A A A C
email
Retornando 30 resultados para o mês de 'Maio de 2017'

Sexta-feira, 19/05/2017

Era Uma Vez, Outra Vez...

Tags: 10ªcre.

 

Projeto trabalha os clássicos da literatura infantil com finais diferentes criados pelos alunos

A E/CRE (10.19.074) Escola Municipal Ricardo Brentani está localizada à Rodovia Mario Covas, km 1 – Santa Cruz, dentro da Cidade das Crianças Leonel Brizola, zona oeste do Rio de Janeiro. A Unidade atende a 14 turmas com 420 alunos do 1° ao 6° ano Experimental, sendo 4 turmas integrais e 10 turmas parciais. Tem como Diretora a professora Cristiane de Carvalho Losque, como Diretora Adjunta a professora Erica Silvério de Araújo Vianna e como Coordenadora Pedagógica a professora Fabiana Castro.

 

Mural da Unidade Escolar

 

Os professores da Unidade Escolar querem transformar a realidade dos seus alunos, construindo maior conhecimento e incentivá-los a leitura. Sendo assim, estão trabalhando durante o ano letivo 10 clássicos da Literatura Infantil e Infanto-Juvenil. O primeiro clássico trabalhado, em março, foi “Branca de Neve e os Sete Anões”. Nos outros meses, serão contemplados os seguintes clássicos: “Chapeuzinho Vermelho”, “O Patinho Feio”, “Cachinhos Dourados”, “A Bela Adormecida”, “Cinderela”, “João e Maria”, “O Gato de Botas”, “Aladim e a Lâmpada Mágica” e “A Bela e a Fera”.

— O projeto "Era uma vez... Outra Vez" surgiu através de uma ideia da equipe de direção e coordenação, como forma de incentivar e consolidar a leitura e a escrita, utilizando Clássicos da Literatura Infanto-Juvenil, onde os alunos recriam os finais das histórias trabalhadas, apropriando-se de diferentes gêneros textuais, comparando a história original e os desfechos dado por cada turma, a partir da exposição das atividades realizadas. Esse projeto despertou a motivação e a criatividade alunos. Todos os professores estão envolvidos no projeto e isso é muito importante para o sucesso do mesmo. É preciso que haja dedicação, participação e compromisso de todos para que der certo. Para nós é muito gratificante observarmos o envolvimento de toda comunidade escolar em prol de uma aprendizagem significativa, prazerosa e de qualidade. — afirma a diretora.

 

Alunos realizando a atividade proposta

 

Durante cada mês, serão desenvolvidas com os alunos produções de diferentes gêneros e, em setembro, acontecerá o encerramento do projeto “Era uma vez, outra vez...”, cujo objetivo é explorar os clássicos da nossa literatura, trabalhando durante todo ano letivo questões que envolvam, a leitura, o letramento, a escrita, produção textual individual e valores pertinentes aos trabalhados do PPP da Unidade Escolar.

O término será recriar diferentes finais para os Clássicos no encerramento das atividades, em setembro. O projeto seguirá as seguintes etapas: trabalhar na turma os diferentes tipos de gêneros (lista, palavras, frases, desenho, poesia, carta e/ou narrativa, bilhete, diálogo, reconto etc.); elaborar ao final do mês um cartaz coletivo de cada livro; portfólio de produções de cada aluno; elaborar, criativamente, um novo final para um dos clássicos e fazer a apresentação na culminância.

 

Alunos na Biblioteca

 

Todas as atividade de contação de histórias, CineClube e produção de texto do projeto são acompanhadas através de parceria com a Biblioteca Escolar Municipal da Cidade das Crianças - Rachel de Queiróz.

 

Alunos na Biblioteca

Quer saber mais sobre o projeto?
Entre em contato com a Unidade Escolar.

E/CRE (10.19.074) E. M. Ricardo Brentani
Telefones: 3395-6425 e 3408-9952

Email: embrentani@rioeduca.net

 

 


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 18/05/2017

Leitura por toda parte: chegou a FLID - Feira Literária do Doutel!

Tags: 9ªcre, feira, literaria, sala, leitura.

 

A leitura faz a gente viajar por muitos lugares e com diferentes personagens. Agora, imagine viver tudo isso no mesmo lugar?! Os alunos do CIEP Armindo Marcílio Doutel de Andrade viveram diversas aventuras literárias, de 02 a 05 de maio, na FLID - Feira Literária do Doutel, organizada pela Coordenadora Pedagógica Audrei com toda a equipe Doutel.

 

 

Teatro, sussurros literários, roda de conversa com autor, dentre outros, mobilizaram crianças, professores e a comunidade escolar. Através de diferentes leituras: com "A professora muita maluquinha" passando pela Turma da Mônica ou Gang´s Monica, até à "Menina Bonita do laço de fita". Alunos autores, atores e leitores se faz assim: com alegria, envolvimento e muito protagonismo. 

 

 

FLID 2017 - 1º Dia - Peça Teatral
Peça Teatral: KABÁ DAREBU, baseada no livro de Daniel Munduruku, encenada pelos alunos da Classe Especial e alunos do terceiro, quarto e quinto ano. Professores: Márcia Christine, Isabel Cristina e Erick.
Apoio: Família Doutel. 

 

 

FLID 2017 - 1º Dia - Sussurros Literários
Alunos do Projeto Voando Alto nas Asas da Leitura oferecem graciosos sussurros a alunos, professores e funcionários. 

 

 

 

FLID 2017 - 1º Dia - Encontro com o Autor
O prof. Carlos Eduardo de Souza, autor do livro "A evolução econômica e populacional de Campo Grande", nos deu a honra de um agradável e bem informado encontro em nossa FLID. Gratidão

 

 

FLID 2017 - 2º Dia - Uma professora muito maluquinha - Preparativos...
"Dona Cati" ou "tia" Catia Portela?
  

FLID 2017 - 2º Dia - PIBID/FEUC

Contação de história: Menina bonita do laço de fita, com alunos do PIBID-FEUC enriquecendo ainda mais a FLID. 

 

FLID 2017 - 2º Dia - PEJA - Poesias de Manoel de Barros-Turma 191

 

FLID 2017 - 2º Dia - Quadrinhos, sim!!! Os alunos traduziram e pintaram uns quadrinhos da "Monica's gang".

 

Parabéns a equipe Doutel pelo trabalho de qualidade construído e partilhado por todos.

 

DADOS DA ESCOLA

09.18.510 CIEP Armindo Marcílio Doutel de Andrade

Rua Flavio Fraga , s/n, Campo Grande

Telefone: 3394-3527

Diretor: Pedro J. Baptista

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 17/05/2017

Monteiro Lobato: ontem, hoje e sempre!

Tags: 8ªcre, sala, leitura, rio, cidade, leitores.

 

A 8ª Coordenadoria de Educação foi palco de um lindo evento realizado pelas Salas de Leitura de diversas escolas. Com o tema Monteiro Lobato: ontem, hoje e sempre! As escolas apresentaram cartazes, maquetes, poesias e enquetes exaltando personagens e histórias geniais desse grande escritor brasileiro.

 

 

No dia 20 de abril, aberta à visitação, foi realizada a mostra de trabalhos realizados a partir do projeto Monteiro Lobato: ontem, hoje e sempre!

O projeto tem como objetivo divulgar amplamente o gosto pela leitura associada à produção escrita, estimular a criatividade e a interpretação do texto oral e escrito, com ênfase na alfabetização.

As Salas de Leitura e as Bibliotecas Escolares Municipais da 8ª Coordenadoria de Educação prepararam atividades sobre o tema desde o dia 27 de março. 

Foram realizadas nas unidades escolares: Chás Literários, Roda de Leitura e dramatizações com vistas ao incentivo à leitura; foram disponibilizados diversos tipos de texto às unidades escolares a fim de serem, esses textos, divulgados e reescritos pelos alunos.

Por fim, houve a construção de uma “biblioteca escolar volante” nas dependências da 8ª CRE, constituída por livros escritos pelos alunos e livros de literatura das Bibliotecas Escolares. 

 

 

Considerado um dos maiores autores de histórias infantis, Monteiro Lobato (1882-1948) foi um escritor e editor brasileiro, mas foi também um contador de histórias.

Imortalizado pela Literatura e com um estilo inconfundível, Monteiro Lobato deixa sua marca através de personagens inesquecíveis, entre eles, destacamos Emília, do Sítio do Pica-Pau Amarelo.

Emília é uma personagem inconfundível que foi representada por várias escolas no evento. Com seu colorido de boneca de pano e sua personalidade atrevida e inquieta, alunos e professores assistiram atentos à roda de leitura e às apresentações teatrais e de dança que a retrataram. Era fácil ver o sorriso da plateia presente. 

 

"De uma caixa de costura
Pano, linha e agulha
Nasceu uma menina valente
Emília, a Boneca-Gente!

                                           Baby do Brasil

 

À esquerda, Simone Monteiro gerente do Rio, Uma Cidade de Leitores e ao lado a professora Josecy Brilhantino, gerente da 8ª Cre

 

O evento nas dependências da 8ª Coordenadoria contou com a presença da comunidade que pode apreciar um ambiente cheio de arte, alegria e literatura. 

Quem compareceu à mostra teve a oportunidade de interagir com o teatro literário que foi montado. Caricaturas de Monteiro Lobato para votação, livrinhos para doação, espaço para ler, exposição de maquetes e de personagens feitos de material reciclado, além de muitos cartazes sobre a vida e as obras de Monteiro Lobato eram um convite a entrar no clima de celebração à literatura infantil.

 

Muitos trabalhos foram feitos sobre o tema formando uma linda exposição

 

A iniciativa do projeto partiu da Gerência de Educação da 8ª Cre. As escolas abraçaram a proposta e, então, Coordenadores Pedagógicos, professores e alunos transformaram essa realização num momento especial, prazeroso e cheio de aprendizado.

O ponto alto do evento foram as dramatizações. Os alunos deram uma demonstração do quanto são talentosos e brilhantes!

Certamente as escolas e bibliotecas deixaram a 8ª Cre com a sensação de dever cumprido e o público presente, com a expectativa de um novo evento nesse nível.

 

Diversas maquetes retratando o Sítio do Pica Pau Amarelo foram feitas pelos alunos

 

"O Projeto de Leitura da 8ª Cre, Monteiro Lobato: ontem, hoje e sempre, foi um show da comunidade escolar! As escolas são maravilhosas! Nossos alunos são fantásticos! Obrigada a todos que tornaram essa ação possível!

                                                                              Diala Azevedo - Gerência de Educação da 8ª Cre

 

*          *          *

 

"Isso nos move! Ainda vale a pena acreditar! Hoje em especial, vivendo o encantamento com o escritor Monteiro Lobato e nossa Comunidade Escolar!"

                                                                                  Elaine França - Gerência de Educação da 8ª Cre

 

Alunos e professores em sintonia nas apresentações

 

O Rioeduca parabeniza à Gerência de Educação da 8ª Cre, Bibliotecas Escolares, Salas de Leitura, Coordenadores Pedagógicos, professores, alunos e comunidade, que fizeram desse dia algo tão significativo e importante para os presentes!

 

Engajados na campanha Aqui Mosquito não se Cria, a 8ª Cre inseriu a campanha no universo de Monteiro Lobato

 

 

Gostou dessa matéria? Então curta e deixe sua opinião nos comentários!

E se quiser participar, entre em contato.

Para compartilhar ações da 8ª Cre:

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 16/05/2017

EDI Monsenhor Cordioli : 50 Anos de Muitas Histórias!

Tags: 7ªcre, projetos.

 

Na perspectiva da comemoração do jubileu do EDI Monsenhor Cordioli em 31 de julho do corrente ano, a unidade escolar iniciou um novo Projeto Político Pedagógico com a temática "Por um mundo melhor", comemorando, valorizando e preservando.

 

Sob essa ótica, o projeto anual aborda o tema "Monsenhor Cordioli: 50 anos de MUITAS HISTÓRIAS!". Ao vivenciar essa temática, pretende-se  que a comunidade escolar conheça quem foi Monsenhor Cordioli, tenha noção da trajetória da Escola até se tornar um EDI, valorizando e resgatando a sua história. Despertando assim, a noção de zelo, apreço e pertencimento à unidade escolar.

 

       Fazendo o nome com massinha de modelar.

 

Para dar vida ao projeto, este foi dividido em subtemas a saber:

Quem te viu, quem te vê. Quem sou eu, quem é você? Neste tema foi desenvolvido a identidade pessoal e corporal e da identidade do Patrono do EDI e nos cuidados com o corpo veio o tema do combate ao mosquito Aedes aegypti onde as crianças tiveram a oportunidade de descobrir como o mosquito se desenvolve, o que ele causa à nossa saúde e como evitamos que ele se reproduza.

 

 

Trabalhando a identidade a partir de histtórias como Branca de Neve.

 

Esquema corporal em papel pardo do tamanho do corpo da criança.

 

Identidade : atividade utlizando diferentes materias.

 

No período do Carnaval,  marchinhas de carnaval animaram nosso EDI Monsenhor Cordioli para celebrar uma folia saudável, sem dengue, sem Zika, sem chikungunya, pois aqui ‘Mosquito não se cria’. As turmas do maternal mencionaram os cuidados com as plantas, vasos, pneus e garrafas. Registrando o aprendizado no cuidado com a Mosquito Aedes aegypti a tradicional marchinha ‘Mamãe eu quero...’ ajudou o EI 31 a cuidar dos os vasinhos e pneus. Os pequeninos do EI 21 aprenderam que é possível ter plantinhas e cuidar da natureza sem o malvado do mosquito.

 

Música de Carnaval com adaptação para combate a Dengue e história coletiva Magali contra a Dengue.

 

A partir do conceito mosquito e das letras de marchinhas conhecidas como ‘Ei você ai...’ a pré-escola usou do corpo para fazer arte no combate ao Mosquitão, refletiu sobre o ciclo de criação do Mosquito, experimentou os cuidados com o meio ambiente no descarte do lixo no lixo.

 

  Cartazes contra a Dengue .

 

Para os próximos bimestres:

* De perto e de longe aqui no EDI! Em que serão desenvolvidas temáticas a respeito do bairro, escola, moradia abordando trajetos entre a escola e a residência e família;

* Arraial Cinquentão! Respeitando uma festividade antiga da comunidade escolar faremos a comemoração das festividades juninas com comidas típicas, cuidados com o fogo e perigo de balões.

* Contos e encantos no Cordioli! Serão abordadas as memórias da escola por meio de relatos de ex-alunos, ex-funcionários, fotos antigas da escola e comunidade onde está inserida; e por último,

* 50 anos de história tem o EDI que escolhi! Neste será comemorado os 50 anos da instituição por meio de uma exposição com trabalhos realizados ao longo do ano.

Com o desenvolvimento do projeto anual no EDI Monsehor Cordioli espera-se  que esse ano seja de muito aprendizado e troca de saberes para as crianças, os educadores e responsáveis, que após terem vivenciado o trabalho desenvolvido no projeto anual, estejam preparados para as próximas gerações.

 

Parabéns a todos os envolvidos pelo trabalho realizado!

 

Contato do EDI Monsenhor Cordioli:

edicordioli@rioeduca.net

Contato para publicações:

robertavitagliano@rioeduca.net

 

 

 


   
           



Yammer Share