A A A C
email
Retornando 28 resultados para a tag 'entrevistas'

Segunda-feira, 23/01/2012

E.M. Leitão da Cunha - Os Melhores Anos de minha Vida Escolar

Tags: 2ªcre, entrevistas.

 

É com muito orgulho, que hoje relatamos algumas histórias de alunos da E.M. Leitão da Cunha que tiveram êxito na vida escolar.

 

As alunas Bruna Nicolly Caldeira Soares e Nátalie Louise Lopes Maia Nicol, cursaram o 5º ano do Ensino Fundamental na E.M. Leitão da Cunha e no final do ano letivo prestaram concurso para cursar o 6º ano do Ensino Fundamental no Colégio Pedro II.

 

Da esquerda para a direita: Bruna Nicolly, Diretora Nancy e Nátalie Louise

 

Bruna Nicolly foi aprovada em 14º lugar para a unidade Tijuca do Colégio Pedro II e Nátalie Louise foi aprovada na primeira fase do concurso e aguarda a reclassificação. Porém, em função de seu bom desempenho no concurso, Nátalie Louise ganhou bolsa de estudos em uma instituição particular.

 

Da esquerda para a direita: Bruna Nicolly e Nátalie Louise

 

As alunas participaram desta entrevista acompanhadas de suas mães.


A senhora Ireninha Caldeira Soares, mãe de Bruna Nicolly, nos contou que sua filha estuda na E.M. Leitão da Cunha desde a Educação Infantil e considera que a equipe desta unidade escolar é preparada e dedicada ao ensino dos alunos.


Bruna Nicolly ficou muito feliz por ter alcançado seu objetivo, pois a ideia de prestar concurso lhe foi apresentada por sua mãe e ao longo do ano teve o apoio da escola para que tudo desse certo. A aluna conta que se dedicou bastante durante as aulas na escola e em casa reservava um horário para estudar com material fornecido por professores e colegas.


“Estudar na E.M. Leitão da Cunha foram os melhores anos da minha vida escolar. Desejo que continue sendo uma escola de excelência”. – Bruna Nicolly
 

Bruna Nicolly e sua mãe Ireninha

 

Nátalie Louise foi incentivada por sua família a prestar concurso para escolas do 6º ano do Ensino Fundamental. Durante o ano dedicou-se a estudar para o concurso e teve o incentivo da escola e da família. Ela nos conta que está muito feliz e pretende continuar estudando.
A mãe de Nátalie Louise, a senhora Nilza Carla Lopes Maia, relata que sempre conversou com sua filha sobre a importância de dedicar-se aos estudos e escolheu a E.M. Leitão da Cunha porque teve boas referências da escola. Nilza Carla costuma participar das reuniões de responsáveis porque considera importante a parceria entre família e escola.


“Gostei muito de estudar aqui. É uma boa escola e temos que valorizá-la” – Nátalie Louise
 

Nátalie Louise e sua mãe Nilza Carla

 

Além das duas alunas que concluíram o 5º ano do Ensino Fundamental na E.M. Leitão da Cunha em 2011, uma ex-aluna da escola também teve êxito ao prestar concursos para colégios do Ensino Médio.


Lara Martina Gomes Cartier Cariné Ferreira, neta da diretora Nancy, concluiu o 5º ano na E.M. Leitão da Cunha e o 9º ano do Ensino Fundamental na E.M. Affonso Penna. Lara foi aprovada para cursar o Ensino Médio no NAVE ( Núcleo Avançado em Educação) e fará o Curso de Multimídias.


Lara nos conta que soube do NAVE desde que cursava o 6º ano, por isso dedicou-se em estudar para passar nas provas do concurso desta instituição de ensino.

 

Da esquerda para a direita: Diretora Nancy, Lara e sua mãe Ana Lucia

 

Meninas, parabéns pela conquista!  Muito sucesso na próxima etapa escolar.

Blog da escola http://leitaodacunha.blogspot.com/

 

Conheça outra publicação sobre a E.M. Leitão da Cunha aqui no Portal Rioeduca http://www.rioeduca.net/blogViews.php?id=1695

 

Envie também os relatos de sucesso de sua escola e participe do Portal Rioeduca.

Gostou desta publicação? Deixe um comentário!

 

Professora Renata Carvalho – Representante Rioeduca 2ª CRE
Twitter: @tatarcrj
Email: renata.carvalho@rioeduca.net



 

 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 16/01/2012

E.M. Anne Frank - Contribuindo para o Sucesso de seus Alunos

Tags: 2ªcre, entrevistas.

 

Guilherme Leite de Lima, aluno da E.M. Anne Frank, foi aprovado no concurso de seleção para o 6º ano do Colégio Pedro II. Hoje, Guilherme e sua mãe, a senhora Maria José Leite de Andrade, nos contam um pouco sobre a rotina de estudos deste jovem.

 

Aluno Guilherme Leite de Lima 

 

Guilherme cursou o segundo semestre do 5º ano do Ensino Fundamental na E.M. Anne Frank por ser uma escola próxima a sua residência e por ter boas referências sobre o ensino nesta unidade escolar, inclusive, a mãe do aluno ressalta como excelente a equipe de profissionais da escola. Para ela, a E.M. Anne Frank é uma escola empenhada em formar cidadãos.

Antes de ser aluno desta escola Guilherme estudou em outra unidade escolar de nossa rede, a E.M. Senador Corrêa, onde cursou da Educação Infantil até o primeiro semestre do 5º ano do Ensino Fundamental colaborando, também, com sua formação.


Maria José conta que conversou com o filho sobre a importância de estudar e se dedicar para passar no concurso. Ela costuma participar das reuniões de responsáveis, pois é o momento de saber sobre a vida escolar do filho e poder ajudar no que for preciso.


Guilherme e sua mãe Maria José

 

Guilherme nos conta que ficou muito feliz ao saber de sua aprovação para o Colégio Pedro II, pois alcançou o objetivo pretendido por ele e por sua família.


A ideia de prestar concurso para escolas do 6º ano do Ensino Fundamental, foi apresentada pela chefe da mãe de Guilherme. A família aceitou a ideia e o incentivou a estudar dedicando-se às aulas na escola e também reservando tempo para estudar em casa.


Guilherme diz que gosta muito das aulas de Matemática e de pegar livros emprestados na Sala de Leitura da escola.

Ele deseja que a E.M. Anne Frank continue sendo cada vez melhor, pois isso incentiva os alunos a estudarem. E para aqueles que irão prestar concursos no ano de 2012, Guilherme aconselha que estudem muito para alcançar o objetivo.

 

Diretora Fátima e o aluno Guilherme

 

Guilherme, parabéns pela conquista! Muito sucesso nesta nova etapa!


 

Participe também do Portal Rioeduca divulgando os blogs e as ações pedagógicas realizadas em sua escola. Para isto, entre em contato com o representante de sua CRE.

Gostou desta matéria? Deixe um comentário!

 

Professora Renata Carvalho – Representante Rioeduca 2ª CRE
Twitter: @tatarcrj
Email: renata.carvalho@rioeduca.net

 


 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 12/01/2012

Dedicação e Profissionalismo: Professor Vitor Hugo Almeida

Tags: 7ªcre, entrevistas.

 

Vitor Hugo Almeida é professor das séries iniciais desde 1999, e entrou na Rede Municipal em 2004.Ele ganhou o Prêmio Rioeduca 2011 na categoria Rio de Leitores com o projeto Inovando com Recursos Educativos - Educopédia na 7ªCRE. É graduado pela Universidade Estácio de Sá, no Curso de Licenciatura Plena de Pedagogia.É um professor dedicado e que está sempre buscando melhorar a qualidade de ensino dos seus alunos.

Professor Vitor Hugo Almeida com o troféu Rioeduca em 2011 

 

   Além de professor da rede municipal, ele também já prestou assessoria a Equipes Gestoras de OSC´s na Comunidade “São José Operário” (Estácio) no acompanhamento a Educadores Sociais Comunitários e no desenvolvimento de seus Planos de Ação, proporcionando atividades de qualificação em: Cidadania, Comunicação & Expressão, Saúde, Meio Ambiente, Relações Humanas, Oficina Cultural, Mercado de Trabalho e Violência Social para alunos de escolas da área do Estácio, Cidade Nova e Central e, posteriormente, as Educadoras Sociais.
 

   Vitor Hugo acredita que o professor “...se torna um agente da mudança social e deve primeiramente conscientizar-se de seu papel como formador de opinião, de personalidade, de caráter. E jamais minimizar sua prática à mera transmissão de conhecimentos e técnicas prontas”. Este ano,o professor enfrenta um novo desafio: ser um dos diretores adjuntos do CIEP João Batista dos Santos, localizado na Cidade de Deus.
 

 

Confira agora, a entrevista exclusiva do professor ao Rioeduca:


Rioeduca: Por que escolheu ser professor?

 

A escolha de ser professor veio antes mesmo de iniciar o antigo Curso Normal. Fiz esta opção ainda na minha infância, especificamente, quando estava nas séries iniciais do Ensino Fundamental, onde tive exemplos de grandes professoras. Lá, aprendi que a educação é necessária para construção e reconstrução da sociedade.
Nunca trabalhei em outra profissão na vida e, no Curso de Formação de professores, tive muitos momentos de reflexão em torno da profissão escolhida, onde me fundamentei com a escolha, já que este se constitui num espaço dedicado à construção do conhecimento e à formação profissional.


Reconheço que meus professores e professoras foram essenciais, pois participaram na transmissão de ideias e provocação do direcionamento do olhar, observações indispensáveis para inicialmente mudar a si mesmo, requisito fundamental para o salto de qualidade. Destaco, em especial, meus professores Eduardo Alves Mendonça e Ângela Maria Paiva Gama, que, sem pretensão, construíram em minha vida uma vivência propícia a novas aprendizagens e coragem para prosseguir. Foram audazes na medida certa, aguerridos por natureza e apaixonados pela beleza de transformar pessoas em efetivos pesquisadores, pesquisadores em intérpretes, intérpretes em atores, e ao final, pessoas, simplesmente, uma completa pessoa.

 

Rioeduca: Qual é sua trajetória na SME ?


De 2004 até 2007, lecionei na E.M.Professora Helena Lopes Abranches, regendo as turmas 9507(2004), 307 e 308 (2005), 9502 e 407 (2006) e 1102 e 1305 (2007). Em 2008, lecionei na E.M. Escritora Clarice Lispector com a turma EI -24.Em 2009 na E.M. Jorge Amado, com as turmas 1304,1308 e 1310 e sendo coordenador pedagógico da escola em 2010.Em 2011, no CIEP João Batista dos Santos com as turmas 1303 e 1402 e agora, em 2012, serei um dos diretores adjuntos do CIEP. Também fui classificado no processo seletivo 2011 da Educopédia, sendo professor educopedista, produtor de aulas para a plataforma digital.

 

Momento de alegria: Carnaval no CIEP João Batista dos Santos

 

Rioeduca : Quais os momentos mais marcantes na profissão?


Alguns momentos foram memoráveis em minha profissão. Seja acompanhar meus alunos da antiga “Classe de Progressão” até ao 5º. Ano e ver sua evolução, participar das Mostras de Dança, ver e perceber meus alunos felizes, mas, o momento mais marcante foi no ano de 2006, onde minha turma da antiga 4ª. Série (5º. Ano) preparou uma linda homenagem no meu aniversário, com direito a carro de som, fogos, discursos emocionados e um banho de chuva...
Mas, a cada ano temos momentos marcantes. Para mim, os finais de ano são sempre complicados. Saber que o convívio diário vai acabar e que você “perdeu um amigo”, é difícil. Vivemos muito intensamente com nossos alunos, e nós que buscamos seu real crescimento, nos sentimos meio impotentes, mas, felizes em saber que fizemos parte da história de vida deles, com momentos felizes e importantes para ambas as formações.

 

Professor Vitor Hugo e alunos do CIEP João Batista dos Santos

 

Rioeduca: Quais os desafios da profissão?


Ao pensarmos em educação, sabemos que ela existe em todos os lugares e em todos os momentos da vida do ser humano. Estamos sempre aprendendo e ensinando desde o momento em que nascemos. "A educação é a prática mais humana, considerando-se a profundidade e a amplitude de sua influência na existência dos homens" (GADOTTI, 1993, p. 13).
No entanto, existe um lugar onde ensinar e aprender é razão primordial. Um lugar que é o espaço próprio da educação formal, apesar de todas as outras maneiras possíveis para concretizar o ato educativo: a escola.


A responsabilidade e a acuidade do professor neste panorama são de ampla proporção, pois este se torna agente da mudança social e deve primeiramente conscientizar-se de seu papel como formador de opinião, de personalidade, de caráter. E jamais minimizar sua prática à mera transmissão de conhecimentos e técnicas prontas.


Assim, interpreto como meu maior desafio nos dias de hoje é motivar ao aluno, fazê-lo parte do processo e garantir, mediante qualquer esforço, a qualidade de ensino com sensibilidade e eficiência pedagógica colaborando para um clima favorável para um contexto escolar favorável para tal.


O professor-educador deve agir como problematizador, instigador, orientador e precisa estar consciente de que a aprendizagem só incide num clima de alvedrio e questionamento e que esta, só é efetiva se tem um sentido significativo para a criança.


Rioeduca: Como é sua relação com internet/informática,lembra como e quando começou?
Confesso que sou meio dependente dela... Uso muito as Redes Sociais e alguns programas para preparar aulas e saber do que está acontecendo por ai. Desde o início do meu Ensino Médio, estou conectado. Seja nos bate-papos ou em pesquisas para os trabalhos escolares, sempre estive “conectado”.


Rioeduca: Como incentivar os alunos com as novas tecnologias, ferramentas, programas da rede como a Educopédia?
 

A maioria das experiências educacionais registradas na contemporaneidade é identificável como uma prática de aprendizagem baseada em transmissão de saberes no espaço onde educador e educando estão juntos, inclusive, no mesmo tempo. No entanto, a pouca adaptação do modelo tradicional e as vantagens de outras propostas suscitaram transformações, que induzem novas formas de produção de riqueza e das pessoas se relacionarem. Elas também alteram a velocidade e a flexibilidade nas condições socioeconômicas e políticas.


Através das TIC´s , é possível ignorar o espaço físico, conhecer e conversar com pessoas sem sair de casa, digitar textos com imagens em movimento (gifs), tornando possível simular, praticar ou vivenciar situações, obtendo todo o potencial das novas tecnologias para um ensino mais contextualizado e real a interatividade trazida, por exemplo, pela Educopédia, onde permite-se uma situação de diálogo interativo, adaptado a um maior número de estilos de aprendizagem, de forma a estimular os vários sentidos numa mudança de paradigma educativo: da transmissão de informações e de efetiva construção do saber pelo aluno e que auxilia a diversificação do ensino, mesclando o lúdico, as inovações tecnológicas e diversas mídias.

 

Rioeduca: O que faz para estar se atualizando e como incorpora as novas informações à prática pedagógica?


O professor não precisa saber tudo, mas sim, saber o que o aluno quer conhecer. O processo educativo precisa estar vinculado ao contexto social, em que o sujeito - aluno - está inserido. Isso irá implicar em conhecer e usar instrumentação eletrônica, bem como outros recursos pedagógicos. Assim, busco sempre estar antenado com o que tem de novo no uso das tecnologias na educação, como nas novas propostas metodológicas e novas ferramentas de aprendizagem.

Professor Vitor Hugo e a Secretária de Educação Claudia Costin na entrega do Prêmio Rioeduca 2011


 

Rioeduca: Como foi receber o prêmio Rioeduca ?

 

Foi mágico. Receber o prêmio Rioeduca foi a coroação de um grande ano de muito trabalho e dedicação sem limites de toda minha equipe.
Esse prêmio, além de ser um sinal de que valeu a pena enfrentar tudo isso com dignidade e trabalho, fundamenta e valida um trabalho de anos já realizado pelos profissionais do CIEP João Batista dos Santos, onde as mídias, as artes e a música sempre estiveram presentes.


Rioeduca: Do ponto de vista profissional, quais são seus planos e metas para os próximos anos?


Buscar, a partir dessas reflexões, colaborar cada vez mais com o “Salto de Qualidade na Educação Carioca”, a partir de ações de qualidade e na concepção de condições para a experimentação, avaliação e na criação de modelos pedagógicos trazidos pelos diversos teóricos contemporâneos, indicando e delineando formas originais de formação, colaborando com as práticas de gestão democráticas e participativas, fazendo uso das ferramentas eletrônicas e refinar a prática pedagógica às novas tecnologias de ensino e às tecnologias digitais.
 

 PARTICIPEM TAMBÉM DESTE ESPAÇO QUE É NOSSO, DAS ESCOLAS, DOS PROFESSORES, DOS ALUNOS E DEMAIS FUNCIONÁRIOS QUE FAZEM A EDUCAÇÃO CARIOCA!

CONFIRAM NO LINK A SEGUIR QUAL O REPRESENTANTE DE SUA CRE
E DIVULGUEM O QUE SUA ESCOLA REALIZA!
RIOEDUCA NET - A REVOLUÇÃO ACONTECE: QUEM SOMOS NÓS?
http://portalrioeduca.mstech.com.br/sobrenos.php

 

                                                                           

 

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF

 

 

 


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 10/01/2012

Vivendo Valores para o Exercício da Cidadania

Tags: 2ªcre, entrevistas.

 

A atual gestão da E.M. Pedro Ernesto tem como missão assegurar a qualidade do ensino de maneira crítica, para que nossos alunos possam participar da sociedade como verdadeiros cidadãos. E para falar um pouco sobre esse assunto, a professora Elizabeth Mendes Pereira, atual diretora, concedeu uma entrevista ao Rioeduca.

 

Da esquerda para a direita: Diretora Elizabeth Mendes e Diretora-adjunta Rosângela Herdy

 

A professora Elizabeth Mendes Pereira, atual diretora da E.M. Pedro Ernesto, é formada em Pedagogia e possui Pós-graduação em Mídias da Educação (UFRJ). Ela atua no magistério há aproximadamente vinte anos e nesse tempo já foi professora e coordenadora em instituições particulares e, também, Professora Articuladora e Diretora-adjunta da Creche Municipal Jacó Inácio Gomes.

Da esquerda para a direita: Prof. Renata Carvalho ( Representante Rioeduca 2ª CRE), Diretora Elizabeth Mendes, Diretora-adjunta Rosângela Herdy, Prof. Mônica Mattoso e Prof. Sandra Mendes

 

Vamos conhecer um pouco mais sobre a Diretora Elizabeth Mendes e sua equipe.

 

Rioeduca - Quais as suas expectativas para os próximos três anos na direção da E.M. (02.06.008) Pedro Ernesto?
Elizabeth – Conseguir cumprir a proposta do Plano de Ação apresentado na eleição. Fazer com que a escola cresça e atinja as metas propostas pela Secretaria de Educação, em um ambiente participativo e democrático buscando a qualidade do ensino.


 

Rioeduca - O que a levou a candidatar-se ao cargo de diretor?
Elizabeth – Ao ser convidada pelo corpo docente da E.M. Pedro Ernesto, aceitei o desafio por acreditar que possa contribuir para a busca da qualidade da educação no município do Rio de Janeiro.


 

Rioeduca – Fale sobre a proposta do Projeto Político Pedagógico.
Elizabeth - A proposta é que a partir de 2012 seja criado um Projeto Político Pedagógico envolvendo a comunidade escolar, para que a partir disto se desenvolvam os projetos pedagógicos.


 

Rioeduca - De acordo com a necessidade da escola, quais os prováveis projetos a serem desenvolvidos em 2012?
Elizabeth – Projetos que desenvolvam a cidadania e a integração escola-comunidade, com o intuito de valorizar a pessoa humana e reconhecer a importância do outro no nosso próprio crescimento.

 


 

Rioeduca - Qual a importância da união entre a equipe na proposta pedagógica da escola?

Elizabeth – Na atual gestão, a integração e união da equipe são fundamentais para o crescimento da comunidade escolar, tendo em vista que foi o corpo docente da escola que desejou esta gestão com o objetivo de promover mudanças pedagógicas.


 

Rioeduca - Escola e comunidade, que ponte pode uni-los?
Elizabeth – Na participação da elaboração do Projeto Político Pedagógico, a fim de criar um vínculo entre comunidade e escola, tornando a comunidade participativa ao longo do processo.


 

Rioeduca - Uma mensagem para a comunidade escolar.
Elizabeth e equipe – A E.M. Pedro Ernesto vive um momento de mudança. Tudo que é novo nos traz insegurança, dúvidas e, até mesmo, resistências. Porém, quando há união e compromisso com o fazer com amor e dedicação, tudo se torna mais fácil e garante o sucesso. Desta forma, o nosso desejo é que todos façam parte desta mudança e possamos conquistar uma educação de qualidade.


 

Professora Renata Carvalho ( Representante Rioeduca 2ªCRE) e equipe da E.M. Pedro Ernesto

 

Sucesso à equipe da E.M. Pedro Ernesto!


Divulgue também os relatos de sucesso de sua escola no Portal Rioeduca, basta entrar em contato com o representante de sua CRE.


Gostou desta matéria? Deixe um comentário!


 

Professora Renata Carvalho – Representante Rioeduca 2ª CRE
Twitter: @tatarcrj
Email: renata.carvalho@rioeduca.net

 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share