A A A C
email
Retornando 38 resultados para o mês de 'Abril de 2015'

Quarta-feira, 08/04/2015

10ª Mostra de Cinema de Ouro Preto (CINEOP)

Tags: cineclube, mídias, cinema, professores.

 

 

CINEOP

10a MOSTRA DE CINEMA DE OURO PRETO

 

 

 

 

Estão abertas as inscrições de filmes de escolas para 10ª Mostra de Cinema de Ouro Preto (CINEOP)

 

Na programação da temática educação da 10ª Mostra de Cinema de Ouro Preto (CINEOP), serão exibidos filmes produzidos no contexto escolar. Estes filmes devem ser inscritos e avaliados por uma comissão eleita pela organização do evento e da Rede Kino (rede Latino-Americana de Educação, Cinema e Audiovisual).

 

SOBRE A INSCRIÇÃO

Poderão se inscrever quaisquer estudantes, professores, cineclubistas, cineastas e pesquisadores de qualquer nível de ensino.

 

Período de inscrição:

  •  1º a 30 de de abril de 2015 (até 23:55 horas – horário de Brasília)

 

A consulta ao regulamento e o preenchimento da ficha de inscrição deverão ser feitos pela internet, através dos links:

 

 PROJETOS AUDIOVISUAIS ESCOLARES - INSCRIÇÕES

 

 PROJETOS AUDIOVISUAIS ESCOLARES - REGULAMENTO

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 08/04/2015

Informativo Multírio - 08 de abril

Tags: informativomultirio.

 

Multirio Web Rádio
Multirio

Caetano Veloso é o homenageado de Pequenos Notáveis

A cantora Joyce Moreno relembra a trajetória do cantor, considerado um dos mais influentes artistas brasileiros, no programa desta semana. Baiano da cidade de Santo Amaro que adotou o Rio de Janeiro, o músico firmou parcerias clássicas em sua carreira com Gilberto Gil, Gal Costa e Maria Bethânia, sua irmã, entre outros. As canções que nasceram destes encontros são lembradas no programa, com participação do cantor Alfredo Del-Penho. Com depoimentos, trechos de sucessos cantados em estúdio e dramaturgia, o programa contextualiza a importância do artista no cenário musical do país desde a década de 1960. Pequenos Notáveis vai ao ar nesta  quinta-feira (9), às 11h, no canal 26 da NET.

 

Megassaudável aborda o uso da tecnologia

O mundo virtual está em debate no programa desta semana. Por meio de dramaturgia, quadro com especialista e participação de alunos da Rede Municipal, o episódio tira dúvidas e orienta sobre redes sociais, segurança na internet e exposição da intimidade. Os estudantes também comentam o uso de computadores, tablets e smartphones. Quando eles deixam de ser aliados da comunicação e do aprendizado para se tornarem inimigos da privacidade e da concentração? A relação da juventude com a tecnologia entra em pauta para discutir as vantagens e os prejuízos causados pelos avanços dos meios de comunicação. Megassaudável vai ao ar nesta sexta-feira, às 10h, e sábado, às 11h, no canal 26 da NET.

 

E mais:

No Portal MultiRio, sempre tem novidade. Nesta semana, veja que a aprendizagem colaborativa vem ganhando cada vez mais adeptos entre crianças e adolescentes, que acessam fóruns de perguntas e grupos de estudos em redes sociais. Saiba sobre a vida e a obra de Elis Regina, a grande estrela da música popular brasileira que dá nome a um Ciep da 4ª CRE, na comunidade Nova Holanda, na Maré. E conheça a história de Jacarepaguá, que se desmembrou em dez bairros distintos. Em entrevista exclusiva, o jornalista Alexandre Sayad, autor do livro Idade Mídia, discute a relevância da escola na era da internet e dos videogames. O Guia Alimentar para a População Brasileira, lançado pelo Ministério da Saúde, traz dicas e orientações para uma dieta saudável à base de produtos nacionais.

 

Siga-nos no Twitter

A MultiRio não tem um perfil oficial no Facebook. Informações sobre a Empresa você encontra no Portal MultiRio e na nossa página no Twitter. Se você já faz parte desta rede social, seja um seguidor: twitter.com/multirio.

RIO PREFEITURA | EDUCAÇÂO |
MULTIRIO Secretaria Municipal de Educação
MultiRio - Empresa Municipal de Multimeios

Para não receber mais este informativo,
envie e-mail para multiriocomunica@multirio.rio.rj.gov.br.
Tel: 1746/Fora RJ: (21) 3460-1746 • ouvidoria multirio@rio.rj.gov.br

 

Siga-nos no
Twitter Portal
Multirio

 

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 06/04/2015

Minha Primeira Biblioteca – A novidade da Educação Infantil

Tags: educaçãoinfantil, aulas, professor.

 

 

A Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro acredita na formação de sujeitos leitores e produtores de cultura desde a Educação Infantil, que vivem e interagem em uma sociedade letrada e midiática.

 

As crianças são sujeitos sociais ativos e criativos, que observam e vivenciam práticas de leitura e de escrita a todo instante. É comum vê-las perguntando sobre fatos cotidianos, manuseando livros, utilizando aparelhos eletrônicos, entre outras ações corriqueiras. Independente da classe econômica e social de suas famílias, elas estão em contato diariamente com diversas mídias, as quais requerem diferentes usos e lógicas. Daí a sua capacidade de se apropriar de novas linguagens para descobri-los.

Partindo deste princípio e seguindo as orientações da Gerência de Educação Infantil, a equipe Educopédia/Educação Infantil busca oportunizar às crianças e aos profissionais que atuam na pré-escola uma proposta inovadora de expressão verbal (oral e escrita), utilizando as mídias digitais como ferramenta do processo educativo.

Minha Primeira Biblioteca é um curso da Educação Infantil, disponível na plataforma Educopédia, composto de 32 aulas digitais não lineares, produzidas por professores da rede municipal com experiência em turmas de Educação Infantil, podendo ser trabalhadas tanto online quanto offline.

As aulas foram organizadas a partir dos livros do projeto “Minha Primeira Biblioteca”, do Caderno de Atividades e do Caderno de Férias da Pré-Escola. Elas propõem atividades individuais, em pequenos e grande grupos, promovendo momentos riquíssimos de interação entre as crianças, entre as crianças e o computador, de criação, produção textual, leitura, brincadeiras... Enfim, as aulas digitais vem somar à prática pedagógica do professor, o trabalho com as diferentes práticas de letramento no cotidiano da Educação Infantil.

O Minha Primeira Biblioteca vem acompanhado de planos de aula com orientação, competências e habilidades, auxiliando o professor na hora do planejamento.

Veja como é fácil e divertido acessar!

O Minha Primeira Biblioteca pode ser acessado por professores, pais e crianças, no site www.educopedia.com.br e as aulas digitais podem ser baixadas seguindo o passo a passo abaixo.

Entre como visitante:
 

 

Clique em Educação Infantil:

 

 

 

Clique em Minha Primeira Biblioteca:

 

Escolha um dos planos de aula e baixe em seu computador:

 

Muitas atividades poderão ser desenvolvidas sem a conexão com a internet, bastando o professor projetá-las em telão ou quadro branco, utilizando o datashow. É possível, ainda, adaptar as propostas, usando materiais presentes no cotidiano da Educação Infantil.


A equipe Educopédia/Educação Infantil se coloca a disposição pelo email educopediaei@gmail.com para estabelecer um diálogo com você, professor! Envie elogios, sugestões, comentários, críticas! Para nós, a sua participação é fundamental!


 Chegou a hora de ousar! Mãos à obra!


 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 03/04/2015

Três Historias na França, Rio 450 Anos

Tags: 5cre, leitura, leitores.

 

 

A Escola Municipal 05.15.038 França participou do Projeto Redação Rio 450 Anos, do Jornal Folha Dirigida em parceria com o Ministério da Cultura, através da Fundação Biblioteca Nacional. Três alunas foram destaques e, como prêmio, um tablet, incentivo para escrever cada vez mais.

 

Em parceria com o Ministério da Cultura e através da Fundação Biblioteca Nacional, o Jornal Folha Dirigida criou o Projeto Redação que objetiva um incentivo à criação literária entre estudantes de escolas públicas e particulares no Estado do Rio de Janeiro.

Com o projeto, os alunos têm a oportunidade de expressar suas ideias que, mais tarde, farão parte de dois livros: um com o nome da escola e 50 redações de seus alunos. E outro com as três melhores redações de cada uma das instituições participantes.

A Escola Municipal França, localizada no bairro de Piedade, teve três alunas premiadas com um tablet no Projeto Redação Rio 450 Anos, da Folha Dirigida.

São elas: Evellyn Mota Pereira, Daniella Baptista de Oliveira e Rayssa Gonçalves que aceitaram ser entrevistadas e vão nos contar tudo sobre o concurso e a premiação.

 

Aluna Evellyn Mota Pereira

 

RIOEDUCA: De onde veio o estímulo para você se tornar uma grande leitora e escritora?

Evellyn Pereira: Meus pais sempre me estimularam a ler, desde que eu era muito pequena. Compravam livros infantis e gibis para que eu lesse e me aconselhavam a ler bastante se quisesse ouvir e falar bem. Acho que é por isso que falo tanto e gosto muito mais de escrever do que ler. Adoro conversar!

 

RIOEDUCA: Qual tipo de leitura você mais gosta?

Evellyn Pereira: O tipo de leitura que eu mais gosto são os romances infantis porque eles contam histórias de jovens adolescentes. Também gosto de crônicas e alguns tipos de contos.

 

RIOEDUCA: Qual o livro que você mais gostou de ler e o que você aproveitou para sua vida?

Evellyn Pereira: O livro que mais gostei de ler chama-se “Meninos Não Entram”, de Michelle M. Adams. Este livro dá boas dicas de como as meninas devem se comportar para se relacionarem bem com os meninos.

 

RIOEDUCA: Por que você acha que ganhou o Prêmio da Folha Dirigida?

Evellyn Pereira: Acredito que ganhei o Prêmio da Folha Dirigida porque me considero boa escritora, pois tenho apoio dos meus pais e fui muito bem orientada pelos meus professores. Além disso, amo a minha cidade, o Rio de Janeiro, porque dá pra contar muitas histórias e escrever bastante sobre ele.

 

RIOEDUCA: O que você sentiu ao saber que foi uma das premiadas?

Evellyn Pereira: Senti um grande orgulho em ter ganhado o prêmio. Minha mãe até chorou de emoção quando lhe contei pelo telefone.


 

Aluna Daniella Baptista de Oliveira

 

RIOEDUCA: De onde veio o estímulo para você se tornar uma grande leitora e escritora?

Daniella Oliveira: Minhas tias e minha mãe foram as pessoas que mais estimularam a leitura na minha vida. A professora Lourdes Loureiro também me incentivava bastante e lia muitas histórias pra minha turma. Lembro-me das visitas que sempre fazíamos à Sala de Leitura.

 

RIOEDUCA: Qual tipo de leitura você mais gosta?

Daniella Oliveira: Gosto muito de ler livros sobre Mitologia, mistérios e aventuras. Harry Potter e suas histórias me encantam bastante.

 

RIOEDUCA: Qual o livro que você mais gostou de ler e o que você aproveitou para sua vida?

Daniella Oliveira: O livro que eu mais gostei foi “A hospedeira” e “Teorema de Katherine”, escrito por John Green. São leituras envolventes e despertam em nós o desejo de ler e ansiedade por terminar cada história.

 

RIOEDUCA: Por que você acha que ganhou o Prêmio da Folha Dirigida?

Daniella Oliveira: Creio que ganhei o prêmio da Folha Dirigida pelo fato de ter lido bastante, ter sido bem orientada pela Professora da Sala de Leitura e pelo simples fato de gostar muito da Cidade onde moro. A premiação foi uma motivação a mais para que eu continue a escrever.

 

RIOEDUCA: O que você sentiu ao saber que foi uma das premiadas?

Daniella Oliveira: Sinto-me feliz em ter participado da coletânea de textos sobre o Rio de Janeiro, no ano da comemoração dos seus quatrocentos e cinquenta anos. Valeu a pena ter participado e sinto-me orgulhosa em saber que posso continuar tentando escrever melhor e buscando vencer sempre as barreiras que aparecerem diante de mim.
 

 

Aluna Rayssa Gonçalves

 


RIOEDUCA: De onde veio o estímulo para você se tornar uma grande leitora e escritora?

Rayssa Gonçalves: Minha mãe foi a maior incentivadora da leitura, juntamente com meu pai. Antes de dormirmos meus pais iam ao quarto onde minha irmã gêmea e eu aguardávamos ansiosamente o momento em que eles chegavam felizes, trazendo sempre um livro nas mãos para lerem para nós. Eram lindas histórias de fadas, princesas, Branca de Neve e muitas outras. Minha professora também lia e contava lindas histórias que eu adorava ouvir.

 

RIOEDUCA: Qual tipo de leitura você mais gosta?

Rayssa Gonçalves: Gosto muito de ler romances e histórias de terror.

 

RIOEDUCA: Qual o livro que você mais gostou de ler e o que você aproveitou para sua vida?

Rayssa Gonçalves: O livro que mais gostei de ler foi “A Ternura”, de Pedro Bandeira, pois me identifiquei muito com a história.

 

RIOEDUCA: Por que você acha que ganhou o Prêmio da Folha Dirigida?

Rayssa Gonçalves: Creio que ganhei o Prêmio porque sempre tive vontade de participar de um concurso, tenho muito amor pelo Rio de Janeiro e gostaria de contribuir de alguma maneira para melhorar a minha cidade.

 

RIOEDUCA: O que você sentiu ao saber que foi uma das premiadas?

Rayssa Gonçalves: Senti-me imensamente gratificada e muito feliz por ter ganhado um tablet e não esperava ganhar, porque foi a primeira vez que escrevi para concurso. Meus pais também ficaram muito felizes, é claro!

 

 

Alunas e professoras na entrega da premiação junto à Secretária Municipal de Educação, professora Helena Bomeny.

 

Agradeço a presteza da professora Ruth Macedo, regente da Sala de Leitura da Escola Municipal França, no envio das entrevistas, assim como agradeço a direção da escola, professora Marilia Leal.
 

Regina Bizarro é a professora Representante do Rioeduca/5ªCRE.

Contatos: reginabizarro@rioeduca.net

Facebook: https://www.facebook.com/rebiza

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share