A A A C
email
Retornando 45 resultados para o mês de 'Agosto de 2016'

Quinta-feira, 11/08/2016

Jogos Olímpicos no Encantador Mundo dos Contos de Fadas

Tags: 8ªcre, creche, educação infantil, edi.

 

 

 

Unir o mundo imaginário aos esportes olímpicos foi a receita para um projeto encantador no Espaço de Desenvolvimento Infantil Professora Vanuzia Bastos da Silva. Tendo como base o livro A Olimpíada de Pinóquio, vários personagens visitaram a escola, interagiram com os alunos e orientaram várias atividades esportivas e lúdicas.

 

Partindo da esquerda:  Professoras: Fernanda Fiuza e Evelin Santiago, Agente de Educação Infantil: Adílio Lima, Diretora do EDI: Danielle Oliveira e Professoras: Denise e Paula Sant'Anna
 

Ouvir histórias é o início da aprendizagem de um bom leitor. Enquanto se ouve, vários sentimentos e sentidos são estimulados.

Nas rodas de leitura as crianças viajam com a imaginação das narrações, ficam ansiosas para verem as ilustrações, experimentam sentimentos de admiração, medo e alegria. São momentos ricos em aprendizagem.

Todos os professores devem empenhar-se na tentativa de apresentar aos seus alunos a leitura como algo cativante e prazeroso. Se nessa proposta a criança tiver ainda o apoio da família tendo acesso aos livros em casa, o sucesso da formação do leitor será muito mais evidente.

 

 

O Espaço de Desenvolvimento Infantil Professora Vanuzia Bastos da Silva tem uma vivência diária de incentivo ao gosto pelos livros, visando tornar seus pequenos alunos, grandes leitores no futuro.

No mês de julho, durante uma semana, os alunos do EDI Vanuzia Bastos se encantaram com a leitura do livro A Olimpíada de Pinóquio.

O livro conta como personagens dos clássicos contos de fadas participam do mundo dos esportes. Pinóquio narra os fatos no livro e na escola, ele apareceu pessoalmente para ler e apresentar todos os personagens para as crianças.

Para que essa experiência fosse especial, ao passo que Pinóquio narra, os personagens aparecem e interagem com os alunos.

 

 

 

"Sou o Pinóquio. Adoro contar histórias. Todas verdadeiras, é claro! Os personagens da história que vou contar aqui são meus amigos: Branca de Neve, Peter Pan, Cinderela, o Soldadinho de Chumbo, Rapunzel e outros que você conhece muito bem. Você não faz ideia do que aconteceu quando essa turminha resolveu entrar para o mundo do esporte e participar dos jogos olímpicos. Uma história pra lá de divertida!"

                                           (Sinopse do livro A Olimpíada do Pinóquio, de Alcides Goulart)

 

 

"Cinderela pratica atletismo! Ela corre muito para chegar antes da meia noite, por isso nossas crianças participaram de uma corrida de revezamento. Já Chapeuzinho Vermelho disse que chegou primeiro à casa da vovó, porque pratica ciclismo. Deixou o Lobo Mau enchendo a barriga de doces e correu muito de bicicleta! Os alunos do EDI participaram de uma corrida de velocípedes (...) Foram muitas modalidades praticadas na escola, sempre com a presença de um personagem. O olhar encantado das crianças fez cada momento valer muito à pena!"

                                                                        Equipe do EDI Professora Vanuzia Bastos

 

 

“Há que se desenvolver o gosto pela leitura, afim de que possamos formar um leitor para toda vida”.

                                                                                                                Raquel Villardi

 

 

Unir o esporte à literatura infantil no momento em que as Olimpíadas acontecem no Rio de Janeiro foi uma iniciativa que aproximou o contexto que nossa cidade está vivendo ao mundo lúdico e imaginário, tão comum aos pequenos.

 

O Rioeduca parabeniza a todos os participantes desse projeto no EDI Professora Vanuzia Bastos. 

 

Para entrar em contato com o EDI:

edivsilva@rioeduca.net

 

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 10/08/2016

Olimpíadas na E.M. Octavio Frias de Oliveira

Tags: 7ªcre, projetos.

 

 


 

A Escola Municipal Octavio Frias de Oliveira está desenvolvendo o projeto anual Olimpíadas 2016: O Rio abraçando as diferenças. Durante o terceiro bimestre, aconteceu a Olimpíada da unidade escolar com a participação de todos os alunos.

 

A  Olimpíada da Octavio Frias de Oliveira foi realizada na semana de 11 até 15 de julho e ressaltou a importância do esporte no nosso país e em especial em nossa cidade como sede de um evento mundial. A equipe de Educação Física trabalhou em conjunto com professores de Inglês, Artes e professores regentes.

 

                                      Cerimônia de Abertura da Olimpíada da unidade escolar.

 

O evento foi organizado com cerimônia de abertura e encerramento para que as crianças pudessem ter uma experiência próxima à realidade do momento. A professsora Célia Granja, de Educação Fisica conta que foi desenvolvido com os alunos um trabalho de preparação para as atividades físicas que cada um iria participar, representando sua turma. Assim puderam ter idéia de como é a vida de um atleta , suas responsabilidades e dificuldades. Foi apresentada a bandeira olimpíca da escola, que foi feita a partir do desenho de  alunos da turma 1603.

 

Bandeira Olimpíca criada a partir de desenho de alunos.

 

Os alunos também aprenderam sobre a importância da disciplina , do respeito as regras e ao adversário. O destaque de alunos especiais na programação foi um momento emocionante e gratificante para toda a equipe.

 

                                                                     Jogos entre as turmas do 5ºano.

 

A professora Rosine Mello, de Educação Física,também relata que, além das atividades esportivas,nas turmas do 3º ano trabalhou as mudanças ocorridas na cidade para receber as Olimpíadas, principalmente as mudanças na Avenida Abelardo Bueno.Ela também trabalhou a localização das provas olimpícas na Lagoa, Marina da Glória, Copacabana e Deodoro.No 5º e 6º ano, trabalhou a História dos Jogos Olimpícos através de um documentário da Band Sports que conta a história desde a Grécia Antiga até a Era Moderna.

 

                                                     Pelotão da Bandeira do turno da tarde.

 

A cerimônia de abertura, contou com a presença do pelotão da Bandeira da própria escola, desfile de tocha olímpica simbólica, juramento do atleta e pronunciamento da direção e dos professores de Educação Física, falando sobre a importância dos esportes e também sobre as Olimpíadas.

As atividades foram divididas por ano de escolaridade e de acordo com a faixa etária das crianças, durante a semana. 

Na sala de leitura Ziraldo Alves Pinto, as professoras Christiane Queiroz e Stefânia Fontana desenvolveram um trabalho sobre as Olimpíadas através dos livros: O espírito olímpico - Sandra Lopes e A olimpíada do Pinoquio - Alcides Goulart; apresentações sobre as modalidades esportivas; o documentário Para Todos e vídeos sobre os mascotes Vinicius e Tom. O trabalho teve a finalidade de mostrar a estimular a importância dos jogos olímpicos e paralimpicos.

 

                              Livros utlizados pelas professoras da sala de leitura durante o projeto.

 

                         Mural da Sala de Leitura com modalidades esportivas desenhadas pelos alunos.

 

        Mural da Sala de Leitura com mascotes da Olimpíadas.

 

Em sala de aula, os professores regentes criaram murais diversos sobre a temática das Olimpíadas e desenvolveram atividades envolvendo as modalidades esportivas e os mascotes. A professora Vãnia, regente do 2º e 5º ano, criou o alfabeto olimpíco para que os alunos pudessem se familiarizar com as modalidades e termos utilizados nas Olimpíadas. A professora Roberta, do 3º ano, aproveitou para pesquisar junto com os alunos, o significados das palavras desconhecidas do hino nacional.

 

              Núcleo de Artes da Escola Silveira Sampaio se apresentando na cerimônia de encerramento.

 

   Parte da equipe escolar reunida durante o evento.

 

A cerimônia de encerramento contou com a apresentação do Núcleo de Artes da Escola Municipal Silveira Sampaio. As turmas vencedoras foram contempladas com jogos para serem utlizados em sala de aula.

 

Parabéns aos envolvidos pelo trabalho realizado!

 

Contato da E.M. Octavio Frias:

emooliveira@rioeduca.net

Contato para publicações:

Roberta Vitagliano - Representante Rioeduca 7ª CRE

robertavitagliano@rioeduca.net

 

 

 

 

                               

 
 
 
 

   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 10/08/2016

MultiRio lança e-book sobre esportes olímpicos e paralímpicos

Tags: multirio, produções, esportes, olimpiadas.

 

 

 

Com os Jogos acontecendo na cidade, a Empresa disponibiliza em seu Portal o e-book da série Tem Jogo!, que aborda alguns dos esportes olímpicos e paralímpicos que estão sendo disputados, com ênfase para os pouco conhecidos ou praticados no Brasil. A produção oferece informações e curiosidades sobre a história e as regras das modalidades, como rúgbi, badminton, hóquei sobre grama, golfe e goalball, o histórico desses esportes no Brasil, além de mostrar onde praticá-los na cidade do Rio.

 

Dicas de filmes e livros relacionados aos esportes citados pontuam o livro eletrônico, ampliando as possibilidades de conhecimento de uma forma mais atraente, principalmente, aos jovens. O material também destaca como esses esportes se relacionam com disciplinas como Física e Educação Ambiental. O conteúdo educativo, indicado para o 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, tem acesso livre e gratuito para estudantes, professores e público em geral. O e-book de Tem Jogo! está disponível no Portal MultiRio para visualização e download.

 

 

Link direto para a publicação: TEM JOGO

 

 

Assessoria de Comunicação MultiRio 

 

 

 

 

                            

 

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 09/08/2016

VII Jornada de Educação Infantil na 6.ª Cre

Tags: 6ªcre, jornada de educaçãoinfantil, degusta, eideportasabertas.

 

 

 

A VII Jornada Pedagógica da Educação Infantil aconteceu no período de 25 a 29 de julho e teve como tema “A Base Nacional Comum Curricular da Educação Infantil”. Cada Coordenadoria de Educação ofereceu aos pais, alunos e professores vários momentos lúdicos de reflexão sobre esta importante fase da criança.

 

A VII JPEI aconteceu, exclusivamente, nas unidades escolares e teve momentos de formação de professores, atendimento aos alunos e participação efetiva da comunidade escolar nos módulos de estudo e no Degusta-ação, que faz parte da Semana EI de Portas Abertas.

 

A Jornada de Educação Infantil contou com a participação de todas as escolas, creches e edis da 6.ª Cre

 

Cada Unidade Escolar, Espaço de Desenvolvimento Infantil e Creche da 6.ª Coordenadoria Regional de Educação selecionou, entre os professores de sua instituição, um mediador. Este teve a função de conduzir as conversas, os períodos de estudo e as atividades com as crianças. Foram momentos valiosos de reflexão e demonstração de que se deseja construir uma educação pública de qualidade para a primeira infância.

No primeiro dia da VII JPEI, nas escolas da 6.ª Cre, todas as atividades desenvolvidas tiveram como foco o tema “Por que e para que uma Base Nacional Comum Curricular?”. Professores e comunidade escolar pensaram sobre quais objetivos de aprendizagem serão contemplados na elaboração do projeto pedagógico e currículo da instituição no ano de 2017. 

 

Cartaz confeccionado após as reflexões sobre a Base Nacional Comum Curricular

 

Formação de professores e agentes da educação infantil

 

Na dinâmica “Auxílio Mútuo”, professores e responsáveis foram colocados em pé, formando um círculo. Cada participante recebeu um alimento e teve que realizar os comandos que estavam sendo dados pelo mediador: segurar o alimento com a mão direita e com o braço estendido, não dobrar o cotovelo e mover somente o ombro e o pulso.

Sem sair do lugar eles tinham que comer o biscoito. O burburinho tomou conta do ambiente até que alguém percebeu que só iriam conseguir comer o que o outro tinha se oferecessem para a pessoa ao lado. As reflexões revelaram a importância do outro em nossas vidas e do trabalho em grupo para alcançarmos algum objetivo.

 

Dinâmica “Auxílio Mútuo”

 

No momento do estudo, pais e professores assistiram ao programa da série “Roda de Conversa”, que tratou sobre a Base Nacional Comum Curricular da Educação Infantil. Este e os outros módulos, que foram trabalhados durante os outros dias de Jornada, foram elaborados por profissionais da Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro. Os participantes anotaram, ao longo da exibição, os pontos mais interessantes para serem discutidos com o grupo.

Após este momento, foi realizada a dinâmica “Dominó – Tempestade de Ideias”. O mediador solicitou que as pessoas escolhessem uma peça de dominó. O jogo foi iniciado por quem tinha o carroção com a palavra INFÂNCIA. A brincadeira seguiu com as peças sendo colocadas nos respectivos lugares e com as pessoas colocando suas opiniões sobre a palavra escrita, de acordo com o que tinha sido estudado na Roda de Conversa. Foi um momento de grande interação dos grupos e de diálogo sobre o tema estudado.

 

Dinâmica “Dominó – Tempestade de Ideias”

 

Na atividade “Educação Infantil de Portas Abertas”, a comunidade escolar foi convidada a vivenciar, junto com seus filhos, a rotina da unidade escolar. Foram realizadas várias atividades: Degusta, brincadeiras e o Desafio JPEI para as famílias. Estes momentos foram embalados pela música “O que é? O que é?”, de Gonzaguinha.

No Degusta-ação, os responsáveis puderam experimentar e avaliar a merenda que é feita para as crianças nas escolas da rede municipal de ensino. Este momento foi embalado pela música “O que é? O que é?”, de Gonzaguinha. O clima de descontração e fortalecimento de vínculos entre as famílias e a escola foram muito fortes.

 

Degusta-ação

 

Os responsáveis viraram crianças e participaram de um jogo de dominó. Nele, as peças estavam ilustradas com palavras que representavam os momentos da rotina de seus filhos na escola. Ao colocarem as peças nos lugares, foram estimulados a falar o entendem sobre aquele momento da rotina. Neste momento, os professores puderam esclarecer alguns pontos que, normalmente, causam polêmicas na rotina das crianças, desmistificar alguns conceitos, valorizar o trabalho da unidade e, principalmente, estabelecer um laço afetivo com os pais.

 

Interação das famílias com as atividades de rotina dos filhos

 

O Desafio JPEI para as famílias proporcionou um momento de interação entre o responsável e a criança no espaço educativo, que, muitas vezes, os responsáveis não tem a oportunidade de conhecer à fundo. Os professores definiram alguns lugares significativos para as crianças e convidou os pais a visitaram estes espaços, junto com seus filhos, e escolher um nome para eles. Os pequenos ficaram animadíssimos em batizar seus cantinhos preferidos: refeitório, parquinho, brinquedoteca e leitura.

Esta foi somente uma amostra do que aconteceu durante esta semana nas escolas, creches e edis da 6.ª Cre. Vários conhecimentos teóricos e práticos foram dialogados e vivenciados com entusiasmo, alegria e comprometimento junto aos profissionais e familiares desta coordenadoria.

 

#DigaXnaJPEI: C.M. Luíz Carlos Prestes nas redes sociais

 

Parabéns a todos os profissionais que se entregaram de corpo e alma para garantir à sua comunidade escolar um espaço de formação continuada pensado e planejado para atender as demandas existentes e, principalmente, por estabelecer parcerias com as famílias. A participação significativa dos pais na vida escolar dos seus filhos é um dos caminhos para uma educação de qualidade na primeira infância. É um orgulho tê-los na 6.ª Cre!!!

 

Quer saber o que aconteceu nos outros dias da JPEI na 6.ª Cre? Entre em contato com nossa Coordenadoria ou visite nossa página do Facebook!

Gerência de Educação da 6.ª Cre
Contato: (21) 2457-0017 / (21) 2457-0023
E-mail: gedcre06@rioeduca.net
Facebook: https://www.facebook.com/sextacre.ged/

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



Yammer Share