A A A C
email
Retornando 88 resultados para o mês de 'Janeiro de 2012'

Quarta-feira, 25/01/2012

A Poesia e os Misteriosos Labirintos da Linguagem Figurada

Tags: educaçãonotadez, desafiorioeduca.

 

Sou professora de Língua Portuguesa e atuo como coordenadora pedagógica no 1º segmento. Busco sempre um ensino de qualidade priorizando a leitura e a escrita na Escola Municipal João de Deus, que já é uma referência de ensino com notas altas no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica)

 

Como afirmou Roland Barthes em seus escritos, quem escreve é um escritor, logo o verbo é intransitivo. Agora quem escreve e não é um escritor, o verbo é transitivo, porque o que importa são que os dados transmitidos possam ser válidos em qualquer situação comunicativa. A escola não tem pretensão de fazer escritores, mas, sim, de propiciar um encontro com o texto e a escrita para a vida.

 

Logo, apaixonada por gêneros textuais, ao longo dos anos tenho procurado incentivar a leitura e a escrita através de projetos que provoquem o encantamento do imaginário para que a escrita desabroche.

 

No ano de 2011, com “A caixa das delícias”, de Emannuel Marinho, desenvolvi em todas as turmas o projeto de poesias que convida a todos para entrar nos misteriosos labirintos da linguagem figurada, que muito encanta.

 

O trabalho teve início com a caixa apresentada poeticamente aos professores, no Centro de Estudos, com o objetivo de levá-los a refletir sobre poesia e a colocá-la em prática com seus alunos. A seguir, a caixa fechada foi apresentada aos alunos. Foram feitas perguntas e, nas paredes da Unidade Escolar (UE), afixados cartazes com questionamentos sobre o conteúdo da caixa. (Leia mais no Educação Nota Dez de hoje)

 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 24/01/2012

E. M. Professor Alfredo de Pires Flores - Vidas em Transformação

Tags: 9ªcre, novadireção.

 

 Com o Projeto Político Pedagógico “Vidas em Transformação” a nova equipe de direção da E. M. Professor Alfredo de Pires Flores, da 9ª Coordenadoria Regional de Educação, vai procurar dar continuidade ao trabalho realizado acrescentando ações que fortaleçam a participação coletiva com o intuito de defender os interesses da comunidade escolar.

 

Eliane Lins (Adjunta 2011), Mônica Anjos (Diretora 2012),
Maria Celina Freire Gentil (Diretora 2011) e José Rubens (Adjunto 2012)


 

Em visita a mais uma escola com nova direção para 2012 aqui na 9ª Cordenadoria Regional de Educação, fui recebida com muito carinho pelos novos e antigos diretores da E. M. Professor Alfredo de Pires Flores, situada na Rua Rodrigues de Abreu nº10 em Campo Grande. A direção se mostrou muito interessados no uso de Novas Tecnologias, já que a escola é de segundo segmento (6º ao 9º ano) e já tem em suas salas o Kit Educopédia instalados e prontos para serem usados. Eles acharam muito oportuna a visita e puderam tirar algumas dúvidas sobre o Portal Rioeduca, sobre o nosso e-mail corporativo, sobre a Educopédia e também saber um pouco da novidade que está chegando que é a Escola 3.0.

 

A diretora ficou muito entusiasmada com a ideía de criar um blog para a escola, disse que já era uma idéia desde 2011, quando estava como coordenadora da unidade. Sugeri que o blog fosse criado pelos próprios alunos e ela ficou encantada com a idéia.

 

 

Diretora Mônica e Diretor Adjunto José Rubens

 

 

A direção conta com a professora Mônica que nos falou um pouco a seu respeito:

 

“Formada em 1990 pela Fundação Técnico Educacional Souza Marques, não sou nascida e criada em Campo Grande, mas pra mim e como se fosse , sou apaixonada por este bairro, vim morar aqui depois da aprovação do concurso do estado em 1998, e depois de um contrato com o município em 2001, passei no concurso e desde 2002 trabalho no município como PII, já passei por várias escolas, mas no ano passado tive a oportunidade de atuar como coordenadora pedagógica na Alfredo Flores, foi maravilhosa esta experiência.”


“Sempre estudei em escolas municipais e ter hoje a oportunidade de estar na direção de uma delas para mim é um grande desafio, que pretendo realizar com muita responsabilidade e dedicação, dando o meu melhor.”


 

Como diretor adjunto o professor José Rubens que já teve experiência anterior nesta função no CIEP Cláudio Manoel da Costa em 2002 e que atualmente leciona na própria escola e no PEJA do CIEP Clementina de Jesus. O professor também nos relatou que já trabalhou como capacitador nos cursos de Informática Educativa que a 9ª CRE ofereceu aos professores alguns anos atrás.

 

 

Fachada da escola e retrato do patrono Professor Alfredo de Pires Flores

 

 

A escola está em funcionamento desde 2002, Para este ano tem previsão para 20 turmas, já que o prédio conta com 10 salas que funciona em dois turnos. Tem também, salas ambientes: Sala de Leitura, Ciências, Artes e Dança e Laboratório de Informática.

 

Vamos ver a seguir a apresentação feita pela direção a banca da 9ª Coordenadoria Regional de Educação na ocasião da seleção para direção da unidade.


 

 

 

O Rioeduca deseja muito sucesso a nova direção e a toda equipe da E. M. Professor Alfredo de Pires Flores.

 

 

Venha você também fazer parte desta troca de experiências no nosso Blog "A Revolução Acontece", basta procurar o representante da sua CRE na página sobre nós  e entrar em contato por e-mail ou Twitter.


 

 

Profª Márcia Cristina Alves
Representante do Rioeduca na 9ªCRE
E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
Twitter: @marciacrisalves

 

 

 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 24/01/2012

O Ano da Química no Núcleo de Arte Leblon – Parte 2

Tags: 2ªcre, artesmusicais, artesvisuais, artescênicas.

 

Nesta postagem vamos conhecer mais um pouco sobre O Ano da Química no Núcleo de Arte Leblon. O ano de 2011 foi desafiador para os professores deste Núcleo de Arte, pois receberam a missão de relacionar a química com a arte.

 

O tema desenvolvido durante o ano teve como título “Que Química é esta”? , proposto pela IUPAC (União Internacional da Química Pura e Aplicada). Este tema trouxe algumas indagações para a equipe do Núcleo de Arte Leblon: Como estabelecer um diálogo entre química e arte? Como discutir as questões relacionadas ao campo da química na área de arte? Como os artistas contemporâneos estão se apropriando dos conhecimentos da química nas suas produções? 

E foi tentando responder estas questões que, em 2011, o Núcleo de Arte Leblon desenvolveu um trabalho muito interessante. Nesta postagem conheceremos um pouco sobre as Visitas Culturais, os Projetos de Dança, as Artes Visuais, a Música e o Viradinho.

 

Assista ao vídeo que mostra o trabalho realizado pelo Núcleo de Arte Leblon no Ano da Química

 

 

 

    Visitas Culturais  

 

O acesso a um espaço cultural faz com que os alunos conheçam as diversas manifestações artísticas e é importante na formação de plateia.

 

Projetos de Dança - Da Lagarta à Borboleta

 

 

“Em 2011, demos continuidade ao tema “Da Lagarta à Borboleta”, em consonância com o tema do projeto “Que química é essa?”. Na expressão do fenômeno da transformação; do processo de troca das camadas externas do corpo da lagarta ao pupo; ao casulo e finalmente à borboleta, os corpos exploram e vivenciam o espaço.
A acrobacia e o balé, com crianças de 5 a 8 anos, dão forma a esse acontecimento poético da natureza que surpreende e encanta a todos. Em parceria com as oficinas de Balé Clássico, Artes Visuais e Vídeo finalizamos este projeto interdisciplinar em 2011.” – Relato dos professores

 

Artes Visuais

 

 

Nas oficinas de Artes Visuais foi apresentada uma diversidade de opções plásticas e estéticas, contextualizando-os na história da arte e na produção artística contemporânea.
“Em 2011 começamos com a ideia da química da cor em diferentes artistas e como cada artista criava e construía um conhecimento plástico com a cor.” – Relato dos professores.

 

Oficina de Artes Visuais

 

Foi realizado, nas oficinas de Artes Visuais, um trabalho com a observação dos materiais do nosso dia a dia, com a palavra, com os movimentos e a sua transformação. Buscou-se desenvolver um novo olhar para os materiais, sua composição e buscar novas formas de expressão. Também, foram desenvolvidas atividades relacionadas com o lúdico dessas transformações e dessa química dos materiais.

 

Música

 

“A temática "Que química é essa?", escolhida neste ano de 2011, possibilitou um debate bastante amplo com os alunos sobre o que a química representa em suas vidas.
Continuamos com trabalho de formação de repertório e de prática de conjunto, no qual destacamos músicas como "Fórmula do amor" (Kid Abelha) e "Química" (Legião Urbana). Realizamos algumas atividades externas de formação de plateia, dentre as quais podemos destacar: Teatro Municipal, uma trajetória da música popular brasileira no século XX, com a apresentação de Tim Riscala; Casa HOMBU, onde participamos de uma oficina de percussão; Escola de Música da UFRJ, onde assistimos à ópera infanto-juvenil "Joca, Juca e o pé-de-jaca", possibilitando uma experiência inovadora com essa linguagem musical.” – Relato dos professores.

 

Viradinho

 


 

O Viradinho foi realizado no Núcleo de Arte Leblon, em novembro de 2011, no turno da manhã.
O evento é proposto todo ano pela SME – Extensividade, e tem como objetivo promover a troca de experiências entre os diferentes Espaços de Extensão Escolar de cada CRE.
O Núcleo de Arte Leblon recebeu alunos do Núcleo de Arte Copacabana, PET Presidente Arthur da Costa e Silva e PET General Humberto de Souza Mello que foram organizados em pequenos grupos e participaram de oficinas de vídeo, teatro, artes visuais, jogos de mesa, arte literária e dança, com atividades propostas pelos professores.
Cada grupo trabalhou com um professor de outro Espaço de Extensão e, ao final do evento, foi realizada uma avaliação com os alunos e professores.
O Viradinho é um momento de encontro, integração e aprendizado para todos.
 

Parabéns ao Núcleo de Arte Leblon e muito sucesso em 2012!

Visite o blog do Núcleo de Arte Leblon http://naleblon.blogspot.com/

 

 

Clique e conheça a publicação "O Ano da Química no Núcleo de Arte Leblon - Parte 1"              http://www.rioeduca.net/blogViews.php?id=1730

 

Divulgue também os blogs ou projetos desenvolvidos por sua escola, basta entrar em contato com o representante do Rioeduca em sua CRE.

Gostou desta publicação? Deixe um comentário!

 

Professora Renata Carvalho – Representante Rioeduca 2ª CRE
Twitter: @tatarcrj
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
 

 

                                            

 

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF

 


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 24/01/2012

Escola Municipal Malba Tahan, Patrono e Alunos em Destaques

Tags: 5ªcre, alunos, patrono.

 

A EM Malba Tahan se orgulha de ter alunos que se destacaram nos concursos para Colégios Públicos Federais e Estaduais, além da história nobre de seu patrono, Julio Cesar de Mello e Souza, o Malba Tahan.

 

 

Julio Cesar_Malba Tahan: Sua Infância, Pseudônimos, Formação e Trabalho

 

 

 

 

Julio Cesar de Mello e Souza nasceu no Rio de Janeiro no dia 6 de Maio de 1895. Teve oito irmãos. Aos 12 anos de idade foi morar no Rio de Janeiro para continuar seus estudos, mas passava as férias em São Paulo, na cidade de Queluz, onde tinha vivido sua infância até então e onde morava sua mãe, Carolina, a Dona Sinhá. Nessas férias, uma de suas brincadeiras prediletas era escrever e publicar uma revistinha feita à mão, com reportagens, histórias ilustradas e adivinhas. A revista chamava-se Erre! e, em janeiro de 1908, assinou-a como sendo o editor Salomão IV, seu primeiro pseudônimo. Em 1920, Julio criou seu segundo pseudônimo, R. V. Slady, quando publicou suas primeiras histórias no Jornal O Imparcial, onde trabalhava como Office boy.

 

Devido ao sucesso dessas histórias, resolveu criar seu pseudônimo definitivo, Malba Tahan, que figura no título de seu primeiro livro, Contos de Malba Tahan, de 1925, e com o qual assinou inúmeros outros livros que publicou posteriormente, inclusive O Homem que Calculava.

 

Este vídeo foi produzido pela Secretaria de Estado da Educação do Paraná, Diretoria de Tecnologia Educacional, em parceria com a Coordenação de Multimeios e o Portal Dia-a-dia Educação, comemorando o dia Dia Nacional da Matemática, 06 de maio. Fonte: SEED/PR

 

Julio Cesar estudou o ensino fundamental e médio nos Colégios Militar e Pedro II, no Rio de Janeiro. Formou-se Professor pela Escola Normal e depois em Engenheiro pela Escola Nacional de Engenharia.

Foi professor de diversos estabelecimentos de ensino, como o Colégio Pedro II, a Escola Normal e a Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio de Janeiro.


Com seu próprio nome, escreveu alguns livros didáticos de Matemática e o Dicionário Curioso e Recreativo da Matemática.

 

Deu mais de 2000 palestras ao longo de sua vida e nas aulas para normalistas ou nos livros que escreveu, Julio Cesar defendia o uso dos jogos nas aulas de Matemática. Enquanto os outros professores usavam em suas aulas o quadro-negro e a linguagem oral, ele recorria a criatividade, ao estudo dirigido e a manipulação de objetos. Suas aulas eram movimentadas e divertidas, sempre defendendo a instalação de laboratórios de matemática em todas as escolas.

 

Ele estava muito além de seu tempo.

 

“Hoje, as atividades lúdicas são muito valorizadas, mas naquela época eram vistas como heresia”, observa o professor de Matemática Sérgio Lorenzato, da UNICAMP.
Sergio Lorenzato foi aluno de Julio Cesar e relata que guarda até hoje os cadernos de anotações, pois, o professor dizia que “o caderno tinha de refletir a vida do aluno”.

 

Julio Cesar, ou Malba Tahan, foi casado com Nair Marques da Costa com quem teve três filhos: Rubens Sergio, Sonia Maria e Ivan Gil. Durante muitos anos o público acreditou que Julio Cesar e Malba Tahan fossem duas pessoas distintas.

 

 

 

 

 

 

 

Julio Cesar faleceu em Recife no dia 18 de Junho de 1974 vítima de um ataque cardíaco.

 

 

Daiane e Matheus, Dois Alunos Destaques

 

 

Daiane Riberio Siqueira e Matheus Nobre da Costa, dois alunos da EM Malba Tahan que conseguiram, após se esforçarem o bastante, serem aprovados e classificados para o Colégio Pedro II, CEFET e FIOCRUZ.

 

 

 

 


Matheus Nobre da Costa e Daiana Riberio Siqueira

 

  

Visita do Rioeduca na EM Malba Tahan

 

 

Dia 18 de janeiro estive de visita à EM Malba Tahan e fiquei entusiasmada com a escola que vi, após alguns anos.


A Escola, que este ano passará ser de horário integral, está sendo reformada para acolher os novos alunos e professores que chegam ao projeto.

Tem na direção geral o professor Jorge Misquita Ramos e como diretora adjunta a profª Marisa Mathias. Ela, acompanhada da Cordenadora Pedagógica, Valéria Valentim, me receberam de "braços abertos" no dia da minha visita, assim como quase todas as escolas fazem.

Isso é muito bom, pois reconhecem no Rioeduca um canal necessário para trocas de experiências e divulgação dos trabalhos de todas as escolas da Rede Municipal.

 

 

Da esquerda para direita a Diretora Adjunta, Marisa Mathias, e a Coordenadora Pedagógica, Valéria Valentim

 

A Escola Municipal Malba Tahan está em fase de criação de seu blog. Com certeza, ele será tão interessante e interativo quanto aos demais, que procuram socializar seus projetos, atividades, eventos, passeios culturais, etc...

Parabéns aos envolvidos nessa tarefa envolvente e dinâmica de educar para o futuro.

 

 Quer ver seu trabalho publicado no Portal Rioeduca? Então, escreva para nós que publicaremos.

Participe comentando!


Cada CRE possui um representante na Equipe Rioeduca, todos professores da rede, e para saber qual e-mail do representante da sua CRE clique no ícone abaixo.


 

ReginaBizarro_Representante do Rioeduca/5ªCRE

E-mail: reginabizarro@rioeduca.net

Twitter: @rebiza (Faça também o seu) 

 

                                                                            

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF


 


   
           



Yammer Share