A A A C
email
Blog destinado a grandes especialistas da Educação. Você também pode participar. Veja como.Todos os posts escritos por Fernanda Pérez
Retornando 21 resultados para o autor 'Fernanda Pérez'

Quarta-feira, 09/01/2019

Vale a Pena Ler de Novo: Fica a Dica Livro A bolsa Amarela

Tags: dica, livro, bolsa.

 

Livro A bolsa Amarela

 

 

Olá!


Quais são seus maiores desejos? Aonde você guardaria suas vontades mais secretas? Que tal numa bolsa amarela?


O livro, “A bolsa amarela”, é um clássico da literatura infantojuvenil escrito pela premiada escritora brasileira Lygia Bojunga e publicado, pela primeira vez, em 1976. Esse é um dos muitos livros que marcaram minha vida.


No Romance atemporal, Raquel, nossa personagem principal, é a caçula de quatro irmãos, que já estão entrando na fase adulta e, assim como seus pais, pouco tempo tinha para ela. “E acabei achando que a gente só devia nascer quando a mãe da gente quer ver a gente nascendo.”, pensava ela.


Tinha três grandes vontades, as quais precisava esconder de todos, a vontade de crescer de uma vez e deixar de ser criança, a vontade de ter nascido garoto em vez de menina, “Vocês podem um monte de coisas que a gente não pode.”, dizia ela a seu irmão, e a vontade de escrever.


Muitas vezes incompreendida e ignorada, se sentia muito só e, nessas horas, a vontade de escrever só engordava. Sua curiosidade não via limites e na mesma medida sua imaginação. Começou escrevendo cartas e nelas derramava seus sonhos e sentimentos, inventava novas vidas, amigos imaginários e novas histórias. Das cartas passou a escrever Romance que, por ser a coisa mais inventada do mundo, não poderia colocá-la em apuros.


Tentava entender as atitudes dos adultos e, com frequência ouvia: “não é assunto de criança”, ou “criança não entende de nada”. Sentia necessidade de esconder, cada vez mais, suas vontades de todos. “Eu tenho que achar depressa um lugar pra esconder as três: se tem coisa que eu não quero mais é ver gente grande rindo de mim.”.


Até o dia que dentro de um pacote enviado por sua tia havia uma bolsa, grande, mais parecendo com uma sacola, amarela, não um amarelo sempre igual e que ninguém mais queria.


Comecei a pensar em tudo que eu ia esconder na bolsa amarela”.


Como podemos trabalhar, com nossos alunos, um livro tão rico como esse?


Podemos falar da família e das mudanças estruturais que ocorreram nos últimos 40 anos, falar ainda das transformações sociais e culturais que acompanharam esse período, ou podemos falar da busca pelo autoconhecimento, do controle emocional e de relacionamentos. Particularmente, vou focar na última opção.


No decorrer da história observamos a construção da personagem como pessoa, seu caminho para se auto descobrir e se aceitar como ela é. Vimos que amizade pode transformar alguém, que ter apoio e compreensão é fundamental para o nosso crescimento. Aprendemos lições de coragem e determinação, que podemos ter sonhos, sim, e que, independente dos riscos, devemos correr atrás deles, de experimentar o desconhecido sem medo de tropeçar pelo caminho.


Pergunte a seus alunos, quais suas maiores vontades? Aquelas mais secretas. Que tal criarmos uma cápsula do tempo? Deixar lacrada, bem lacrada, por um ano. Será que no curso do nosso crescimento, nossas vontades ainda serão as mesmas?

 

Fica a dica!!! 

 


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 06/12/2018

Fica a Dica: Numa Tarde Quente de Verão

Tags: dica, livro, tarde, verão.

 

Fica a Dica: Numa Tarde Quente de Verão

 

 

Chegamos ao final de mais um ano letivo e assim, como vocês, o Fica a Dica também entrará de férias. Quando pensamos em férias, qual é seu primeiro pensamento?

 

Em meio a essa atmosfera vibrante, a dica dessa semana é o livro “Numa Tarde Quente de Verão”, do jornalista, músico e escritor Tino Freitas, da Coleção Na Ponta do Dedo.

 

“O que você gostaria de fazer numa tarde quente de verão? Provar uma fruta suculenta? Saborear um sorvete de menta? Buscar uma sobra para descansar? Ou tomar um banho de mar?”

 

O livro é condutor dessa história, e não apenas um detentor de palavras e imagens. Já na primeira página o livro convida o leitor a mergulhar num mundo de imaginação.

 

“Olá!

Numa tarde quente de verão,

Este livro... Ah, nem te conto.

Basta virar a página. Pronto?”

 

Cada virar de página é uma surpresa. Através das cores quentes, desenhos geométricos e rimas fáceis o leitor vai interagindo e brincando com as folhas do livro.
 

“Puxa!

A natureza é surpreendente.

O sol esquenta a cuca da gente.

Faça do livro um chapéu por um instante

E descubra onde há uma sombra gigante.”

 

O verão está chegando e com ele dias mais longos e quentes. Então, ansiosos para as férias? Nos vemos em 2019!

 

Agradecemos as sugestões enviadas durante o ano! Esperamos novas dicas. Esse espaço é seu, comente, curta e compartilhe.

 

Um agradecimento especial para a Sala de Leitura Professor Lourenço Filho (localizado no 4º andar do Nível Central), por cada livro emprestado para que estas postagens pudessem ser realizadas.


Fica a Dica! 


 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 07/11/2018

Fica a Dica: Livro Desenvolvimento Infantil 130 ideias para estimular brincando

Tags: dica, livro, desenvolvimento, infantil.

DESENVOLVIMENTO INFANTIL

130 IDEIAS PARA ESTIMULAR BRINCANDO

 

 

A dica de hoje é uma homenagem ao Dia dos Professores.


O livro “Desenvolvimento Infantil 130 ideias para estimular brincando” foi escrito por profissionais da área de saúde e educação, com a finalidade de oferecer uma variedade de atividades para o trabalho em grupo com a metodologia GROWING UP.


“Com base no método GROWING UP – que rege nossas intervenções no Móbile – Centro de Estimulação Infantil -, buscamos selecionar muitas das atividades que fazemos nos grupos terapêuticos. São atividades de fácil realização, com materiais muito baratos e fáceis de encontrar que estimulam o que consideramos mais importante para o desenvolvimento infantil pautado na saúde física e mental – O BRINCAR, mas o brincar com o olhar voltado para o desenvolvimento de todas as potencialidades do humano.”


Dividido em tópicos como A EXPERIÊNCIA DO BRINCAR – O CORPO NA AÇÃO LÚDICA, DESENVOLVIMENTO PSICOAFETIVO – UM SUJEITO EM CONSTRUÇÃO; DESENVOLVIMENTO COGNITIVO – O MUNDO DO SABER, entre outros, os autores apresentam não só como se desenvolve o brincar, mas também como se dá a evolução da criança nos campos da linguagem, psicomotor, psicoafetivo e cognitivo.

 

Parabéns aos envolvidos e em especial aos professores Fernanda Salgado, Gabriella Zaquieu, Isa Pinho e Renata Benigno pelo trabalho realizado.

Fica a Dica!


Conto com sua participação, professor(a). Mande também suas dicas e sugestões e vamos explorar o mundo literário!
Até a próxima semana!


  


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 24/10/2018

Fica a Dica: Livro João Lambão

Tags: dica, livro, joão, poluição.

 

João Lambão

 

 

 

Ainda em comemoração ao mês do professor, a dica dessa semana é o livro “João Lambão”, escrito pela professora do Município do Rio, Arlete de Andrade.


O livro conta a história de João, que embora fosse bonitinho não tinha um pingo de educação, achava natural jogar lixo no chão.

 


“João chupava picolé, e zunia o palito com o pé. Onde o menino brincava, lá a sujeira se instalava.”

 

Um dia caiu uma chuva forte, mas tão forte que João não pode sair de casa e pela janela viu o lixo sendo arrastado. A TV mostrou que a cidade estava inundada, já que o lixo acumulado não deixava a água de ser escoada.


A professora explicou o lixo entope os bueiros e impede a água de passar. Um pequeno lixo pode não causar enchente, mas se cada uma fizesse sua parte...
Será que João aprendeu a lição?


Vamos falar um pouco sobre a Poluição?


Pode-se dizer que Poluição é a introdução de substâncias ou energia no ambiente, realizada pelo homem de forma direta ou indireta, capaz de provocar um efeito negativo no equilíbrio ambiental, causando danos à saúde humana, aos seres vivos e aos ecossistemas.


Vamos refletir um pouco sobre os nos nossos hábitos. Será que estou fazendo bem ou mal ao ambiente em que vivo?


Que tal ensinarmos aos nossos alunos os diferentes tipos de poluição, suas causas e consequências para o meio ambiente. O que podemos fazer para controlar os danos já causados? Como podemos melhorar nossa qualidade de vida e não comprometer as gerações futuras?

 

Fica a Dica!


Conto com sua participação, professor(a). Mande também suas dicas e sugestões e vamos explorar o mundo literário!
Até a próxima semana!


 


   
           



Yammer Share