A A A C
email
Retornando 10 resultados para a tag 'gla'

Terça-feira, 06/11/2018

Encerramento da FLIRME/RJ - Festa Literária da Rede Municipal de Ensino

Tags: gla, flirme, festa literária.

Encerramento da FLIRME/RJ - Festa Literária da Rede Municipal de Ensino

 

 

A Gerência de Leitura e Audiovisual tem o prazer de convidá-los para o encerramento da 1ª edição da FLIRME/RJ - Festa Literária da Rede Municipal de Ensino.

O Encontro Anual de Professores de Sala de Leitura e Bibliotecários será em nossa FLIRME.

 

Data: 08/11/2018

Horários - Manhã: 8h30 às 12h - Tarde: 13h às 16h30

Local: Auditório do Arquivo Nacional (Praça da República, 173 - Centro)

 

Para participar, inscreva-se aqui

 

 

Heveny Mattos

Gerência de Leitura e Audiovisual
E/SUBE/GLA
Tel: 2976-2318 /2976-2319


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 29/10/2018

Twittaço Literário de Outubro: Manoel de Barros

Tags: twittaço, gla, manoel de barros.

Twittaço Literário - Manoel de Barros

 

Data: 31/10/2018, quarta-feira
Horário: de 8h às 22h
Local: Rede Social Twitter

 

 

Dia 31/10 é dia de Twittaço Literário!

 

A FLIRME- FESTA LITERÁRIA DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DO RIO DE JANEIRO, em sua primeira edição, tem como homenageado o grande poeta Manoel de Barros!

 

 

Participe do TWITTAÇO MANOEL DE BARROS!

 

Vale twittar e retwittar quantas vezes quiser.


Siga @GLA_SME no TWITTER . Use #flirmerj e #glasme em seus tweets.


E divulgue excelentes leituras e ações leitoras.


A Rede é FLIRME e forte!

 


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 16/10/2018

FLIRME: Festa Literária da Rede Municipal de Ensino

Tags: flirme, gla.

 

 

 

Queridos e Queridas

Nossa I Festa Literária está chegando e mais uma vez gratidão infinita pelo carinho de todos com nossas ações. Em anexo seguem algumas orientações sobre FLIRME/RJ, nossa logo e o cronograma de ações regionais da FESTA. Além desse cronograma teremos um encontro de encerramento dia 08/11, no Arquivo Nacional, em dois turnos.


Alguns pontos sobre a FLIRME/RJ:


Nossas Unidades Escolares e Bibliotecas mobilizam-se com inúmeras vivências do campo da literatura e de outras modalidades da arte, realizando mostras, lançamento de livros produzidos por estudantes, adaptações teatrais de obras literárias, saraus, cafés literários, entre outras atividades. Partindo dessa certeza é que a FLIRME/RJ envolverá todos os segmentos da nossa Rede, da Educação Infantil ao PEJA.


Sugerimos às unidades estarem envolvidas com o encantamento do universo literário de Manoel de Barros, porém a ampliação de repertório com outros nomes da literatura, música, cinema e outras áreas que já foram trabalhadas em suas propostas pedagógicas não só podem, mas devem estar presentes nas produções realizadas e nas ações desenvolvidas.

Público-alvo:

Estudantes, professores, bibliotecários, funcionários de apoio, responsáveis e outros membros da comunidade escolar de todos os segmentos de nossa Rede Municipal, incluindo Coordenadorias Regionais de Educação, Nível Central da SME-RJ e sociedade em geral.


Período de realização:

De 16 de outubro a 08 de novembro de 2018.

 

 

CLIQUE AQUI PARA VER AS ORIENTAÇÕES

 

CLIQUE AQUI PARA VER A TABELA DE CONVIDADOS

 



Desenvolvimento das ações:

LOCAL – As ações serão realizadas em cada Unidade Escolar, Centro de Referência ou Biblioteca, com a participação dos integrantes da comunidade escolar e/ou convidados. Os professores de Sala de Leitura e Bibliotecários orientarão o planejamento e a dinâmica de realização dessas ações, que devem ser construídas de forma coletiva. Deseja-se que sejam envolvidos os diferentes segmentos da comunidade escolar e seus parceiros. (caso a Unidade não tenha professor de Sala de Leitura, outro profissional engajado na proposta, como Coordenador Pedagógico, Professor Articulador, Diretor, poderá orientar o desenvolvimento da ação)

 

REGIONAL – Realizada pelas Coordenadorias Regionais de Educação (CRE), tendo o planejamento construído coletivamente - Gerência de Educação e Salas de Leitura Polo de suas respectivas regionais, contando com parceria da E/SUBE/GLA. O encontro contará com a presença de um escritor, ilustrador ou especialista em literatura infantil e juvenil, garantido pelo planejamento da GLA. Sugere-se promover lançamento de livros de profissionais e estudantes, apresentar um contador de histórias ou outro performer (do quadro profissional das unidades daquela abrangência), apresentações musicais ou suas modalidades (poesia, escrita para crianças, memórias infantis, entre outros)
 

CENTRAL – Realizada pela E/SUBE/GLA, voltada para toda a Rede. Será um encontro de encerramento, a se realizar em 08 de novembro de 2018, com a presença de autores relevantes para o cenário literário.
Sabendo que muitas Unidades já estão com seus planejamentos em andamento e até mesmo já realizaram suas Festas Literárias ou ações com essa dimensão, ressaltamos que as instituições de ensino poderão utilizar o período para a realização de ações exitosas, ressignificando-as ou para realizar atividades que não foram contempladas. O importante é que estejamos engajados em um movimento maior de práticas efetivas que a FLIRME/RJ nos possibilitará.

Assim...
Sigamos FLIRME/RJ!


Abraços,
Heveny Mattos
Gerência de Leitura e Audiovisual 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 26/09/2018

Twittaço Literário de Setembro: Guimarães Rosa

Tags: twittaço, gla, guimarães.

1º Twittaço Literário da Primavera

 

Data: 28/09/2018, sexta-feira
Horário: de 8h às 22h
Local: Rede Social Twitter

 

 

A Gerência de Leitura e Audiovisual convida a todos para homenagear o grande GUIMARÃES ROSA!

Siga no Twitter: @GLA_SME. Use #glasme em seus Tweets.

Participe! GLAmurosamente nos encontramos na Rede! 

Desejamos um Twittaço de boas leituras, grandes descobertas e aprendizagem!

https://twitter.com/RiodeLeitores/status/1044001464681721856

 

 

Biografia

Guimarães Rosa (João G. R.), contista, novelista, romancista e diplomata, nasceu em Cordisburgo, MG, em 27 de junho de 1908, e faleceu no Rio de Janeiro, RJ, em 19 de novembro de 1967.

Foram seus pais Florduardo Pinto Rosa e Francisca Guimarães Rosa. Aos 10 anos passou a residir e estudar em Belo Horizonte Em 1930, formou-se pela Faculdade de Medicina da Universidade de Minas Gerais. Tornou-se capitão médico, por concurso, da Força Pública do Estado de Minas Gerais. Sua estreia literária deu-se, em 1929, com a publicação, na revista O Cruzeiro, do conto "O mistério de Highmore Hall", que não faz parte de nenhum de seus livros. Em 1936, a coletânea de versos Magma, obra inédita, recebe o Prêmio Academia Brasileira de Letras, com elogios do poeta Guilherme de Almeida.

Diplomata por concurso que realizara em 1934, foi cônsul em Hamburgo (1938-42); secretário de embaixada em Bogotá (1942-44); chefe de gabinete do ministro João Neves da Fontoura (1946); primeiro-secretário e conselheiro de embaixada em Paris (1948-51); secretário da Delegação do Brasil à Conferência da Paz, em Paris (1948); representante do Brasil na Sessão Extraordinária da Conferência da UNESCO, em Paris (1948); delegado do Brasil à IV Sessão da Conferência Geral da UNESCO, em Paris (1949). Em 1951, voltou ao Brasil, sendo nomeado novamente chefe de gabinete do ministro João Neves da Fontoura; depois chefe da Divisão de Orçamento (1953) e promovido a ministro de primeira classe. Em 1962, assumiu a chefia do Serviço de Demarcação de Fronteiras.

A publicação do livro de contos Sagarana, em 1946, garantiu-lhe um privilegiado lugar de destaque no panorama da literatura brasileira, pela linguagem inovadora, pela singular estrutura narrativa e a riqueza de simbologia dos seus contos. Com ele, o regionalismo estava novamente em pauta, mas com um novo significado e assumindo a característica de experiência estética universal.

Em 1952, Guimarães Rosa fez uma longa excursão a Mato Grosso e escreveu o conto "Com o vaqueiro Mariano", que integra, hoje, o livro póstumo Estas estórias (1969), sob o título "Entremeio: Com o vaqueiro Mariano". A importância capital dessa excursão foi colocar o Autor em contato com os cenários, os personagens e as histórias que ele iria recriar em Grande Sertão Veredas. É o único romance escrito por Guimarães Rosa e um dos mais importantes textos da literatura brasileira. Publicado em 1956, mesmo ano da publicação do ciclo novelesco Corpo de baile, Grande Sertão Veredas já foi traduzido para muitas línguas. Por ser uma narrativa onde a experiência de vida e a experiência de texto se fundem numa obra fascinante, sua leitura e interpretação constituem um constante desafio para os leitores.

Nessas duas obras, e nas subsequentes, Guimarães Rosa fez uso do material de origem regional para uma interpretação mítica da realidade, através de símbolos e mitos de validade universal, a experiência humana meditada e recriada mediante uma revolução formal e estilística. Nessa tarefa de experimentação e recriação da linguagem, usou de todos os recursos, desde a invenção de vocábulos, por vários processos, até arcaísmos e palavras populares, invenções semânticas e sintáticas, de tudo resultando uma linguagem que não se acomoda à realidade, mas que se torna um instrumento de captação da mesma, ou de sua recriação, segundo as necessidades do "mundo" do escritor.

Além do prêmio da Academia Brasileira de Letras conferido a Magma, Guimarães Rosa recebeu o Prêmio Filipe d'Oliveira pelo livro Sagarana (1946); Grande Sertão Veredas recebeu o Prêmio Machado de Assis, do Instituto Nacional do Livro, o Prêmio Carmen Dolores Barbosa (1956) e o Prêmio Paula Brito (1957); Primeiras estórias recebeu o Prêmio do PEN Clube do Brasil (1963).

 

Bibliografia
 

Sagarana, contos (1946);

Com o vaqueiro Mariano, conto (1952);

Corpo de baile, ciclo novelesco, 2 vols. (1956);

Manuelzão e Miguilim (1964);

No Urubuquaquá, no Pinhém (1965);

Noites do sertão (1965);

Grande Sertão Veredas, romance (1956);

Primeiras estórias, contos (1962);

Campo geral (1964);

Tutameia (Terceiras estórias), contos (1967);

Estas estórias, contos (1969);

Ave, palavra, diversos (1970);

além de obras em colaboração: O mistério dos MMM (1962) e Os sete pecados capitais (1964).

 


Fonte: http://www.academia.org.br/academicos/joao-guimaraes-rosa

 

Siga @GLA_SME. Use #glasme em seus tweets e teremos um Twittaço de valiosas descobertas!

 

Equipe GLA - Gerência de Leitura e Audiovisual

E/SUBE/GLA


   
           



Yammer Share