A A A C
email
Retornando 88 resultados para o mês de 'Novembro de 2012'

Sexta-feira, 23/11/2012

Colhemos o que Plantamos!

Tags: 6ªcre, educaçãoinfantil.

 

Os alunos da Creche Municipal Zilka Salaberry estão cultivando diversos alimentos na horta, incentivados pelo projeto "Colhemos o que plantamos". A ação tem como objetivo ensinar a importância de uma alimentação saudável.

 

 

O papel desempenhado pela escola na formação de hábitos alimentares é muito importante.  É nela que grande número de crianças permanece por um longo período de tempo.

 

 

Estabelecendo um ambiente favorável à vivência de saberes e de sabores, a escola pode e deve estimular uma relação saudável da criança com o alimento, através de atividades recreativas e da construção de hortas. Com isso, propõe-se que o conhecimento sobre o processo de saúde seja construído, por cada aluno, pela ação compartilhada com os outros.

 

As informações básicas sobre saúde e nutrição transmitidas de maneira simples e atraente para crianças afetam a sua própria maneira de viver.  Elas serão transmissoras dessas informações para seus pais e para a comunidade onde estão inseridas.

 

 

 

 

Com a entrada na escola, um novo mundo se abre com novas amizades, outras formas de estar e de se alimentar. Este ciclo caracteriza-se pelo aumento da exigência intelectual, aumento da exigência física e aumento dos contactos sociais.

 

 

A má alimentação pode ter sérias consequências  para a criança em idade escolar. Ela pode ficar facilmente fatigada, incapaz de participar completamente das experiências de aprendizagem e  até perder aulas por estar frquentemente doente. Por este motivo, a escola e a família são muito importantes nessa idade, pois é por meio delas que a criança passa a conhecer novos alimentos.

 

 

Sabemos que, desde cedo, as crianças estão atentas ao mundo e aprendem com muita facilidade. Portanto, suas primeiras refeições são determinantes para formar hábitos alimentares, além de garantir condições de saúde para cresceram e se tornarem adultos que saberão fazer escolhas mais saudáveis.

 

 

Horta na Escola é Sinônimo de Alimentação Saudável

 

 

Como vimos, os hábitos alimentares são formados na infância e se mantêm por toda vida. Segundo Euclydes, a alimentação saudável, além de proporcionar prazer, fornece energia e outros nutrientes que o corpo precisa para crescer, se desenvolver e para manter a saúde . A alimentação deve ser a  mais variada possível para que o organismo receba todos os tipos de  nutrientes.

 

 

Pensando em promover bons hábitos alimentares e auxiliar no desenvolvimento de seus alunos, a Creche Municipal Zilka Salaberry, através do projeto Colhemos o que Plantamos, construiu, com suas crianças, uma horta no pátio da creche.

 

 

A equipe da creche aproveitou um dos espaços da instituição para criar canteiros e, cada turma pode plantar, colher, semear, apreciar o crescimento dos alimentos cultivados.  O projeto envolve toda  a comunidade escolar, pois os alunos levam os conhecimentos adquiridos para casa, influenciando os hábitos alimentares de seus familiares.

 

 

 

A prática de uma dieta balanceada e hábitos alimentares saudáveis desde a infância proporcionarão níveis ideais de saúde e favorecerão o perfeito desenvolvimento físico e intelectual, reduzindo os transtornos causados pelas deficiências nutricionais comuns a este estágio de desenvolvimento e evitando a manifestação da obesidade e outros distúrbios alimentares.

 

 

As educadoras levaram seus alunos para a horta que foi logo percebida pelas crianças como um espaço  envolvente, encantador e de muitas descobertas. Lá eles aprenderam como plantar, cuidar e colher os alimentos.

 

 

Depois de colhidas, as hortaliças foram encaminhadas para a cozinha da creche e utilizadas no preparo de lindas e saborosas saladas para serem consumidas pelos próprios alunos e professores. Tudo fresquinho e feito com muito carinho!

 

 

 

A família, a escola e a sociedade têm a responsabilidade de favorecer a adoção de um comportamento saudável por parte das crianças para que elas se tornem capazes de encontrar um equilíbrio alimentar e alcancem uma boa qualidade de vida com repercussões positivas na adolescência e na vida adulta.

 

 

 

A alimentação escolar tem como objetivos: suprir parcialmente as necessidades nutricionais dos alunos, melhorar a capacidade no processo ensino-aprendizagem e formar bons hábitos alimentares.

 

 

Ao realizar o projeto Colhemos o que Plantamos, a Creche Municipal Zilka Salaberry demonstra a consciência de que o tema deve ser inserido na escola devido a sua importância na promoção da saúde bem como na formação de valores e hábitos saudáveis.

 

 

Parabéns a toda equipe da Creche Municipal Zilka Salaberry  por investir e promover saúde através da alimentação e, assim, garantir a melhoria da qualidade de vida dos seus estudantes.

 

 

Envie o seu projeto para ser publicado no Portal Rioeduca! Vamos trocar experiências e dividir saberes! Este espaço foi feito pra você, professor (a)! Utilize-o para aprimorar sua prática pedagógica!

 

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ª CRE

Twitter: @PatríciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 23/11/2012

Ler e Cantar na Educação Infantil

Tags: 3ªcre, riodeleitores, educaçãoinfantil.

 

 

A Educação Infantil é feita de música, leitura e fantasia. O EDI Padre Nelson Del Mônaco contemplou este três pilares em seu projeto Leitura desde cedo e... para sempre. Vamos conferir?

 

 

Aprender na Educação Infantil não pode passar longe da ludicidade, do jogo e da brincadeira. A fantasia ajuda a elaborar as ações do cotidiano e a inserir a criança no mundo real sem deixar a imaginação de lado. A música alegra e facilita a memorização e a leitura abre as portas do mundo de histórias que esperam por eles. Unir essas três ferramentas em um só projeto garante o prazer de aprender.
O Espaço de Desenvolvimento Infantil Padre Nelson Del Mônaco tem apenas dois anos de vida e já percebeu a importância de apresentar a leitura em voz alta desde a mais tenra idade. No primeiro semestre, as crianças ouviram histórias da turma da Mônica, lendas e parlendas e ficaram ligados nas ações da Rio+20. A inauguração da Sala de Leitura Maurício de Sousa foi o ponto alto deste período e cada sala de aula foi batizada com o nome de um de seus personagens.

 

 

 

 

 

 

 

No segundo semestre, depois de vôos em tapetes, galinhas e seus ovos de ouro, princesas e príncipes e até o Lobo Mau foram apresentados às turminhas. Em outubro, o destaque é o subprojeto Leitura através da Música. As cantigas de ninar, de roda e os jogos musicais se transformaram em livrinhos musicais. As crianças leram as canções e ilustraram em grandes livros que eles próprios podem folhear e reler. As cantigas tradicionais foram cantadas e dramatizadas e tornaram-se parte da rotina deles.

 

 

 

 

 

 


O trabalho continua. Está prevista a leitura crítica da fábula A Cigarra e A Formiga, uma ótima oportunidade para que os alunos soltem a sua imaginação. O EDI Padre Nelson Del Mônaco está iniciando sua vida pedagógica com a leitura como guia. Com certeza, o objetivo de que seus alunos “tornem-se cidadãos capazes de conviver socialmente de forma saudável“ tem tudo para ser atingido. O blog também é recém-nascido, mas já podemos conferir as atividades realizadas por eles. Acessem e conheçam o empenhado trabalho dessa equipe.

 

 

 

 

 

Contate-nos

 

angela.freitas@rioeduca.net

twitter @angeladario

facebook Angela Regina de Freitas

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 22/11/2012

II Feira Literária em Vila Valqueire

Tags: 7ªcre.

 

  

No dia 25 de outubro, como parte da programação da Maratona de Histórias da 7ªCRE, aconteceu a II Feira Literária dos Amigos do Livro (FLAL) na Praça Saiqui, em Vila Valqueire. O evento foi promovido pelas Salas de Leitura das Escolas Municipais de Vila Valqueire e repetiu o mesmo sucesso do ano passado.

 

 
A II FLAL (Feira Literária dos Amigos do Livro) contou com a participação da E.M. Cândido Campos, E.M. Carlos de Laet, E.M. José Enrique Rodó, E.M. José Joaquim de Queiroz, CIEP Almir Bonfim, Creche Municipal Vitorino Freire e EDI Debret. Neste ano, em que foi homenageado Monteiro Lobato, tivemos a participação de mais escolas e o evento ocorreu com o apoio das Direções, da CRE e da 16ª RA (Região Administrativa).
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Na II FLAL, os responsáveis, moradores e convidados (Colégio Hage) puderam desfrutar de um dia muito agradável, prestigiando os trabalhos dos alunos, bem como as suas apresentações e de seus professores.
 
 
 
 
 
 
 
O evento movimentou a Praça Saiqui, onde os presentes puderam conhecer mais sobre a história de Monteiro Lobato e o trabalho realizado nas escolas participantes.
 
 
 
Alunos, professores, funcionários, responsáveis e visitantes em geral puderam participar de atividades em oficinas, apreciar os trabalhos produzidos pelos alunos e assistir às apresentações com a participação de todos os envolvidos.

 
 
 
 
 A II Feira Literária dos Amigos do Livro foi considerada um sucesso e as escolas já estão começando a pensar na edição de 2013! O incentivo à leitura costuma ser um desafio para os professores, mas ações como a II FLAL mostram que isso pode ser feito de uma forma agradável, fora do ambiente escolar e enriquecedora para todos que participam.

 

 

PARTICIPEM, TAMBÉM, DESTE ESPAÇO QUE É NOSSO, DAS ESCOLAS, DOS PROFESSORES, DOS ALUNOS E DEMAIS FUNCIONÁRIOS QUE FAZEM A EDUCAÇÃO CARIOCA!

CONFIRAM NO LINK A SEGUIR, QUAL É O REPRESENTANTE DE SUA CRE
E DIVULGUEM O QUE SUA ESCOLA REALIZA!
RIOEDUCA NET - A REVOLUÇÃO ACONTECE: QUEM SOMOS NÓS?


http://rioeduca/sobrenos.php

 

Roberta Vitagliano é professora da rede municipal e

representante do Rioeduca na 7ªCRE

 

robertavitagliano@rioeduca.net

twitter: @robertacarmina


 

 

 

                               

 

 

 

x


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 22/11/2012

Trilhas Entre Pais & Filhos

Tags: 9ªcre, riodeleitores.

A E. M. Professora Orminda Rodrigues da 9ª CRE desenvolveu, este ano, em parceria com a Natura e o MEC, o Projeto Trilhas, em que, além de outras atividades voltadas para a leitura, envolveu também os pais na Roda de Leitura Entre Pais & Filhos.

 

 

 

O Projeto Trilhas é uma iniciativa da Natura em parceria com o Ministério da Educação (MEC), levando para crianças de escolas públicas de todo o Brasil o incentivo à leitura. O principal objetivo é inserir as crianças do 1º ano do Ensino Fundamental em um universo letrado através de um conjunto de materiais elaborados para instrumentalizar e apoiar o trabalho docente no campo da leitura, escrita e oralidade.

 

Para saber mais acesse o site Projeto Trilhas.  

 

 

 

 

Este ano, o Projeto Trilhas chegou à E. M. Profª Orminda Rodrigues para a alegria da turma 1103. Todos ficaram encantados com os livros e jogos que estavam na caixa. Toda semana, às sextas-feiras, a turma aprende e se diverte com os jogos e todos os dias, ao final da aula, os livros ficam à disposição dos alunos e um deles é escalado para ler um dos livros para a turma. Depois é feita uma votação para escolher um título para a professora também ler. Um dos livros preferidos pela turma é A Casa Sonolenta.  

 

 

 

 

O material trouxe resultados excelentes para a turma! Alunos que não liam, sentiam vontade de ler ao observar os colegas lendo. Além dos jogos, que também favorecem o processo de alfabetização.

 

 

 

 

Trilhas Entre Pais & Filhos

 

 

A Professora Gersilaine nos relata que: “Conversando com a turma sobre o significado da palavra “trilha”, eles responderam que é caminhar. Nasceu então a ideia de pintar os pés para fazer um cartaz com as pegadas representando a “trilha”. E como a Educação é uma via de mão dupla, entre a escola e os pais, resolvemos ampliar a atividade para os pais também. As crianças levaram para casa um tubinho de cola colorida para pintar os pés, junto com seu responsável, e colocar numa folha de papel ofício sua impressão digital, para confeccionarmos o cartaz “Trilhas Entre Pais & Filhos”. Os pais foram bem participativos, então os convidamos para um dia agradável, para interagir uns com os outros numa roda de leitura “Entre Pais & Filhos”. Foi uma delícia!”

 

 

 

 

A escola fez o registro desta atividade e preparou uma bela apresentação com a imagens do Projeto, como podemos ver a seguir:

 

 

 

trilhas

View more presentations or Upload your own.

 

 

 

 

Parabéns à toda equipe da E. M. Professora Orminda Rodrigues e, especialmente, à professora Gersilaine, pelo projeto desenvolvido e por compartilhá-lo conosco.

 

 

Venha participar você também deste espaço.

Compartilhe conosco uma atividade que a sua escola realizou.



 

Contatos da Representante da 9ª CRE:
Profª Márcia Cristina Alves
E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
Twitter: @marciacrisalves
Tel.: 94420157

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share