A A A C
email
Retornando 45 resultados para o mês de 'Setembro de 2013'

Terça-feira, 17/09/2013

Desfile Cívico e dia dos Símbolos Nacionais

Tags: 11ªcre, desfile cívico, civismo.



A 11ª CRE realizou seu 1º desfile cívico em comemoração aos 446 anos da Ilha do Governador e pela Independência do Brasil, no dia 5 de setembro. O evento ocorreu no Parque Manoel Bandeira, no bairro do Cocotá. Repleto de símbolos nacionais, o evento foi um sucesso. Confira!

 

Os símbolos e hinos são manifestações gráficas e musicais, de importante valor histórico, criadas para transmitir o sentimento de união nacional e mostrar a soberania do país. Planalto Nacional

 

Show de civismo que os alunos da 11ª CRE deram na Ilha do Governador!

 

Alunos do Ginásio Experimental Carioca Anísio Teixeira  - Em destaque, de branco, a Diretora Celi Conceição

 

"Não pergunte o que seu país pode fazer por você. Pergunte o que você pode fazer por seu país"

 John F. Kennedy

 

Alunos de todas as idades da E.M. Holanda acompanhados pela equipe da escola de camisa roxa

 

Destaque em jornal local

Capa de jornal - O Desfile Cívico da Ilha do Governador foi destaque em jornais do bairro 

 

Aniversário de 446 anos da Ilha do Governador

Brasão da Ilha do Governador

 

Completou 446 anos, levando-se em contra a data que ela passou a pertencer ao Governador, que lhe deu nome, Salvador Correia de Sá.

 

Entenda o significado do Brasão, de acordo com a interpretação do pesquisador Domênico Aversa:

 
"A base significa o escudo português - arrendodado na parte inferior e formado por ângulos retos na parte superior. Em cima, há uma coroa com cinco torres de ouro, símbolo de cidade- capital. Nas laterais, dois golfinhos, representando as espécies marinhas. À direita, a data de 1568, quando as sesmarias da Ilha, concedidas por Mem de Sá, foram doadas ao governador Salvador Corrêa de Sá.

À esquerda, o ano de 1961, data de criação do Brasão de Arma da Ilha do Governador, ambos os números em vermelho. Abaixo, ainda em vermelho, a legenda “Governador”, referente ao nome da ilha e ao cargo de Salvador Corrêa de Sá.

Na divisão quartelada, o 1º quartel (à direita) traz um arco e flecha em vermelho, simbolizando a primitiva ocupação indígena do bairro. No 2º quartel (embaixo, à direita), o retrato de Salvador Corrêa de Sá. À esquerda, no 1º quartel, a matriz da histórica Igreja Nossa Senhora da Ajuda criada em 1710."

 

Dia dos Símbolos Nacionais

 

Lembrando que amanhã, dia 18 de setembro, se comemora o Dia dos Símbolos Nacionais. Segundo a Constituição, os quatro símbolos oficiais da República Federativa do Brasil são a Bandeira Nacional, o Hino Nacional, o Brasão da República e o Selo Nacional. Conforme informação do Planalto Nacional. Comemore você também!

 

Parabéns a todos os envolvidos responsáveis para que o desfile fosse um Sucesso! Os desfiles escolares são as portas para o desenvolvimento de noções de cidadania, patriotismo e Civismo!

 

 Laura Fantti Davilla Serpa
Representante Rioeduca da 11ª CRE
Facebook: http://www.facebook.com/laura.fanttidavilla
Site: http://lauradavill1.wix.com/rioeduca11cre
Twitter: https://twitter.com/laurafanttini
E-mail: lauradavilla@rioeduca.net

 

.                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 16/09/2013

Projetos de História na Quinta do Caju

Tags: 1ªcre, projetos.

 

A Creche Municipal Quinta do Caju, no histórico bairro do Caju, possui turmas do Berçário ao Maternal II e tem crianças de 6 meses a 3 anos de idade. Com o Projeto Pedagógico 2013 “Mergulhando no Mar de Histórias do Caju, Vamos Tecendo Nossas Redes de Aprendizagens e Construindo Outras Histórias”, a comunidade escolar redescobre a beleza e resgata a importância do bairro.

 

 

Policial Cristina, do projeto PAMESP da UPP, com alunos no desfile

 

Quando o projeto é realizado em uma creche, ele não envolve apenas as crianças pequenas e suas professoras. O projeto pedagógico tem também a participação da comunidade escolar, das famílias, da vizinhança, do comércio próximo e, por isso, torna-se tão importante na instituição. Na Creche Municipal Quinta do Caju, o projeto  foi ganhando cada vez mais força, à medida que os pais das crianças o enriqueciam com as histórias que contavam.

 

Caju - Ontem e Hoje

 

Quem passa hoje no Caju vê um bairro de cor cinza, repleto de carretas e com um trânsito enorme! Mas não foi sempre assim. O Caju foi uma região belíssima de praias com areias branquinhas e água cristalina. Onde não era rara a visão do fundo da Baía, tendo como habitantes comuns os camarões, cavalos-marinhos, sardinhas e até mesmo baleias.

 

Mural exposto na creche com o nome do Projeto Pedagógico 2013.

 

Hoje, no Caju, não há sinal de praia. A área foi aterrada para construção do Porto e da Ponte Rio - Niterói. No entanto, andando pelas ruas históricas da Comunidade da Quinta do Caju, é possível ver um rastro da beleza do passado, através de algumas casas de madeira, das ruazinhas de pedras e dos barcos coloridos da vila dos pescadores.

 

Os subprojetos da unidade seguem este objetivo: conhecer a história antiga e atual do Caju. As crianças fazem visitas ao bairro e suas famílias apoiam o trabalho realizado. Afinal, conhecer os contextos de vida da criança, os costumes, os valores culturais da família e as diferenças ou semelhanças existentes entre elas, tudo isso constrói a parceria com a família, tendo como bases a confiança e o respeito mútuo.

 

Policial Duarte, do projeto PAMESP da UPP, conversa com crianças sobre seu trabalho.

 

Subprojeto: Marcha Soldado!

 

Alunos da creche esperam o desfile começar.

 

O Caju é um bairro onde se encontra o Arsenal de Guerra, o Parque Aeronáutico, o Corpo de Bombeiros e, atualmente, uma base da Polícia Pacificadora. As crianças da Comunidade da Quinta do Caju convivem com o ir e vir desses profissionais bem como, às vezes, os têm em sua família. Os educadores da creche observaram que esse assunto permeia constantemente as conversas das crianças e fazem parte de algumas de suas brincadeiras.

 

Alunos do Maternal se preparam para o desfile.
 

 

Atentas em levar para as crianças da creche aprendizagens relevantes e contextualizadas, o grupo de educadoras conversou com as crianças em rodinha sobre o trabalho dos militares no bairro. As crianças participaram de bate-papos informais e realizaram diferentes oficinas com fotos, gravuras e símbolos dos vários núcleos das forças armadas. Cada educadora observou o núcleo militar de maior interesse da turma e assim foram selecionadas as turmas representantes de cada força armada.

 

No dia 6 de setembro, como culminância do subprojeto, toda a creche desfilou. As crianças, juntamente com suas famílias e educadoras, saíram da creche e foram até o PAME. O desfile contou com a presença da UPP Caju e das diretoras de escolas do Caju, Cristina e Rute Albanita.

 

As gestoras Marineide e Jaqueline e a Coordenadora Neusa confessaram que estão emocionadas com o desenrolar do projeto. E garantem que o melhor ainda está por vir.

 

Para conhecer melhor o trabalho da Creche Quinta do Caju, clique AQUI.

 

* Professor, queremos conhecer e divulgar o blog e os projetos desenvolvidos por sua escola. Aproveite este espaço que é feito para nós! Entre em contato com o representante do Rioeduca em sua Coordenadoria e participe. *

 

Professora Rute Albanita
 Representante Rioeduca.net da 1ª Coordenadoria Regional de Educação
ruteferreira@rioeduca.net
Twitter: @Rute_Albanita

 

COMPARTILHE E COMENTE!

 

 

                              

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 16/09/2013

Dia Mundial da Internet Segura 2013

Tags: 6ªcre, núcleodearte.

O aluno João Paulo Santiago ganhou o prêmio do concurso de vídeo do Dia Mundial da Internet Segura na categoria adolescente. O aluno produziu o vídeo na Oficina de Animação Experimental do Núcleo de Arte Grande Otelo.

 

Na internet dá para fazer muitas coisas boas e divertidas. Mas existe um outro lado ruim e  perigoso, especialmente para as crianças e os adolescentes. Quanto mais informados eles estiverem, mais fácil irão se proteger e aproveitar o que há de bom.

 

Pensando nesta questão, a Safer Net Brasil lançou no início do ano o concurso do Dia Mundial da Internet Segura 2013. Ele teve como propósito incentivar a participação de adolescentes e jovens nas campanhas de promoção do uso responsável e seguro da internet, debatendo a questão da cidadania na web brasileira, para que possamos, todos juntos, aumentar ainda mais as oportunidades trazidas pelas novas tecnologias de comunicação e informação.

 

Para concorrer ao prêmio em uma das categorias, adolescente (13 a 17 anos) ou jovem (18 a 21 anos), o candidato deveria criar um vídeo, de até dois minutos, que ilustrasse o tema Direitos e Deveres Online: Conecte-se com Respeito.

 

Diversas técnicas como animação, efeitos de texto, desenhos, stop motion poderiam ser utilizadas. Os vídeos enviados foram avaliados segundo os seguintes critérios: objetividade, replicabilidade, qualidade na abordagem do tema, originalidade, efeito multiplicador e interatividade.

 

O vídeo da campanha brasileira para o Dia Mundial da Internet Segura foi coordenado no Brasil pela Safernet, Ministério Público Federal e Comitê Gestor da Internet do Brasil.

 

Navegar na internet é uma experiência única e maravilhosa, mas cuidado com os excessos. Visitar lugares novos, dar um abraço e se exercitar ao ar livre, por exemplo, são tão importantes quanto descobrir o mundo virtual. Tem hora certa para tudo!

 

Quer conhecer um pouco mais sobre o concurso Dia Mundial da Internet Segura 2013 para se preparar para o próximo ano? Então clique AQUI!

 

Aluno da 6ª CRE é premiado no concurso do Dia Mundial da Internet Segura

 

Na primeira semana de julho, o Núcleo de Arte Grande Otelo recebeu uma ótima notícia. O aluno João Paulo Santiago havia sido selecionado como finalista do Concurso de Vídeo do dia Mundial da Internet Segura na categoria adolescente.

 

O vídeo produzido por João Paulo foi construído na Oficina de Animação Experimental do Núcleo de Arte Grande Otelo, que é oferecida aos alunos da rede pública municipal de educação da cidade do Rio de Janeiro.

 

O objetivo dessa oficina é trabalhar a linguagem da animação, oportunizando a vivência de experiências no campo desta arte. Apresentar, conhecer e experimentar alguns conceitos e técnicas elementares de animação, dentro da estética poética trash, que possibilita mais liberdade de criação e uma preocupação menor com relação à escassez de recursos e/ou de tempo.

 

Uma das técnicas usadas na oficina de animação é a live action, a arte de registrar imagens em movimento. Para realizar essas animações, é necessário ter disciplina, concentração, persistência, criatividade e espírito de colaboração.

 

Na avaliação geral do trabalho, a professora Imaculada Conceição viu como é importante levar em consideração a capacidade poética dos alunos em trabalhar com o improviso, com o inusitado e com o acaso. Assim, eles podem mostrar a capacidade de criar e recriar realidades estáticas a partir  do que se apresenta como material e ideias propostas.

 

A criatividade é o que impulsiona ideias criativas.

 

A oficina de animação  é uma das formas de desenvolvimento da curiosidade, da motivação e do impulso exploratório das crianças.

 

Experiências interessantes ajudam a ativar energicamente o “sistema de busca” que dá base à capacidade criativa. Essas habilidades ajudam a criança a se relacionar bem, a conhecer lugares, se aventurar sem inseguranças e a superar obstáculos com determinação.

 

João Paulo demonstra ser um ótimo aluno, é aplicado, possui uma família o apoiando e torcendo para seu sucesso e, acima de tudo, respeita os demais e sabe aproveitar as chances que tem para construir novos conhecimentos. Ele usou de toda a sua criatividade na produção dos vídeos na oficina de animação.

 

Diante de tudo isso, João Paulo tem um caminho de muito sucesso a trilhar. Ele já tem muitas vitórias e uma delas foi no concurso Dia da Internet Segura 2013, na categoria adolescente, com o vídeo "Respeito na Web: Conecte-se com Respeito". Ele foi o ganhador do segundo lugar e recebeu como prêmio uma máquina fotográfica e um kit da SaferNet Brasil.

 

Vídeo produzido pelo aluno João Paulo na oficina de animação do Núcleo de Arte Grande Otelo que o levou a conquistar o segundo lugar no concurso Dia da Internet Segura 2013.

 

O semestre foi chegando ao fim e nada da premiação ser entregue. No dia 12 de julho, para alegria de todos, uma encomenda chegou até a escola para o aluno.  O turno de trabalho já havia terminado e os colegas do João já tinham ido embora, com exceção de seu amigo Rubilemes que presenciou a emoção de todos.

 

Esse prêmio traduz toda a competência do aluno João Paulo ao tratar de um tema de grande relevância no nosso século para as crianças e jovens. Ele mostrou, acima de tudo, que a internet não é uma terra sem lei. Se você tem direitos e deveres em casa, na escola e em outros lugares, você também tem direitos e deveres na web. Pense nisso!

 

Parabéns pela conquista, João Paulo! Os sonhos são como uma bússola, indicando os caminhos que seguiremos e as metas que queremos alcançar. São eles que nos impulsionam, nos fortalecem e nos permitem crescer. Sua caminhada está só começando, mas você já é um vencedor! É um orgulho tê-lo no Portal Rioeduca!

 

A parceria da família com a escola sempre será fundamental para o sucesso da educação de todo indivíduo.

 

Pais e educadores necessitam ser grandes e fiéis companheiros nessa nobre caminhada da formação educacional do ser humano.

 

Você quer ver o seu aluno no Portal Rioeduca? Entre em contato com a representante do Rioeduca da sua CRE e divulgue os alunos que são destaque na sua escola! Será um prazer tê-lo no Portal Rioeduca! Este espaço é meu, é seu é nosso! Até a próxima semana!

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ª Cre

Twitter: @Paty_PP

Facebook: patricia_pff@yahoo.com.br

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 13/09/2013

Ações Sociais na Escola Municipal Cinco de Julho

Tags: 5ªcre, bolsafamília.

Um grande mutirão de serviços a todos os alunos e responsáveis da Escola Municipal Cinco de Julho, em parceria com o SESC de Madureira, marcou o dia 10 de agosto, dia da Reunião do Bolsa Família, com momentos de informação e ação social.

 

A parceria entre escola e comunidade leva ao caminho de uma educação de qualidade. E a Escola Municipal 05.15.049 Cinco de Julho acredita na importância de uma boa relação entre familiares, gestores, professores, funcionários e alunos. Por isso, buscou firmar com o SESC Madureira parcerias que beneficiassem não só seus alunos, mas também seus responsáveis.

 

Parceira Escola e SESC: Ações Sociais

 

Os responsáveis presentes na Reunião do Bolsa Família inicialmente participaram de uma palestra sobre Qualidade de Vida. Depois, puderam aferir a pressão arterial, fazer o teste de glicemia e colesterol, calcular o IMC e, por fim, receber orientações das nutricionistas.

 

Reunião com os responsáveis do Bolsa Família.

 

Os serviços foram todos prestados gratuitamente pelo SESC aos beneficiários do Bolsa Família e a todos os responsáveis presentes na reunião.

 

Segundo a professora Aline Charles, Coordenadora Pedagógica da escola, a “Escola Municipal Cinco de Julho estará sempre disposta a fortalecer o vínculo com sua comunidade e que ele seja sempre produtivo como nesta ocasião.”

 

Medição de altura.

 

Teste de glicemia e colesterol.

 

Medindo pressão arterial.

 

A voz dos Responsáveis

 

Alguns responsáveis deixaram suas impressões sobre as reuniões do Bolsa Família especialmente para o Portal Rioeduca.

 

Vejamos o que eles disseram:


"Gostaria que isso acontecesse todo mês. Geralmente as reuniões são chatas, os assuntos são sempre os mesmos. Dessa vez não, foi totalmente diferente."

Rejane Gesteira, mãe do aluno Pedro Gesteira, do EI-20.

 


"É bom quando a escola pensa no responsável também, porque geralmente as ações são voltadas somente para os alunos. A gente se sente importante."

Cristiane Alves Couto, mãe da aluna Suellen Regina Alves Guimarães, da turma 1103.

 

"Eu estou aproveitando para fazer esses testes, medir a pressão, ver meu peso e minha altura porque eu não consigo fazer isso tudo num dia só lá fora."

Luis Claudio Blanco, pai da aluna Clara Branquinho Blanco, da turma 1103.

 

"Da próxima vez podia ter dentista e oftalmologista. Seria um sonho."

Michelle Soares da Silva Barbosa, mãe do aluno Caio da Silva Barbosa, da turma 1501.

 

Parabéns pela iniciativa da Escola Municipal Cinco de Julho, colaborando para o bem-estar e a saúde da sua comunidade escolar.
 

 

Regina Bizarro_ Representante do Rioeduca/5ªCRE
E-mail: reginabizarro@rioeduca.net
Twitter: @rebiza
Facebook: Regina Biza
Rioeduca/5ªCRE no Facebook:

https://www.facebook.com/groups/rioeduca5cre/

 

                               


   
           



Yammer Share