A A A C
email

Quinta-feira, 02/05/2019

Mulher Cidadã: Programa Maria da Penha vai à escola em Osvaldo Cruz e Campo Grande

Tags: programa, mulher, cidadã.

Seminário Mulher Cidadã - Programa Maria da Penha vai à Escola em Osvaldo Cruz e Campo Grande

 


O Seminário "Mulher Cidadã: Programa Maria da Penha vai à escola”, uma realização das secretarias municipais de Educação e de Assistência Social e Direitos Humanos, que aconteceu no auditório do CASS no dia 15 de abril para as 1ª, 2ª, 3ª e 11ª CREs, será realizado no dia 8 de maio, no Palácio 450, em Osvaldo Cruz, das 9h às 12h, e será destinado a representantes e professores das 4ª,5ª,6ª e 7ª CREs. No dia 13 de maio será para as 8ª, 9ª e 10ª CREs, em Campo Grande.

O Seminário conta com a participação da Secretaria Municipal de Educação, Talma Romero Suane, do Secretário Municipal de Assitência Social e Direitos da Mulher, João Mendes de Jesus, da subsecretária de Políticas Para a Mulher, Joyce Braga, da coordenadora do Comitê de Gênero da Educação, Waleria de Carvalho, e da promotora Carla Araújo, do I Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a mulher.

O objetivo de realizar o Seminário Mulher Cidadã: Programa Maria da Penha vai à Escola, que foi muito bem avaliado pelos que estiveram no CASS, é o de sensibilizar a comunidade escolar sobre a questão da violência doméstica e debater a questão, de acordo a lei sob o nº 6.427, de 18 de dezembro de 2018, sancionada pelo prefeito Marcelo Crivella.

Ao final do Seminário, a promotora Carla Araújo lançará o livro, "As Marias do Brasil", sobre violência doméstica.

 

Enviado por:

Coordenacao de Projetos de Extensao Curricular

E/SUBE/CPEC


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 01/05/2019

Fica a Dica: Livro Artes e Ofícios

Tags: dica, livro, ofícios.

Fica a Dica: Livro Artes e Oficios

 

 

 

Aproveitando que nesse mês de maio comemoramos o Dia do Trabalhador, que tal falarmos um pouco de algumas profissões?

Com o livro “Artes e Ofício” a autora, Roseana Murray, pincela certas profissões, antigas ou atuais, em forma de poesia. Será que eles conhecem todas as profissões?

 


“O pintor
O pintor com seu pincel
não sabe que tinta é essa
que sai direto do coração
e vai pintando terra e céu.

Pinta mares e montanhas,
o homem e seus mistérios
o amor com seus novelos,
encruzilhadas e girassóis.

Então, quando o dia acaba,
Inventa uma cama macia,
e dentro dos sonhos,
vagarosamente, eternamente,
ele pinta.”

 

Quando criança sonhamos em ser várias coisas, bailarina, bombeiro, astronauta, alguns mudam de ideia no decorrer dos anos, outros desde cedo já sabem o que vão ser.

Será que seus alunos sabem o que faz um astrônomo? A importância de ser um professor?

Que tal explorar um pouco o universo adulto com suas crianças? Vamos despertar a curiosidade das crianças para as diferentes profissões.

Pergunte aos seus alunos: O que você quer ser quando crescer?

Podemos explorar também a poesia "O que vou ser", do Pedro Bandeira:

 

"Bete quer ser bailarina,
Zé quer ser aviador.
Carlos vai plantar batata,
Juca quer ser um ator.

Camila gosta de música.
Patrícia quer desenhar.
Uma vai pegando o lápis,
a outra põe-se a cantar.

Mas eu não sei se vou ser
poeta, doutora ou atriz.
Hoje eu só sei uma coisa:
quero ser muito feliz!" 

 

Fica a dica! 

 

Conto com a sua participação, professor(a). Mande também suas dicas e sugestões e vamos explorar o mundo literário!


Até a próxima!

 

 
 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 30/04/2019

Visitas de Acolhimento às Unidades de Educação Infantil

Tags: gei, educação infantil, acolhimento.

A Coordenadoria de Educação Básica, através da Gerência de Educação Infantil, vem dando continuidade às visitas de Acolhimento às Unidades de Educação Infantil

 

As visitas tem o intuito de desenvolver propostas que possibilitem a interação e a receptividade, de nos aproximarmos cada vez mais das práticas que nos inspiram e dos desdobramentos que surgem a partir das orientações desenvolvidas (Documento de Acolhimento SME, 2019).

 

Gostaríamos de agradecer às Unidades que tanto nos acolheram neste momento de troca.


1.ª CRE: EDI Campos Salles, C.M. Estácio de Sá, EDI Raquel de Queiroz.

 

 

7.ª CRE: EDI Medalhista Olímpica Agatha Bednarczuk Rippel.

 

 

8.ª CRE: Escola Municipal Senador Camará, Escola Municipal Professora Ivone Nunes Ferreira.

 

 

 

9.ª CRE: EDI Professora Teresinha de Jesus Siqueira Brown. 

 

 

Texto enviado por: Gerência de Educação Infantil


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 30/04/2019

Ensinando Matemática para Alunos com Deficiência Visual

Tags: iha, matemática, deficiência visual.

Ensinando Matemática para Alunos com Deficiência Visual


 

 

Público-alvo: Professores do AEE e de turma comum, que atuam diretamente com o aluno deficiente visual.
 

 

Carga horária: 16 horas

Datas: Maio: 13 e 20 / Junho: 10 e 17

Dinamizadora: Professora Tânia Maria Moratelli Pinho

Horário: 13h às 17h

Vagas: 25

Local: Instituto Municipal Helena Antipoff

Realização: Centro de Transcrição à Braille
 

Para inscrições, clique aqui


   
           



Yammer Share