A A A C
email
Retornando 60 resultados para o mês de 'Junho de 2015'

Quinta-feira, 11/06/2015

A Luz que Acende o Olhar da Escola Andrade Neves

Tags: 4ªcre.

 

 

O trabalho com projetos é positivo para o aluno e para o professor, pois a informação é tratada de forma construtiva e proveitosa, em que o estudante desenvolve a capacidade de selecionar, organizar, priorizar, analisar, sintetizar etc.

 

Em geral, o projeto nasce de um questionamento, de uma necessidade de saber, que pode surgir tanto do aluno quanto do professor. A chave do sucesso de um projeto está em sua base: a curiosidade, a necessidade de saber, de compreender a realidade. Assim nasceu "Luz que Acende o Olhar" da Escola Municipal Andrade Neves.

 


Os recursos naturais.


“(...) o projeto rompe com as fronteiras disciplinares, tornando-as permeáveis na ação de articular diferentes áreas de conhecimento, mobilizadas na investigação de problemáticas e situações da realidade. Isso não significa abandonar as disciplinas, mas integrá-las no desenvolvimento das investigações, aprofundando-as verticalmente em sua própria identidade, ao mesmo tempo, que estabelecem articulações horizontais numa relação de reciprocidade entre elas, a qual tem como pano de fundo a unicidade do conhecimento em construção” (ALMEIDA, 2002).


Conheçam a luz dos caminhos da Escola Municipal Andrade Neves

 


Homenagem a Tasso da Silveira.


"Nosso projeto vem trazendo a luz nas suas mais diferentes formas. Iniciamos o trabalho com os 450 anos do Rio de Janeiro e focamos no poder da luz do Sol, contando e cantando as belezas do nosso povo, com seus atrativos e seus problemas sociais, sempre clamando pela dignidade de todos que fazem parte dessa Cidade maravilhosa. Seguimos com a pesquisa acerca do Profeta Gentileza, que também foi luz para o Rio através de sua poesia - durante tanto tempo tatuada nas pilastras da Perimetral, no centro da cidade. Ainda, relembramos o drama vivido pelas crianças da E. M. Tasso da Silveira, numa homenagem que pediu paz para o nosso Rio, o Rio que amamos, o Rio que queremos." Texto enviado pela Professora Shayenne Moreira - Coordenadora Pedagógica da Unidade Escolar.

 


Trabalhando o Profeta Gentileza.


As principais vantagens de se trabalhar através de projetos é que a aprendizagem passa a ser significativa, centrada nas relações e nos procedimentos. Uma vez identificado o problema e formuladas algumas hipóteses, é possível traçar as ações a serem desenvolvidas, que evidentemente serão determinadas pelo tipo de pesquisa. É importante lembrar que o aluno é o elemento central da construção do conhecimento, visto e respeitado como sujeito sociocultural. Aquele que traz suas experiências, que vê respeitada sua identidade e seu ritmo de aprendizagem.



Parabéns a todos dessa equipe, por garantir aos alunos as possibilidades de estabelecerem relações significativas entre as diferentes áreas do conhecimento.

 

 

Professora Ana Accioly - 4ª Cre

Email: anaaccioly@rioeduca.net
 

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 11/06/2015

Informativo Multírio - 11 de junho

Tags: informativomultirio.

 

 

Multirio | News Ascom

Multirio Web Rádio
Multirio

MultiRio participa do Salão do Livro para Crianças e Jovens

A Empresa, que está presente no estande da Secretaria Municipal de Educação, apresenta seus impressos, audiovisuais e os novos games, como Carioca da Gema acessado no Portal MultiRio. Produzidas para celebrar os 450 anos da cidade, as séries Cronistas do Rio, Rio Resiliente, Rio Raro e Contrastes, entre outras, estarão em exibição no local. O 17º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens fica aberto de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h, e no fim de semana, das 10h às 18h, no Centro de Convenções SulAmérica, na Cidade Nova. A programação completa está disponível no site oficial (salaofnlij.org.br). O ingresso para o 17º Salão FNLIJ custa R$ 5, com gratuidade para professores da Rede Municipal, maiores de 60 anos e portadores de deficiência.

 

Os personagens e o cantinho paradisíaco do Rio

Nesta quinta-feira (11), Cidade de Leitores presta homenagem ao Rio e destaca duas obras que traçam um panorama da vida carioca e constroem a memória da cidade. Leila Richers conversa com Nilo Dante, jornalista, escritor e organizador do livro Gente do Rio – Eles Iluminaram a História. A obra reúne crônicas sobre 90 personagens de destaque em diversas áreas, de Estácio de Sá a Tom Jobim, passando por Machado de Assis e Carmem Miranda. Outro convidado da edição é o fotógrafo Frederico Mendes, que fala sobre seu livro Arpoador, com texto do autor de novelas Gilberto Braga. Mendes registrou, em 104 cliques, a relação prazerosa entre homem e natureza, nesse pedaço paradisíaco da cidade. O programa vai ao ar às 14h, na BandRio, e no sábado (13), às 9h, no canal 26 da NET.

 

E mais:

Nesta semana, no Portal MultiRio, o patrimônio da cidade que talvez você nem imagine: além de construções antigas, elementos inusitados – como o calçamento e a pintura mural do Profeta Gentileza – são bens preservados. Leia sobre os novos rumos do ensino da Educação Física e como o modelo atual das aulas privilegia o caráter cultural e corporal. O 17º Salão FNLIJ do Livro para Crianças e Jovens promove, até 21 de junho, encontros com escritores, performances de ilustradores e palestras com autores e especialistas em literatura infantil e juvenil. Conheça a história do voleibol de quadra e de praia e da modalidade paralímpica equivalente: o voleibol sentado. E mais: o artigo Desliga o Fone Que a Aula Vai Começar, de Andrea Ramal, aborda as diversas maneiras de pensar uma escola para a Geração Z. Tudo isso em: multirio.rj.gov.br.

 

Siga-nos no TwitterA MultiRio não tem um perfil oficial no Facebook. Informações sobre a Empresa você encontra no Portal MultiRio e na nossa página no Twitter. Se você já faz parte desta rede social, seja um seguidor: twitter.com/multirio.

RIO PREFEITURA | EDUCAÇÂO |
MULTIRIO Secretaria Municipal de Educação
MultiRio - Empresa Municipal de Multimeios

Para não receber mais este informativo,
envie e-mail para multiriocomunica@multirio.rio.rj.gov.br.
Tel: 1746/Fora RJ: (21) 3460-1746 • ouvidoria multirio@rio.rj.gov.br

 

Siga-nos no
Twitter Portal
Multirio

 

 

 

                            

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 10/06/2015

Rio 450 anos - Carioca da Gema

Tags: 3ªcre, rio450anos, carioca.

 

 

 

A equipe da Escola D. João VI levou uma proposta de trabalho coletivo para as turmas do 5º ano, que envolveu a construção conjunta de uma Receita de Ser Carioca.

Vamos conhecer esse trabalho tão original?

 

 

A Cidade Maravilhosa está em festa! Em 2015, comemoramos os 450 anos da cidade do Rio de Janeiro. No dia 2 de março, começamos nossa manhã com o Hino do Brasil e da Cidade do Rio de Janeiro. Foi muito bonito ver nossos alunos cantando com emoção. Parabéns para nossa cidade do coração!

 

 

Diante dessa data festiva, a equipe da E. M. D. João VI levou uma proposta de trabalho coletivo para as turmas do 5º ano, que envolveu a construção conjunta de uma "Receita de Ser Carioca".

 

 

Após a leitura de um texto sobre a fundação da cidade do Rio de Janeiro e a apresentação de vídeos sobre o Rio antigo, foi discutida a formação do carioca: índios, franceses, portugueses, negros, entre outros. Em seguida, foi sugerida a observação da atual população do Rio, quando se concluiu que a população do Rio é vista como muito diversificada. 

 

 

Assim, iniciamos a elaboração de uma receita de “ser carioca”, tal como uma receita culinária. A princípio, foi determinada a quantidade e os ingredientes que fariam parte do “bolo”. Anotamos no quadro várias características do carioca e de como ele é visto por pessoas de fora.

 

As conclusões foram reunidas e selecionadas pelas duas turmas que fizeram uma votação das mais expressivas. Com elas, montamos a receita que foi para o mural “Carioca da Gema”. Por fim, as discussões se tornaram mais interessantes e enriquecedores quando os alunos precisaram determinar a quantidade de cada característica.

 

 

Enfim, nossos alunos deram um banho de criatividade com uma receita muito deliciosa!

 

Contato:

Escola Municpal 0312005 D. João VI

e-mail emdjvi@rioeduca.net

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 10/06/2015

450 Anos de um Rio quase Desconhecido!

Tags: 8ªcre.

 

 

 

 

No aniversário dos 450 anos da cidade do Rio, alunos da Escola Ruben Berta fizeram uma pesquisa sobre os monumentos existentes em Bangu. Essa pesquisa fez parte de um importante projeto para a escola e resultou na produção de vídeo feito pelos alunos.

 

Professor Itajaci Rogério apresentando os principais monumentos de Bangu.

 

A Escola Municipal Ruben Berta compartilhou com muito orgulho o projeto "450 Anos de um Rio quase Desconhecido".

O projeto, de autoria e direção do professor Alessandro Lacerda com apoio de outros professores e equipe da direção, trouxe muito aprendizado a todos os envolvidos e uma satisfação imensa à comunidade escolar, que compreendeu que a escola é um patrimônio cultural!

 

Primeiras exibições do documentário na escola.

 

Em meados de fevereiro surgiu a ideia de realizar um trabalho focando oito pontos de nosso bairro. O objetivo foi despertar em nossos alunos o apreço pelas coisas de Bangu, levando-os a valorizar seu bairro como cariocas e parte integrante das comemorações dos 450 anos do Rio de Janeiro. Nosso trabalho visava então fazê-los perceber que o que existe em nosso bairro não é menos importante do que os espaços do cartão postal da cidade. Muito pelo contrário!


Passamos a trabalhar em sala de aula com pesquisa, confecção de cartazes e debates. Nesse momento, surgiram três nomes: Esthefany, Andryws e Karine, que nos pareceram adequados à etapa de germinação do documentário.


Elaboramos um roteiro escrito e de filmagem. Percebemos, através da mãe da aluna Esthefany, a participação do núcleo familiar. A mãe não só acompanhou as filmagens (com câmera e celular), como participou das pesquisas em casa, onde os alunos se reuniram.


Os pontos de pesquisa foram Domingos da Guia, Thomas Donohoe e Estátua da Liberdade. Os alunos ficaram impressionados e - por que não dizer? - alguns sentiram-se orgulhosos com o fato de descobrirem que ali tão perto ocorreu a primeira partida de futebol, e que, em uma praça do bairro, encontrava-se o modelo (em liga de Níquel), utilizado para a confecção da Estátua da Liberdade original, desenhada, projetada e esculpida pelo próprio Fréderic Auguste Bartholdi.


O objetivo dessa obra foi valorizar a Cidade do Rio de Janeiro nos seus aspectos pouco conhecidos e pouco valorizados, como seus patrimônios artísticos e culturais do bairro de Bangu, além de gerar mais debates em sala de aula, conhecimento dos patrimônios e mobilização da comunidade.

    Alessandro Lacerda, professor de Ciências na E. M. Ruben Berta
 

Agente Educadora Dilma Santana explicando sobre a trajetória de Thomas Donohoe e sua influência no futebol brasileiro.

 

Depois de aprenderem sobre monumentos históricos, patrimônio cultural e a própria história do bairro, chegou a hora da produção do vídeo.

Os alunos Andryws Vinicius, Esthefany Braga e Karine Passos foram à procura dos monumentos e dos espaços que contam a história de Bangu e descobriram a influência do Reino Unido, não só em relação à região em que vivem, mas em todo o país.

O vídeo passou a ser uma aula interessante, de resgate de identidade e valorização da escola e de todo o bairro.

A aluna Esthefany apresentando a Estátua da Liberdade, localizada em Vila Kennedy.

 

O Rioeduca parabeniza a diretora geral, professora Silvania Castro, o professor Alessandro Lacerda, toda a comunidade escolar e, em especial, os colaboradores do documentário "450 Anos de um Rio quase Desconhecido".

Esse trabalho já está contagiando professores de outras unidades escolares, que pretendem incentivar seus alunos a novas produções audiovisuais.

Contato com o professor Alessandro Lacerdal - Email: lacerda.alessandro@gmail.com

 

 

Não deixe de conferir o documentário clicando abaixo:

 

 

 

 

Professor, não perca a oportunidade de compartilhar os seus projetos no Portal Rioeduca.

Entre em contato conosco!

 

 

Professora Neilda Silva

Email: neildasilva@rioeduca.net

Facebook: www.facebook.com/neilda.silva.1

Twitter: @Prof_Neilda

 

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share