A A A C
email
Retornando 37 resultados para a tag 'jogos'

Quarta-feira, 22/08/2012

Visão Interdisciplinar dos Jogos Olímpicos

Tags: 10ª, cre, jogos, olímpicos, rio, saudável, escola, do, amanhã.

 

The Olympic Games 2012

Trabalho interdisciplinar desenvolvido pelos professores de Educação Física da Escola Municipal Haydea Vianna Fiuza de Castro, com a professora de Inglês Josana Bianchi, sobre os Jogos Olímpicos de 2012.

 

 

A Escola Haydea Vianna Fiúza de Castro, da 10ª CRE, vem realizando trabalhos que servem como referências positivas para outras unidades escolares da rede municipal de Educação do Rio de Janeiro.

 


A produção do vídeo intitulado “The Olympic Games 2012”, que poderá ser visto e compartilhado no Youtube pelo link http://migre.me/abG2e,  e que também poderá ser visto no site http://www.emhaydea.com  nos dá uma ideia precisa dos bons resultados da parceria dos professores de Educação Física e de Inglês daquela escola localizada na Vila Paciência, que ainda é considerada uma das comunidades conflagradas, na região da Zona Oeste do Rio de Janeiro.

 

 


 

O trabalho sobre os Jogos Olímpicos de 2012 foi desenvolvido dentro de uma visão interdisciplinar envolvendo os professores Rafael dos Anjos, Claudia Freitas e Leila de Siqueira, todos de Educação Física em comum acordo com a professora Josana Bianchi, de Inglês.

 


A Escola Municipal Haydea Vianna Fiúza de Castro funciona apenas com o 1º segmento do Ensino Fundamental, e o trabalho interdisciplinar teve como objetivo levar os alunos a conhecerem as origens históricas dos Jogos Olímpicos, a importância da prática esportiva na busca por uma vida mais saudável e, simultaneamente, tendo inseridas palavras da língua inglesa, tais como verbos, expressões idiomáticas e palavras aplicadas com mais frequência no meio esportivo.

 


 

O sucesso foi indiscutível, como pode ser conferido assistindo ao vídeo.

 


Os alunos, mais uma vez, se empenharam e deram o melhor de si. Transformaram-se em protagonistas do projeto interdisciplinar da Escola Municipal Haydea Vianna Fiúza de Castro.

 

 

 


De acordo com o texto publicado no Blog  http://www.emhaydea.com, “os alunos aprenderam um pouco mais sobre algumas modalidades e esportes, e também participaram de uma mini olimpíada, em que eles foram premiados com troféus e medalhas.”

 

 


Além de aprenderem novas expressões da língua inglesa, de conhecerem um pouco mais sobre a História das Olimpíadas e de terem a oportunidade para desenvolverem hábitos mais saudáveis, os alunos da Escola Municipal Haydea Vianna Fiúza de Castro ainda tiveram momentos de muita alegria e descontração, inclusive podendo assistir ao filme “Pateta, o Campeão Olímpico”, e de participarem de competições esportivas.

 


 

A parte pedagógica também não foi deixada de lado, com incentivo para a realização de pesquisas, leitura de textos sobre os Jogos Olímpicos selecionados de livros, revistas, enciclopédias e dos sites da Internet, como também a produção textual e elaboração de cartazes que ficaram expostos na área interna da escola.

 

 

 

 

 


Segundo a professora Josana Bianchi, “a concepção de um projeto interdisciplinar envolvendo Língua Inglesa e Educação Física foi um grande desafio para todos, mas com muito esforço, dedicação e boa vontade, as metas foram alcançadas.”

 

 

 

 

Agradecimentos do Rioeduca: Á E. M. Haydea Vianna Fiuza de Castro e à professora Josana Bianchi.

Montagens feitas com fotografias copiadas do site http://www.emhaydea.com, da E. M. Haydea Vianna Fiúza de Castro.


Contatos com o professor Sinvaldo do Nascimento Souza, representante do Rioeduca na 10ª CRE sinvaldosouza@rioeduca.net  
 

 

                                      

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 15/08/2012

E. M. Paraíba: Terceiro Lugar na Copa Toon!

Tags: 6ªcre, educaçãofísica, jogos, competições.

 

A E. M. Paraíba, com o apoio do prof.º Anderson, do Mais Educação, foi a única escola pública a participar do Copa Toon, uma competição anual entre escolas do Rio de Janeiro e São Paulo organizada pelo canal infantil Cartoon Network. Este campeonato tem por objetivo incentivar o convívio familiar, pois valoriza a participação dos familiares  nos jogos de futebol.

 

Para chamar o público infantil para a brincadeira, o canal Cartoon Network promoveu uma nova edição do Copa Toon, que une o esporte mais popular no Brasil, o futebol, e os jogos de cards colecionáveis.

 

 

Logomarca da competição Copa Toon retirado do site oficial do evento

 

 

Desta vez, a disputa online gira em torno do troféu roubado por alguns personagens do prórpio canal. Os próprios telespectadores tentaram desvendar o mistério e recuperar o troféu. As dicas para revelar o culpado foram inseridas na programação do canal entre os dias 18 e 30 de junho. Informações adicionais puderam ser conseguidas no site do canal cada vez que os usuários participassem dos jogos online do Copa Toon.

 

A identidade do ladrão foi revelada no dia 1º de julho. Os usuários que acertaram o persoanagem que roubou o troféu receberam como prêmio um traje especial para seus Toonix online.

 

 

Página do site www.copatoon.com.br

 

 

Além da disputa online, o Copa Toon realiza anualmente uma competição entre escolas no Rio de Janeiro e São Paulo organizadas pelo canal infantil Cartoon Network, com o objetivo de incentivar o convívio familiar. Esta competição valoriza a participação dos familiares nos jogos de futebol.

 

A competição permitiu que tanto os pequenos quanto suas famílias  jogassem uma partida de futebol com a presença dos personagens mais famosos do canal. A disputa teve o apoio da empresa de telefonia Claro e do Movimento Cartoon.

 

 

Logomarca da competição Copa Toon de futebol

 

 

A edição no Rio de Janeiro foi no Centro de Futebol do Zico, no Recreio dos Bandeirantes. O evento já teve os nomes de Copa Kids, Copa Disney, Copa Jetix e Copa Fox Kids. As disputas cariocas, este ano, foram nos dias 16 e 17 de junho, e contou com a participação de 48 escolas com crianças de 4 e 11 anos.

 

Nas edicões anteriores somente escolas particulares participaram do evento. Contudo, este ano, com o apoio do prof.º Anderson do Mais Educação, a E. M. Paraíba foi a única escola pública a participar deste campeonato, garantindo o terceiro lugar. Parabéns a todos!

 

 

Alunos da E. M. Paraíba participam do Copa Toon

 

 

 

Alunos da E. M. Paraíba se preparam  para entrar na competição

 

 

 

Personagens do Cartoon Network animam a competição entre as escolas

 

 

 

Alunos da E. M Paraíba realizam aquecimento antes de entrar na competição

 

 

 

Alunos da E. M. Paraíba participam de competição de futebol no Copa Toon

 

 

Através desta ação, a E. M. Paraíba está ensinando seus alunos a que aprender com o outro é mais rápido e mais afetivo porque é mais prazeroso. Uma das coisas que o jogo assegura é esse espaço de prazer e aprendizagem. O jogo ativa e desenvolve os esquemas de conhecimento, aqueles que vão poder colaborar na aprendizagem de qualquer novo conhecimento.

 

Este tipo de trabalho não é novidade para a equipe da E. M. Paraíba, pois a escola conta com profissionais e parceiros extremamente preocupados em desenvolver todas as habilidades necessárias ao pleno desenvolvimento de seus alunos. É uma equipe 10!

 

Alunos, professores, gestores e parceiros merecem aplausos pelo belo trabalho que realizam! Um agradecimento especial deve ser dado ao cuidadoso e profissional prof.º Anderson, técnico da equipe, e aos familiares que acompanharam, torceram e apoiaram todas as ações da escola neste evento de muitas conquistas.

 

Parabéns à equipe da E. M. Paraíba, por proporcionar aos seus alunos momentos de aprendizagem prazerosa e significativa através do jogo. Jogar é uma função indispensável à criança, pois favorece o desenvolvimento motor, cognitivo e sócioeducativo. É um orgulho ter profissionais dedicados e responsáveis como vocês na 6ª CRE!

 

Gostou desta postagem? Envie você também o seu projeto e/ou ação para ser publicada no Portal Rioeduca! Divulgue o belo trabalho que você realiza em sua escola!  Não esqueça de dar uma passadinha no blog da E. M Paraíba para conhecer as outras açõe e projetos da escola. Nós somos a sexta CRE!

 

Blog da E. M. Paraíba: http://escolaparaibario.blogspot.com.br

 

Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca 6ª CRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 15/06/2012

C. M. Tia Andreza Cuidando do Mundo

Tags: 3ªcre, creches, jogos, educaçãofísica, blogsdeescolas.



 

 

A criança pequena adquire conhecimento a partir da ação. É através do movimento, principalmente o movimento lúdico, que ela assimila o mundo ao seu redor e interage com ele. Colocar os pequeninos  em ação nas brincadeiras leva-os a aprender com prazer. A C. M. Tia Andreza, 3ª CRE, colocou todo mundo pra brincar e aprender.

 

 

A Creche Municipal Tia Andreza, que atende a comunidade do Jacarezinho, elaborou seu Planejamento Pedagógico Anual pretendendo proporcionar aos pequeninos um bom inicio na aventura do conhecimento. O objeto de estudo só poderia ser a própria criança. Na primeira infância, conhecer o  seu próprio corpo, potencialidades, reações e limites é o ponto de partida para o mundo. O subprojeto Eu sou assim … é a primeira parte desta aventura. Avançando no projeto, eles perceberam a necessidade de cuidar do corpo e mantê-lo saudável através dos hábitos higiênicos e da atividade física. E, claro que neste cenário não tem espaço para as doenças. Afinal, quem está doente não tem energia para brincar.

 

 

 

 

Na creche, ninguém quer ficar doente e perder a brincadeira; então é preciso evitá-la mandando para bem longe a causa dela. Infelizmente, uma das doenças que andam tirando o sono dos pequeninos é a dengue. Mas o que esses mini aprendizes podem fazer contra o mosquito?

 

 

 

 

Bem, primeiro eles assistiram a um cineminha com informações sobre a dengue e seu causador. Depois, a equipe da creche  planejou atividades de acordo com as faixas etárias para lembrá-los do que devemos fazer para afastar essa ameaça. A gincana foi toda sobre o tema e quem prestou atenção nos vídeos sabia muito bem o que fazer. Teve corrida para tampar a caixa d' água, esvaziar e fechar as garrafas para impedir o nascimento do Aedes Aegypti. Os maiores tiraram a água acumulada nos pneus e os guardaram na casinha. As equipes trabalharam para mandar o mosquito para bem longe dali. A atividade preferida foi a caça ao mosquito. Na soma geral, a equipe vermelha foi a campeã, mas todos saíram ganhando.

 

 

 

 

 

Para os pequenos,  as brincadeiras transmitiram um importante lição. O mosquito da dengue é que não brinque perto deles! Confiram no vídeo as atividades realizadas. E passem no blog da Creche Municipal Tia Andreza e fiquem por dentro do que eles já realizaram por lá. O Planejamento Pedagógico Anual continua em andamento e ainda tem muita coisa boa pra acontecer.

 

 

 

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 12/06/2012

Jogando Xadrez nas Aulas de Educação Física

Tags: 2ªcre, entrevistas, jogos.


O Xadrez é um jogo que exige concentração e interesse. Foi com o objetivo de desenvolver estas habilidades que a professora Fernanda Derzi acrescentou este jogo às aulas de Educação Física.

 

 

Fernanda Derzi Saldanha é licenciada em Educação Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ e no momento está lotada na E. M. Lúcia Miguel Pereira. Para nos contar sobre o desenvolvimento desta atividade durante suas aulas, a professora concedeu uma entrevista ao portal Rioeduca.

 

 

Professora Fernanda Derzi Saldanha

 

Rioeduca: Como surgiu a ideia de agregar o xadrez às aulas de Educação Física?


Fernanda Derzi: Tudo se iniciou quando meu filho, com apenas seis anos, começou a ter aulas de xadrez na escola. Achei muito interessante, pois passei a observar a crescente capacidade de raciocínio e concentração que ele demonstrava nos minitorneios realizados pela escola, e nas tomadas de decisões no seu cotidiano. Isso ficou na minha cabeça. No início deste ano, surgiram algumas mudanças no sistema escolar e algumas aulas de Educação Física passaram a ser ministradas em sala de aula. Foi quando surgiu a oportunidade de fazer o minicurso de xadrez realizado pela própria prefeitura. Lá aprendi algumas técnicas e progressões pedagógicas para serem usadas com as crianças. Nesse ínterim, a diretora da escola disse que tinha disponível alguns jogos de xadrez guardados no almoxarifado. Pronto, me entusiasmei, e uni o útil ao agradável.

 

 

Rioeduca: Conte-nos sobre o desenvolvimento das aulas de Educação Física utilizando os jogos de xadrez.


Fernanda Derzi: No início do bimestre, comecei contando um pouco da história do xadrez, e iniciamos com as batalhas dos peões, seguindo sempre uma sequência pedagógica para que eles pudessem ir acompanhando aos poucos. Logo depois, fui introduzindo outras peças de fácil manuseio. Por fim, chegamos ao final desse bimestre jogando xadrez com todas as peças do tabuleiro, o que gerou um grande fascínio nos alunos. Agora, estamos começando a organizar minitorneios dentro de suas próprias turmas, para que possamos, a seguir, organizar um torneio com todas as turmas. Para isso, estou usando uma ferramenta bem interessante que é o programa Swiss Perfect 98, que organiza os participantes, diz quantas rodadas são necessárias para aquele quantitativo de alunos, vai criando o ranking de classificação, até chegar ao campeão. Muito interessante! Eles adoraram a novidade.

 

 

Rioeduca: Jogar xadrez exige muita concentração. É possível perceber a mudança de postura dos alunos durante as aulas?


Fernanda Derzi: Sim, com certeza. Percebo claramente nas aulas de Educação Física no pátio e durante as próprias aulas de xadrez, que existe uma euforia natural inicial, mas quando se voltam para a atividade é como se mais nada existisse lá fora. É fantástico! Eu me surpreendo quando vou passando pelas mesas e observo uma dupla totalmente concentrada, trabalhando o raciocínio lógico, e o discernimento entre tomar uma decisão certa ou errada.

 

 

Alunos jogando xadrez durante as aulas de Educação Física

 

 

Rioeduca: Como acontece a participação dos alunos durante as aulas?


Fernanda Derzi: Eles são bastante participativos, criativos, dão sugestões de jogadas visando suas consequências, etc. E assim, vamos ilustrando todo esse esquema no quadro. E eles também entraram na história dos castelos medievais, dos cavaleiros, das torres bem altas, dos conselheiros do rei, e do próprio rei e rainha. A aceitação foi instantânea!

 

 

Alunos da turma 1401 jogando xadrez

 

Os alunos também deixaram suas opiniões sobre jogar xadrez durante as aulas de Educação Física. Vejamos:
 

 

 

Maria Clara da Silva: “Foi muito bom aprender xadrez porque é muito bom para o aprendizado e para a concentração. A gente faz campeonato e quando estamos jogando nós nos divertimos. Eu aprendi a jogar xadrez porque a professora ensinou muito bem e agora estou aqui, fera no xadrez. Eu adoro xadrez!”

 

Flávia Júlia de Souza Netto: “Eu aprendi muita coisa, também melhorei em Matemática, gostei muito porque eu competi na sala, e ensinei a minha família a jogar, meus amigos e colegas estão sempre jogando.”

 

Douglas Silvestre Ferreira da Silva: “Jogar xadrez é a melhor coisa que eu aprendi quando a Educação Física é na sala. Eu adoro fazer torneio na sala.”

 

Parabéns à professora Fernanda pela iniciativa de agregar esta atividade tão enriquecedora às aulas de Educação Física. Muito sucesso!

 

 

Professor, divulgue também o seu trabalho e o de sua escola no portal Rioeduca. Entre em contato com o representante do Rioeduca em sua CRE.

 

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 

Professora Renata Carvalho _ Representante do Rioeduca na 2ªCRE

Email: renata.carvalho@rioeduca.net

Twitter: @tatarcrj

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share