A A A C
email
Todos os posts escritos por Suelen Corrêa
Retornando 55 resultados para o autor 'Suelen Corrêa'

Segunda-feira, 27/07/2015

Projeto Meu Mundinho

Tags: 10ªcre.

 

 

 

 

A Escola Municipal Ricardo Brentani, da 10ª Coordenadoria Regional de Educação, fica localizada nas dependências da Cidade das Crianças Leonel Brizola, atendendo aproximadamente 480 alunos da Educação Infantil ao 6º ano.

 


A Unidade Escolar foi construída recentemente, há cerca de três anos, visando o melhor atendimento para os alunos do bairro Jesuítas e Palmares.


Dentre os muitos projetos desenvolvidos pela unidade, o que se destacou no 2º bimestre foi o Projeto “Meu Mundinho”, que tinha como temas transversais: Valores Éticos, Morais, e de Consciência Ambiental, exercendo a Cidadania Crítica - cada vez mais necessária para uma sociedade mais igualitária e consciente.


O projeto aconteceu no mês de junho, englobando todos os trabalhos desenvolvidos no primeiro semestre, tendo como objetivo principal desenvolver atividades que mobilizassem iniciativas de preservação do Meio Ambiente, fazendo-os refletir sobre valores fundamentais.

 

 

Alunos desenvolvendo atividades de leitura e registro de conhecimento em cartazes.

 

Para a realização deste Projeto, a Unidade Escolar contou com as parcerias do Núcleo de Educação ambiental da 10ª CRE, Professor Álvaro e Secretaria de Meio Ambiente da Cidade (Plantio de Mudas de Árvore, compostagem e horta escolar adaptada), Biblioteca Rachel de Queiroz (Concurso de Poesias Rio 450 Anos), Usina Comunitária CSA (Peça Teatral: Homem de Aço), Parque da Cidade das Crianças (visitas guiadas), Instituto Boto Cinza, SMDS (CRAS Maria Clara Machado), SMS (Palestra sobre Bullyng) e Planetário da Cidade das Crianças.


Atividades Desenvolvidas:


Roda de Leitura:

Livros da Coleção “Meu Mundinho”, de Ingrid Biesemeyer Bellinghausen. 

Cada turma trabalhou um tema da coleção através de cartazes, debate, listas de iniciativas para um mundo melhor, campanha da paz, dobraduras e reciclagem.

 

Sala Temática Mundo Verde:

Contando Histórias sobre o Meio Ambiente (As turmas visitaram a sala temática, onde puderam vivenciar um mundo de fantasias e cheio de atitudes para preservação da natureza).

 

Exposição dos Trabalhos

Visita Guiada com os Professores no Parque da Cidade das Crianças

Parceria:

Núcleo de Educação ambiental da 10ª CRE, desenvolvendo em conjunto com a escola: Horta Escolar Adaptada, Plantio de Árvores, Noções de Reciclagem Orgânica (Compostagem), Projeto Abraçando o Boto Cinza.

 

Livros Trabalhados

  • O Mundinho; 
  • O mundinho de boas atitudes; 
  • O Mundinho azul; 
  • De olho na Mata Atlântica; 
  • Os Conselhos do Lobinho; 
  • O Livro do Planeta Terra; 
  • Um Mundinho para Todos; 
  • Um Mundinho Sem Bullyng; 
  • De olho na Amazônia; 
  • Raio de Sol;
  • Coleção Meio Ambiente; 
  • Coleção Meu Mundinho.

 

Alunos construindo cartazes e desenvolvendo a interpretação das leituras trabalhadas.

 

Cartazes desenvolvidos pelos alunos.

 

Alunos na culminância do projeto, apresentando os trabalhos.



Neste primeiro semestre, foi muito interessante e prazeroso vermos alunos, professores, funcionários, comunidade escolar e equipe de gestão e coordenação envolvidos no projeto. Agradecemos a todos pelo empenho e dedicação! Englobar o projeto Meu Mundinho ao nosso Projeto Político Pedagógico, “Cidadania – Um Exercício de Valores”, foi uma experiência enriquecedora e emocionante, pois reforçamos valores fundamentais para o real exercício de cidadania. Continuaremos no segundo semestre com mais atividades e projetos.”
 

Equipe de Gestão e Coordenação

 

 

Escola Municipal Ricardo Brentani:

embrentani@rioeduca.net

 

Parabéns aos Gestores!
Parabéns aos Professores!
Parabéns aos Alunos!
Parabéns à Comunidade Escolar!


Suelen Corrêa
é Professora da Rede Municipal
e Representante do Rioeduca da 10ª CRE
Contato:
suelencorrea@rioeduca.net
twitter: @suelencorrea29


 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 20/07/2015

Brincando com o Meio Ambiente

Tags: 10ªcre.

 

 

A Creche Adalto Bastos, da 10ª Coordenadoria Regional de Educação, localiza-se na Estrada Santa Eugênia S/Nº, Jardim Sete de Abril, em Paciência, atendendo a 119 crianças nos seguintes grupamentos: Berçário, Maternal I e Maternal II.

 


No mês de junho a Unidade Escolar realizou o “Dia do Bincar” com alunos da turma EI-51, trabalhando o ensino de Ciências.

 

Alunos participando do Dia do Brincar de Ciências.

 


As atividades foram desenvolvidas pela professora Maria de Lima e pelos Agentes da Educação Infantil: Gislene, Andréia, Jaqueline e Leonardo.


No primeiro momento, as crianças ouviram a contação da história “O Minhoco Apaixonado”, de Alessandra Pontes Roscoe. A sessão de contação foi muito especial com a tia Maria.


Após a contação, a professora utilizou a tradicional cantiga popular. “Minhoca”:


“Minhoca, minhoca, me dá uma beijoca...
Não dou, não dou... Então eu vou roubar.
Minhoco, minhoco,
Você tá ficando louco, você beijou errado,
A boca é do outro lado!”


Com o objetivo de ressaltar a importância dos vegetais para os seres vivos, a professora plantou: alecrim, hortelã, salsinha e, também, algumas flores, como cravina, onze horas e rosa de pedra. Aproveitando a oportunidade, a professora falou sobre o habitat onde vive a minhoca, e como elas são importantes para a terra e plantinhas.

 

Professora Maria de Lima plantando com os alunos

 

Preparados para o segundo momento na área externa, as crianças vivenciaram com alegria cada passo das atividades .


O alunos do Berçário reunidos ouviram a professora Maria apresentar os vegetais plantados e cantaram a música Alecrim:


Alecrim
Alecrim dourado que nasceu no campo sem ser semeado
Alecrim
Alecrim dourado que nasceu no campo sem ser semeado

Foi meu amor que me disse assim que a flor do campo é o alecrim
Foi meu amor que me disse assim que a flor do campo e o alecrim

 

Enquanto cantavam, os alunos apreciavam a Professora Maria plantando utilizando garrafa pet, ferramentas e húmus...


O que mais chamou atenção dos bebês foi a minhoca na mão da professora. Ela mostrou o lugar que a minhoca mora e a sua importância para a terra e as plantinhas.


O jardineiro Raphael apresentou o pulverizador para molhar a plantação.


Após terminar a plantação, a professora Maria pendurou a jardineira confeccionada com o grupamento EI-51 em uma árvore para que as crianças pudessem observar e regá-la diariamente.

 

Plantação dos alunos

 

Alunos participando das atividades de plantação

 

Enquanto os alunos brincavam de agricultores e jardineiros, desenvolviam conhecimentos sobre os seres vivos. A professora organizou as atividades junto às crianças para que o conhecimento pudesse ser explorado de forma criativa, lúdica e prazerosa, levando-os a descobrir o mundo natural que os cercam.
 

 

Creche Municipal Adalto Bastos:

cmabastos@rioeduca.net

 


Parabéns aos Gestores!
Parabéns aos Professores!
Parabéns aos Alunos!


Suelen Corrêa
é Professora da Rede Municipal
e Representante do Rioeduca da 10ª CRE
Contato:
suelencorrea@rioeduca.net
twitter: @suelencorrea29

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 13/07/2015

Brincar Sem Muros

Tags: 10ªcre.

 

 

 

A Escola Municipal Leôncio Corrêa, da 10ª CRE, fica na Ilha de Guaratiba, atendendo alunos de 4 a 12 anos, distribuídos em 13 turmas da Educação Infantil ao 5° ano do Ensino Fundamental. A quantidade atual da Unidade Escolar é de 272 alunos.

 


A Ilha de Guaratiba é uma área que possui muito verde, cercada por plantações e sítios. A Unidade Escolar tem o privilégio de contemplar toda esta natureza, e faz uso dela da melhor forma possível. Ensina os alunos a importância da preservação, do convívio com a natureza, e incorpora este elemento natural às aulas ministradas.

 

Professora Sandra Navarro, diretora geral Ana Paula Cardoso e coordenadora pedagógica Suzana Huguenin.

 


As possibilidades de retomada dos princípios fundamentais para a valorização do “homem” exigem o exercício da autocrítica, o que passa pela verdadeira vontade de mudar. Nesse processo, o outro voltará a ser visto como ser humano, com suas inerentes diferenças, sem preconceitos ou exclusões.


“Qual de nós não deseja um mundo sem guerras e violência? Sem fome, poluição e mais verde? Um mundo que valorize a todos e a cada um, como personagem único e imprescindível para o coletivo?"

Estas foram as reflexões e as aspirações que levaram à construção do Projeto Político Pedagógico (PPP) intitulado: “Do mundo que queremos ao mundo que construímos".

Sintonizadas com as aspirações do PPP e o Planejamento Anual, e voltado à celebração dos 450 anos da fundação da cidade do Rio de Janeiro ("Rio você foi feito pra mim"), no segundo bimestre, o tema trabalhado foi “Rio de mil valores”. Também foi desenvolvido com as turmas da Educação Infantil o subtema “Respeito”, incluindo o respeito à natureza.

Dessa forma, em 30 de junho, no dia do “Brincar sem muros” (projeto elaborado pela Gerência de Educação Infantil), as três turmas da Educação Infantil optaram por fazer uma caminhada ecológica pelas ruas do bairro que ainda preservam a característica rural, com seus hortos, chácaras e haras. São paisagens que contribuem grandemente para o projeto paisagístico da cidade.

 

 

 

 

 

Alunos participando do "Dia do Brincar".

 


As belezas naturais existentes em cada caminho percorrido, a beleza do rio de águas claras sem a poluição, reservatórios de água e o verde existente foram admirados e estudados pelos alunos da Unidade Escolar.

Essa atividade foi bem proveitosa para que as crianças e seus professores conhecessem um pouco mais da região onde a comunidade escolar desenvolve as suas atividades cotidianas, buscando a exploração do mundo, do próprio corpo, do espaço a que pertencem, do reconhecimento e das relações sociais de convivência, das pessoas e dos objetos que estão nele, suas características e usos, dos elementos que compõem a localidade e a dinâmica da natureza.

As professoras Suzana Huguenin e Sandra Navarro, assim como a agente educadora Gleice, estimularam seus alunos a estabelecerem relações dos temas desenvolvidos nas aulas com a realidade que se apresentava através de um passeio lúdico e divertido pelo entorno da escola.

Logo, alguns alunos estabeleceram relações entre a linda paisagem local e os cenários dos contos de fadas, trabalhados como temas geradores durante as aulas, levando os demais alunos a seguirem os seus exemplos e, assim, viajarem na imaginação. Conceitos como preservação do ambiente, exploração dos sentidos, diversidade da fauna e flora, ciclos da natureza, paisagem natural e modificada, habitat dos animais...


Sandra Navarro, entusiasta da Literatura Infantil e do folclore brasileiro, aproveitou o ensejo para incrementar o passeio: uma trilha de formigas carregando pedaços de folhas lembrava a fábula da “Cigarra e a Formiga”; um cavalo remetia aos contos de fadas com seus príncipes e princesas; o portão do palácio da Cinderela; o convite para o baile real colocado na caixa de correio do castelo; um bambuzal ao Saci Pererê; uns casebres destruídos lembravam as más ações do Lobo Mal atacando as casas dos Três Porquinhos; as folhas devoradas pelas lagartas ao livro “A Primavera da Lagarta”, e assim por diante. A alegria e empolgação das crianças foram contagiantes e até os transeuntes participaram da brincadeira.

Voltando à escola, o passeio rendeu bons frutos: resultou em trabalhos como: relato oral das observações e sensações obtidas, desenhos livres, técnicas de artes aproveitando o relevo das folhas coletadas, modelagem de animais, entre outras atividades que foram para o portfólio dos alunos.

Com toda essa dinâmica, foi fácil para os alunos entenderem que, se tiverem boas ações, preservando e respeitando o ambiente, poderão viver constantemente no “mundo das fadas”.

 

Escola Municipal Leôncio Corrêa

E-mail: emleoncio@rioeduca.net

 

 

Parabéns aos Gestores!
Parabéns aos Professores!
Parabéns aos Alunos!

 


Suelen Corrêa
é Professora da Rede Municipal
e Representante do Rioeduca da 10ª CRE
Contato:
suelencorrea@rioeduca.net
twitter: @suelencorrea29

 


 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 03/07/2015

O CIEP e seus Projetos

Tags: 10ªcre, ciep.

 

 

 

O CIEP Ismael Nery, da 10ª CRE, localizado na Zona Oeste, no bairro do Cesarão, atende aproximadamente 1.100 alunos, com grupamentos do 6º ao 9º ano de escolaridade, mais a modalidade de ensino de PEJA.

 

No decorrer do 1º bimestre alguns projetos tiveram destaque, sendo trabalhados com todos os alunos. São eles:

 

Projeto Somos Autores:

 

A professora de Língua Portuguesa Marilene Moreira desenvolveu com suas turmas um projeto chamado "SOMOS AUTORES", visando aproveitar toda produção de texto dos alunos.

 

A primeira atividade foi em comemoração aos 450 anos do Rio de Janeiro. Foi feito um cartão mostrando uma figura de um presente que daria ao Rio. Em seguida, escreveu, dentro do cartão, porque daria aquele presente. A atividade dos alunos consistiu em trazer figuras de presentes que ofereceriam ao Rio e depois tinham que explicar o porquê escolheram aquele presente. Surgiram as mais curiosas e variadas explicações para os presentes oferecidos. Os alunos se envolveram bastante na execução da atividade.

 

Alunos deixando suas mensagens.

 


Semana da Alimentação:

 

Foi desenvolvido um projeto a partir do conceito de que a alimentação saudável é uma grande aliada para se viver mais e melhor. Atualmente, o ser humano vivencia uma grande transição alimentar, em que trocou alimentos naturais por alimentos industrializados, com conservantes, aromatizantes, agrotóxico etc. Assim, para o organismo funcionar adequadamente, o corpo precisa de matéria-prima, que são os nutrientes. Infelizmente, estes estão sendo esquecidos na alimentação moderna. Nessa atividade, o principal objetivo foi apresentar aos alunos os benefícios de uma alimentação saudável. Para tal, várias atividades foram realizadas em sala de aula.


1) Confeccionar a roda dos alimentos com a turma 1804:

Com massa de biscuit, os alunos modelaram os alimentos. Em seguida, os alunos formaram uma roda e foi debatido sobre a importância do consumo daqueles alimentos. A roda serviu para aula de todas as turmas do oitavo ano e, depois, foi colocada em exposição na escola.

 

2) Dia-a-dia x açúcar:

Como já ouvimos: "Não coma isso, tem muito açúcar!", mas você sabe qual a quantidade de açúcar nos alimentos? Em alguns casos, é difícil acreditarmos em algo que não vemos, e você pode até se perguntar: "Será que essas pessoas têm razão quando dizem isso ou estão apenas fazendo tempestade num copo d’água"? 


Ao fazer esse questionamento com os alunos, percebeu-se que eles associam açúcar apenas aos doces. Para esclarecer em que alimentos encontramos açúcares, foi pedido que os alunos trouxessem diferentes embalagens. Em sala foram analisados os rótulos, e eles conseguiram detectar a presença de açúcar em vários alimentos consumidos por eles. Depois, calcularam a quantidade de açúcar em cada embalagem, pesaram o açúcar, colocaram em saquinhos e confeccionaram um cartaz com essas informações.

 

Essa atividade foi extremamente proveitosa, pois foram trabalhados conceitos das disciplinas de Ciências e Matemática. A partir desse conceito inicial, ao analisarem o cartaz, foi iniciado um debate sobre o diabetes, doença na qual o portador tem dificuldade de produção de insulina devendo moderar no consumo de glicose.

 


3) A importância de comer frutas:

Trabalhou-se o conceito de que as frutas são grandes fontes de nutrientes, principalmente de vitaminas e minerais. Elas ajudam na limpeza do organismo, eliminando impurezas e auxiliando no funcionamento do intestino, e reduzem o risco de doenças crônicas, como depressão, doenças do coração e cânceres, além de ajudarem na regulação do colesterol. Desenvolveu-se uma atividade em grupos para pesquisar a importância do consumo de cada fruta.

 

A atividade foi excelente para a troca de informações que achavam na internet e anotações (para confeccionar cartazes). Alguns alunos fizeram desenhos das frutas, outros pintaram.
 

Tudo terminou em uma deliciosa salada de frutas...


O trabalho em grupo, a troca de informações, a salada de fruta foi uma excelente experiência para os alunos da turma 1802.

 

 

Alunos realizando as atividades

 

Alunos realizando as atividades.

 

Organizados em grupos, os estudantes discutiram seus erros e refizeram as tarefas, quando necessário. Em algumas situações, a linguagem do outro colega pode ser mais eficaz do que a da professora. A atividade em grupo é extremamente importante pois os alunos se apropriam melhor das informações e aprendem a resolver conflitos, não somente de relações, mas também de conhecimentos.

 

Parabéns aos Professores!
Parabéns aos Alunos!
Parabéns à Comunidade Escolar!

 


CIEP Ismael Nery

e-mail: ciepinery@rioeduca.net

 


Suelen Corrêa
é Professora da Rede Municipal
e Representante do Rioeduca da 10ª CRE
Contato:
suelencorrea@rioeduca.net
twitter: @suelencorrea29


 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share