A A A C
email
Retornando 60 resultados para o mês de 'Junho de 2015'

Quarta-feira, 24/06/2015

Visita da Consulesa da Suécia Louise Anderson à Escola Suécia

Tags: 3ªcre, .

   

 

  Conheça o projeto “Rio 450 anos, Escola Municipal Suécia há 50 anos fazendo parte desta história.”  Nele, os alunos elaboraram e participaram de ações em prol da cidadania e da boa convivência social. Mergulhando na história da Suécia, eles prepararam uma visita inesquecível para a consulesa do seu país patrono.

 

 

A Escola Municipal Suécia foi entregue à comunidade em 20 de abril de 1965. Recebeu esse nome porque, na época, era comum as escolas receberem nomes de estados brasileiros e países. Foi reinaugurada em 15 de abril de 2004, após uma obra de grande porte que trouxe mudanças positivas e significativas, reforçando um novo marco na história da escola.

A escola está localizada no bairro de Pilares, mas atende, principalmente, a alunos residentes no Morro dos Urubus. Essa comunidade está localizada entre os bairros de Pilares, Tomás Coelho, Engenho da Rainha e adjacências. 

 


A escola Suécia trabalha, historicamente, o desenvolvimento integral do aluno, priorizando o senso crítico a fim de que problemas possam ser "encarados" e resolvidos ou, pelo menos, minimizados. Seguindo as palavras da  direção: "É necessário estabelecer uma relação entre o que acontece na escola e o que acontece na sociedade: trazer as discussões presentes no mundo para dentro da escola. Também é imprescindível que o trabalho dentro da escola esteja voltado para as necessidades da comunidade escolar".

"Tentamos fazer com que a educação traduza o dia-a-dia do nosso aluno, tornando-o um cidadão crítico, autônomo, consciente de seus direitos e deveres, participante dos problemas da comunidade, sendo capaz de ser um agente transformador, dando significado as suas ações e ao seu aprendizado. É necessário que essa criança tenha contato com o mundo através da escola. Para isso, buscamos poder contar com os responsáveis, pois, com sua parceria, o trabalho a ser desenvolvido fica muito mais produtivo. Portanto, envolver toda a comunidade escolar, em nosso PPP, é a nossa primeira meta".

 

Projetos desenvolvidos em 2015

1 - Projeto jornal O Cotidiano, da Escola Municipal Suécia, com alunos repórteres e fotógrafos.

2 - Projeto Alunos Estrelas: alunos que se destacam no crescimento pedagógico e superação das dificuldades. Eleitos pelos professores, recebem certificado e, os responsáveis, agradecimentos.

3 - Projeto Resgatando nossa História: viajando pela história do Rio de Janeiro, do bairro Pilares e da Escola Municipal Suécia.

 

 

Visita da ilustríssima consulesa  da Suécia Louise N. Anderson

 

O dia 25 de março será inesquecível para todos os alunos e equipe da Escola Municipal Suécia. Com extrema alegria e muita honra, recebemos a ilustríssima consulesa geral da Suécia Louise N. Anderson.

 

Nossos alunos a receberam com muito carinho e demonstraram todo o conhecimento que já possuem sobre o país que dá nome a nossa escola. A consulesa Louise visitou todos os espaços, conheceu a história de nossa escola, foi entrevistada pelos alunos repórteres do jornal O Cotidiano e nos presenteou com importantes informações sobre o país Suécia.
 

 

Ilustríssima Louise Anderson, agradecemos todo o carinho direcionado à escola! Temos certeza de que este dia ficará na memória de todos que vivenciaram esse momento, sendo parte especial na história da Escola Municipal Suécia. Aguardaremos ansiosos a sua próxima visita!

 


 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 24/06/2015

UNESCO e Parceiros em Projeto Exclusivo para Escolas da Zona Oeste

Tags: 8ªcre, projetos.

 

 

A Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro, em parceria com a UNESCO e com a Companhia Foz Águas 5, realizou um importante projeto de capacitação de professores na 8ª Coordenadoria de Educação. O projeto proporcionou a discussão das possibilidades de novas práticas em sala de aula e culminou com a criação de vários jogos colaborativos.

 

Luís Henrique de Lima - Gestor de Projetos Sênior do Setor de Ciências Naturais na UNESCO - falando aos professores da 8ª CRE na Capacitação.

 

 

A Foz Águas 5 é, desde 2012, responsável pela coleta e tratamento de esgoto de 21 bairros da Zona Oeste. A concessionária acredita que tão importante quanto investir em infraestrutura é desenvolver programas socioambientais que estimulem o reconhecimento e a valorização do serviço de saneamento.

Nesse sentido, a educação torna-se o melhor veículo em prol da transformação da realidade local.

A parceria da concessionária com a UNESCO e com a Secretaria Municipal de Educação busca multiplicar soluções pedagógicas para proporcionar novas formas de apreensão da questão hídrica e do saneamento para o engajamento comunitário.

Foi realizado um curso com 5 encontros com o objetivo de capacitar os professores de diferentes escolas na construção de jogos pedagógicos com o tema Recursos Hídricos.

 

 

Grupo de professores que formaram a Equipe Verde na Capacitação dos Jogos Colaborativos

 

O objetivo principal foi que, ao final da Capacitação, os professores fossem capazes de elaborar jogos colaborativos, onde o trabalho em grupo fosse fundamental para se alcançar êxito no jogo, onde não há um vencedor, mas vencedores!

Os professores foram divididos em equipes, que trabalharam cada uma em uma sala distinta.

Nos primeiros encontros os professores passaram por discussões sobre sua prática docente e testaram seus conhecimentos sobre jogos de forma geral. Fora dos encontros a capacitação prosseguia online na plataforma da Foz Águas 5.

Cada equipe criou um jogo: regras, tabuleiro, cartas e instruções de movimentação. Foi um momento de muita participação e aprendizagem para os professores.

O projeto desse jogo foi para uma gráfica e cada escola tem o seu exemplar para jogar com os alunos e após o jogo criar propostas de ações sustentáveis para serem realizadas pela comunidade escolar.

 

 

Jogo "Transformação"  sendo apresentado à turma 1701 na E.M. Roberto Simonsen, pela professora Polyana Rodrigues

 

"O trabalho colaborativo é a única saída para a espécie humana! Só mudamos a realidade da poluição dos recursos hídricos, do acúmulo de lixo (...) Com o trabalho colaborativo e esses jogos mostram isso! Só construímos algo produtivo na base da troca. O objetivo é que no futuro os jovens que passaram pelos professores que realizaram o projeto em suas escolas tenham uma postura e um olhar diferenciado a respeito da água."

                                                       Luís Henrique de Lima - Gestor de Projetos da UNESCO

 

 

Professores observando alguns jogos criados na Capacitação da Foz Águas 5 nas Escolas

 

Este projeto é um incentivo ao desenvolvimento de práticas inovadoras nas escolas.

 Se você deseja saber mais detalhes, clique em FOZ ÁGUAS 5 NAS ESCOLAS

 

 

*   *   *

 

O Rioeduca parabeniza a todas as escolas participantes, seus professores e Coordenadores Pedagógicos pelos excelentes jogos elaborados!

 

 

Professora Neilda Silva

Email: neildasilva@rioeduca.net

Facebook: www.facebook.com/neilda.silva.1

Twitter: @Prof_Neilda

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 24/06/2015

Informativo Multírio - 24 de junho

Tags: informativomultirio.

 

 

Multirio | News Ascom

MultiRio Siga-nos no Twitter
Clique e assista agora.

Um teste para os apaixonados pelo Rio

Qual é o local das provas de vôlei de praia dos Jogos Olímpicos de 2016? Com quantos beijinhos o carioca se cumprimenta? Qual o local do baile charme mais conhecido do Rio de Janeiro? Essas são algumas perguntas do jogo Carioca da Gema, da Prefeitura do Rio, produzido e disponibilizado pela MultiRio. Por meio de curiosidades sobre cinco temas diferentes, é possível descobrir o nível de “carioquice” do jogador. Acesse o game no Portal MultiRio.

Homenagem à Central do Brasil

A MultiRio produziu uma campanha para lembrar o início da construção da ferrovia Central do Brasil. O vídeo resume a história desse marco do Rio de Janeiro, que começou a ser construído em junho de 1855. Além dessa homenagem, datas comemorativas de cada mês também ganham chamadas especiais, exibidas nos intervalos do canal 26 da NET, da BandRio e no canal da MultiRio no Youtube.

Leia no Portal MultiRio:

O portal Humaniza Redes, lançado pelo governo federal, tem a proposta de assegurar um ambiente virtual mais seguro e livre de ações discriminatórias. Nos casos de violações dos direitos humanos que ainda não são enquadrados como crimes no país, como o cyberbullying e a homofobia, por exemplo, o portal atua na proteção das vítimas e na punição dos autores. Leia mais...

Siga-nos no TwitterA MultiRio não tem um perfil oficial no Facebook. Informações sobre a Empresa você encontra no Portal MultiRio e na nossa página no Twitter. Se você já faz parte desta rede social, seja um seguidor: twitter.com/multirio.
MultiRio

RIO PREFEITURA | EDUCAÇÂO |
MULTIRIO

Secretaria Municipal de Educação
MultiRio - Empresa Municipal de Multimeios

Para não receber mais este informativo,
envie e-mail para multiriocomunica@multirio.rio.rj.gov.br.

Tel: 1746/Fora RJ: (21) 3460-1746 • ouvidoria.multirio@rio.rj.gov.br

Receba nossa newsletter.

 

 

 

 

 

                            

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 24/06/2015

Cineclube Viajando Com o Cinema em Junho

Tags: cineclub, cinema, mídias.

 

 

 

 

 Caso não consiga acessar o formulário, clique aqui: https://goo.gl/2eE6mw

 

 

O Vendedor de Passados

Sinopse:

Vicente (Lázaro Ramos) tem um jeito inusitado de ganhar a vida: ele cria e vende novos passados para pessoas a partir de documentos, fotos e vídeos. Ao aceitar trabalhar para uma misteriosa mulher (Alinne Moraes) ele verá as histórias de seus clientes convergir para um desfecho inusitado.

Curiosidades:

Inspirada livremente no livro homônimo do angolano José Eduardo Agualusa.

 

 

Luciana Bessa
Da Equipe da Gerência de Mídia-Educação

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share