpico Felipe de Souza Gomes abordou diferentes temas que contribuem para a construção de valores que favorecem a convivência harmoniosa em grupo e que contribuem para as relações sociais.

 

Foram desenvolvidas  atividades diversificadas, sempre englobando as áreas de conhecimento essenciais para o desenvolvimento infantil presente nas orientações curriculares para a educação infantil da secretaria municipal de educação.

 

    Mural elaborado pela turma EI -33 da professora Katury.

 

        Mural da Amizade, elaborado pela turmaEI-51, da professora Alessandra.

 

Na primeira semana de abril, foram desenvolvidas atividades que promoveram a solidariedade, tema fundamental para construir o diálogo, e ainda foi promovida a campanha "Aqui é um lugar de paz", onde construíu-se  um muro da paz na entrada de nossa escola, chamando a comunidade do entorno a refletir conosco sobre a temática.

Ainda nesse período, com a chegada da Páscoa, trabalhamos a data comemorativa, não apenas como uma data comercial, e abordamos os valores que vem junto com essa celebração. Estudamos os símbolos da Páscoa, tivemos a visita de um coelho de verdade e aprendemos que o coelho não põe ovos, além de entender como ele se alimenta.

 

                                                                                                                       História: Os Amigos.

                                                                

Seguindo essa temática, trabalhou-se o livro "Amigos" em diferentes turminhas. Foram feitas oficinas que trabalhavam o tema amizade, para o estímulo a convivência em grupo e a socialização. Foram elaborados lindos murais, confeccionados pelas crianças. Realizou-se atividades de percepção onde as crianças identificavam seus amigos, e ainda chamadinhas onde as crianças aprenderam a escrever e a identificar os nomes dos colegas.

 

   Professora Isabela Salerno, construindo o boneco Yuri em conjunto com a turma EI -42.

 

Na turma de pré-escola, a professora e seus alunos confeccionaram um novo integrante da turma, o boneco Yuri, que foi todo criado pelos alunos, como escolha do nome, cor de pele e tamanho. O mesmo foi elaborado com o objetivo de contribuir para a socialização pacífica e o cuidado com o outro, fundamental para o nosso projeto.

 

Boneco Yuri participando da roda da conversa.

 

                                                                                                     Boneco Yuti participando da refeição dos alunos.

 

O Yuri, nosso lindo boneco, participa da rotina e todos os dias uma criança cuida dele, ao final será elaborado um livro, onde as crianças relatam o dia a dia desses cuidados e sua importância.

No EDI Medalhista Paralímpico Felipe de Souza Gomes, entende-se que trabalhar valores na educação infantil é contribuir para a construção de uma consciência cidadã.

 

 

Parabéns a todos os envolvidos pelo trabalho realizado!

 

 

Contato para publicações:

robertavitagliano@rioeduca.net

Contato do EDI Paralimpico Felipe de Souza Gomes:

edimgomes@rioeduca.net

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 22/06/2017

Aqui É um Lugar de Paz - 7ª CRE

Tags: 7ªcre, projetos.

 

As unidades escolares da 7ª CRE continuam desenvolvendo  diversas ações envolvendo a campanha "Aqui é um Lugar de Paz" iniciada pela Secretaria Municipal de Educação.

 

A violência urbana é uma questão que desafia os cariocas há décadas. A nova campanha da Secretaria Municipal de Educação  acredita na capacidade de mobilização da comunidade escolar para conduzir uma ampla discussão em torno do tema (Multirio). Confira abaixo um pouco do trabalho que foi feito no mês de maio e junho em escolas, creches e EDIs localizados na 7ª CRE.

 

 

Escola Municipal Roberto Burle Marx

 

As turmas da unidade escolar trabalharam com o projeto proposto "Aqui é um lugar de paz". Incentivamos rodas de conversas com os alunos sobre os momentos de violência que tem acontecido no Rio de Janeiro e no mundo pelas manchetes dos jornais.

Algumas turmas debateram o que cada um poderia fazer para construir um mundo de paz. Outros subtemas foram pensados a partir dos relatos dos alunos, tais como: "Paz compromisso de todos" e "Como construir um mundo de paz".

Algumas turmas escreveram cartas e mensagens de paz. Outras desenharam o planeta em que vivemos e as belezas de nosso mundo.

Terminou-se a semana com uma apresentação, realizada na frente da escola, para os pais e toda a comunidade onde as crianças da educação infantil e ensino fundamental cantaram a música "A Paz" do grupo Roupa Nova, uma releitura de um sucesso de Michael Jackson, "Heal the world".

 

Apresentação na frente da escola.

 

Mural com o tema paz.

 

Mural com o tema paz.

 

     Alunos preparando mural com tema paz.

 

 

Escola Municipal Dom Pedro I 

 

As professoras Cristina Andriotti (Português) e Fátima Paiva (AC8) elaboraram atividades com suas turmas sobre o tema: “Aqui é um Lugar de Paz”. Depois de todas as notícias nocivas que vem assolando nossa cidade que impulsiona toda a comunidade escolar a levantar a bandeira da Paz! Com momentos de reflexões, de registros e de criatividade os alunos transportaram da sala de aula para os corredores da escola seus sentimentos que a escola é um lugar de paz.

 

Mural com tema paz.

 

Aluno produzindo mural com árvore da paz.

 

Mural coletivo o que é paz para você,

 

Poesia com tema paz.

 

Escola Municipal General João Mendonça Lima

 

Na Escola General Mendonça Lima aconteceu a apresentação da carta proposta para os alunos e demais segmentos nas reuniões e mobilização de todos os segmentos para o fortalecimento de ações coletivas pela não-violência e promoção da paz.

Também foram desenvolvidas atividades diversificadas, tais como debates e oficinas dinamizadas por professores de diferentes disciplinas, destacando-se as atividades desenvolvidas pela Sala de Leitura, pelos professores de arte e regentes das turmas de projetos. Aconteceu leitura e reflexão utilizando notícias da atualidade, divulgadas em diferentes mídias, textos literários e letras de músicas; exibição de vídeos com diferentes abordagens sobre o tema; esculturas com materiais de reciclagem; confecção de murais e cartazes; sessões CINECLUBE e oficinas de poesia.

                                  

Atividades realizadas na escola com o tema paz.

 

Escola Municipal Nossa Senhora do Loreto

 

 

Dobradura da pomba da paz.

 

Atvidade artistica com o tema paz.

 

Cartaz com o tema paz.

 

 

Escola Municipal Alberto Rangel

 

Dramatização pela Paz.

 

 

CIEP João Batista dos Santos

 

Foram feitos  murais durante a campanha da Paz. A escola selecionou  a frase que melhor complementou o lema da campanha "Aqui é lugar de paz".

 

              Mural com tema paz.

 

       Mural coletivo com frases de várias turmas.

 

Aqui é um lugar de paz, segundo a turma 1203.

 

Escola Municipal Candido Campos

 

Trabalho desenvolvido com as turmas de oitavo ano: 1803 e 1804. Releitura de GUERNICA/ PABLO PICASSO. TÍTULO DA RELEITUA: " RIO SEM GUERNICA". Usou-se como foco norteador o movimento AQUI É UM LUGAR DE PAZ". Profª Danielle Aguiar, Artes plásticas.

 

     Mural com releitura da obra de Guernica e o tema paz.

 

              Detalhe do mural : Rio sem Guernica.

 

 

As  escolas da rede municipal de ensino iniciaram um movimento pela paz e já têm um compromisso especial marcado para o dia 02/07: um ato contra a violência no Aterro do Flamengo, no qual os alunos serão os protagonistas, reunirá milhares de pessoas, entre estudantes, professores e funcionários.

A ação, que acontecerá nas proximidades do Monumento aos Mortos na Segunda Guerra Mundial, tem como objetivo construir ambientes de paz, onde não haja violência, racismo, preconceito ou qualquer tipo de humilhação. A Secretaria Municipal de Educação (SME) acredita que a questão da violência se tornou um problema central na vida social do Rio de Janeiro.

 

 

Parabéns a todas as unidades escolares e à todos os envolvidos

pelas atividades realizadas!

 

 


 

 

 

 

Contato para publicações:

robertavitagliano@rioeduca.net

Contato da Escola Roberto Burle Marx:

emrbmarx@rioeduca.net

Contato da Escola Dom Pedro I:

emdpedro@rioeduca.net

Contato da Escola General  João Mendonça Lima:

emjmlima@rioeduca.net

Contato da Escola Nossa Senhora do Loreto:

emloreto@rioeduca.net

Contato da Escola Alberto Rangel:

emarangel@rioeduca.net

Contato do CIEP João Batista dos Santos:

ciepsantos@rioeduca.net

Contato da Escola Candido Campos:

emccampos@rioeduca.net

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 13/06/2017

III FLIG - Feira Literária da Gastão

Tags: 7ªcre, projetos.

 

 

 A terceira feira literária da Escola Municipal Gastão Monteiro Moutinho (III FLIG) aconteceu no dia 6 de maio, apresentando a temática dos contos de fadas.

 

A III FLIG (Feira Literária da Gastão) apresentou o mundo dos contos de fadas, trazendo para o espaço escolar o encantamento, o sonho e o retorno de elementos da infância dos alunos, dos pais e de todos.

 

       Entrada da III FLIG.

 

A primeira edição da feira literária da Escola Municipal Gastão Monteiro Moutinho aconteceu em 2015. Em meio a tantos sonhos, propostas e realizações, surgiu a necessidade de trazer os pais para dentro da escola, num momento de puro prazer, onde pudessem interagir, aprender e usufruir do espaço escolar, entendendo todas as suas nuances.

 

   Primeira edição da FLIG.   

 

 

        Segunda edição da FLIG.

                                                   

Em 2015, o tema foi autores cariocas e em 2016, o tema "Viagem de um cavaleiro andante em terras maravilhosas", que foi uma homenagem ao centenário de Dom Quixote e ainda contou com outros autores.

A III FLIG aonteceu com a presença da equipe escolar, alunos e com a presença dos responsáveis. Mais de 400 pessoas visitaram a feira literária. No evento teve contação de histórias, oficinas de arte, doação de livros , espaço lúdico, cineminha , exposição de trabalhos e estandes com os diversos clássicos da literatura infantil.

 

 

 

 

 

   Estande da história Rapunzel.

 

          Estande da história Chapeuzinho Vermelho.

 

 

             Estande da história Cinderela.

 

 

      Estande da história Branca de Neve.

 

As turmas de Educação Infantil trabalharam as histórias da Rapunzel e João e Maria. No primeiro ano foi trabalhado a história da Branca de Neve e os 7 anões. O segundo ano, a história da Chapeuzinho Vermelho. O terceiro ano, a história da Cinderela. Os músicos de Brenem foi a história tema do quarto ano. No quinto ano, a escolha foi a a pequena vendedora de fósforos. E o sexto ano trabalhou com a história da Bela Adormecida.

A III FLIG envolveu toda a comunidade escolar, sendo um momento único para a Escola Municipal Gastão Monteiro Moutinho. A equipe escolar já está pensando na edição de 2018.

 

 

    Equipe da escola reunida.

 

Parabéns a todos os envolvidos pelo trabalho realizado!

 

 

Visite o blog da escola e veja mais sobre a III FLIG e outras atividades:

http://emgastao.blogspot.com.br/

Contato da escola:

emmoutinho.rioeduca.net

Contato para publicações:

robertavitagliano@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 30/05/2017

Artes Cênicas e o Combate às Arboviroses

Tags: 7ªcre, projetos.

 

A professora Claudia Vieira, da Escola Municipal Frederico Trotta, desenvolveu um projeto com artes cênicas envolvendo turmas de 7º ano a partir da campanha da rede de prevenção aos vírus dengue, zika e chikungunya.


Claudia Vieira, professora de artes, pesquisou material na Multirio e apresentou aos alunos, conversando e pedindo que cada turma desenvolvesse uma atividade cênica sobre o tema. Como já trabalha com audiovisual, propôs as atividades nessa linguagem.

 


 

Turma 1701: apresentou a animação com a música “Pra dengue sambar” e trabalhamos percussão corporal, um pouco de coreografia e confecção de adereços.

Turma 1702: divididos em grupos, foi pedido que cada um criasse duas notícias, uma previsão do tempo relacionada ao período de chuvas e se dividissem nos personagens apresentador de telejornal, repórter e entrevistados.

 

 

Turma 1703: também divididos em grupos deveriam criar uma história em quadrinhos partindo dos personagens “caça-aedes”, ao invés de desenhos, fotos montando os quadros onde eles mesmos seriam os personagens.

 

 

Turma 1704: Também inspirados em animações da Multirio, pedi que cada grupo criasse um jogo de diversas modalidades esportivas entre cidadãos e mosquitos (ou vírus). Porém, o texto deveria abordar causas e consequências da não prevenção e com a vitória da prevenção. A linguagem escolhida também foi a edição de fotografias.

 

 

Foi usado sempre o horário das aulas de arte cênica (2 tempos semanais) para criação, ensaio, filmagem e fotografia. A edição foi feita pela professora, pois é um processo que eles ainda não dominam.

Os adereços foram confeccionados por eles ou do acervo da professora, que fez questão de usar somente adereços e que eles estivessem de uniforme e não figurino, e também mostrar o espaço da sala de aula como um espaço lúdico. 

                                                                                                                   Informações enviadas pela professora Claudia Vieira.

 

Parabéns aos envolvidos pelo trabalho realizado!

 

Contato para publicações:

robertavitagliano@rioeduca.net

Contato da E.M.Frederico Trotta:

emftrotta@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share