A A A C
email
Retornando 383 resultados para a tag '1ªcre'

Segunda-feira, 06/11/2017

Professor Antônio, Medalhista Carioca da Educação

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, educacaofisica, professor.

 

Professor de Educação Física é homenageado com a Medalha Carioca de Educação, por desenvolver projeto de Educação Física Inclusiva.

 

Atuando na Rede Municipal de Ensino, desde 1994, o professor Antônio Carlos Fernandes desenvolve, desde 2015, Projeto de Educação Física Inclusiva na Escola Municipal Floriano Peixoto, escola localizada no bairro de São Cristóvão e que atende alunos da Educação Infantil ao Quinto ano do Ensino Fundamental.

 


Desenvolvido a partir da participação no Curso Portas Abertas para a Inclusão – parceria da SME, através do Instituto Helena Antipoff, Instituto Rodrigo Mendes UNICEF e Função Barcelona – o projeto foi pensado com o objetivo de criar e desenvolver atividades físicas inclusivas em que todos os alunos, com deficiência ou não, pudessem participar ativamente da aula.

 

 

Dentre diversos projetos desenvolvidos nas onze coordenadorias regionais de Educação, o projeto do professor Antônio foi escolhido para representar o Brasil em um Seminário da UNICEF, realizado na cidade de Barcelona.

 

 

E o projeto foi ganhando visibilidade, ultrapassando os muros da escola, levando os conhecimentos e práticas inclusivas à toda comunidade escolar, com envolvimento efetivo de professores, funcionários, responsáveis e alunos, além da rede de apoio que atende à escola.


Hoje, o projeto de Educação Física está incorporado ao Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Floriano Peixoto, com sua metodologia e atividades fazendo parte do cotidiano das aulas de Educação Física desenvolvidas na unidade, completamente integrada à rotina da escola.

 

 


Além de trabalhar ativamente para que a Educação Física inclusiva contribua para o sucesso do processo ensino aprendizagem dos alunos, professor Antônio é um apaixonado pela escola em que atua, sempre ativo na realização de eventos que movimentam e dão vida ao espaço escolar, contribuindo para maior integração entre os diversos atores que atuam na Escola Floriano: realiza Olimpíadas Escolares, incentiva e cria condições para que os alunos participem de torneios, Shows de Talentos, dentre outras atividades de cunho pedagógico e cultural.

 


A coroação do trabalho de qualidade que é desenvolvido pelo professor Antônio Carlos veio recentemente com o recebimento da Medalha Carioca de Educação, honraria concedida pelo Conselho Municipal de Educação e que elege personalidades que contribuem, de forma significativa, para a qualidade do Ensino na Cidade do Rio de Janeiro. A Cerimônia de Premiação ocorreu no último dia 24 de outubro, na Escola de Formação do Professor Carioca Paulo Freire.

 

Participação no Programa Papo Carioca, da Prefeitura do Rio , sobre a Medalha Carioca

Durante a Cerimônia, na Escola Paulo Freire, recebendo a Medalha das mãos da Subsercretária de Ensino, professora Nazareth

 

 

Para Antônio Carlos, “essa indicação veio como reconhecimento desse trabalho que a gente faz com muito amor e muita dedicação. Isso nos motiva, nos faz querer mais, o que é muito bom para os nossos alunos”, afirma.


Para Solange Comerlato, Coordenadora Pedagógica da Escola Floriano Peixoto, “o professor Antônio é um ser humano que acredita no protagonismo do aluno, ousa e permite que o outro ouse também, com credibilidade e sensatez que lhe são peculiares. Tem um ótimo relacionamento com a direção, coordenação, demais profissionais, responsáveis e alunos que atuam nesta unidade escolar. A Escola Floriano sempre investe, dentro do que é possível, para que este professor extravase a sua forma de ser, colaborando e acreditando no seu fazer".

 

São professores como Antônio Carlos que transformam a vida de milhares de crianças cariocas. Parabéns!

 

Pra Saber Mais:

Escola Municipal Floriano Peixoto

Direção: Otília Muller e Fátima Cardoso

Coordenação Pedagógica: Solange Comerlato

Telefone: 3895-8634

E-mail: emfpeixoto@rioeduca.net

 


  


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 03/11/2017

Um Abraço Negro

Tags: 1ªcre, eventos, projetos.

 

Blog criado por aluno da E.M. Uruguai recebe prèmio na categoria Mídia Digital.


Numa parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos do Negro, o Premio COMDEDINE tem por objetivo fomentar a discussão crítica sobre temas afro-brasileiros.


O aluno Átila Cavalcante, da Escola Uruguai, foi vencedor deste ano na Categoria Mídia – Digital , pela criação do Blog “Um Abraço Negro da E.M. Uruguai”.


A personalidade escolhida pelo aluno para ser a homenageada no blog foi a merendeira Shirlei José dos Santos, que é servidora do município e trabalha na escola desde o fim da década de 1980.

 

O aluno Átila recebendo o prèmio das mãos da homenaegada. Ao lado, a Diretora da E.M. Uruguai, professora Renata

 

Shirlei foi escolhida por ser uma mulher negra moradora da comunidade da Mangueira, lugar onde reside a maioria dos alunos da escola. D. Shirlei é uma referência de luta, esperança, alegria e sucesso.

 

Professora Renata, D. Shrilei, Átila e Renata Penajóia, orientadora e Coord. Pedagógica da Unidade.


O blog contou com elementos da cultura africana, o símbolo Sankofa, ideograma utilizado no sistema de escrita Adinkra, pelo povo Akan, da África Central. Sua simbologia traduz o que a história da homenageada representa para a comunidade, a compreensão de que o tempo presente passa por nunca esquecermos o passado. O blog traz ainda um desenho da D. Shirlei feito pelo próprio aluno, que é desenhista, link com um vídeo de entrevista com a homenageada, algumas leis brasileiras importantes na permanente luta do combate ao racismo, e claro, algumas receitas da  querida merendeira homenageada.

 

No centro da foto, a homenageada ao lado do presidente do COMDEDINE, Sr. Antônio Ricardo.


A premiação ocorreu dia 25 de outubro, no Centro de Artes Calouste Gulbenkian, que contou com a representante da 1ªCRE/GED, Silvana Huguenin, da Professora Orientadora e Coordenadora Pedagógica da E.M.Uruguai, Renata Penajoia, da regente da Sala de Leitura, professora Ana Lobianco e a servidora pública homenageada, a merendeira, D. Shirlei, que recebeu o prêmio no lugar do aluno Átila, que não pôde comparecer por motivos de força maior. Mais tarde na escola, o aluno recebeu das mãos da própria homenageada o prêmio entregue na cerimônia.

 

CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO PARA VISITAR O BLOG:


Para Saber Mais:

Escola Municipal Uruguai

Direção: Renata da Silva Pinto

Coordenação Pedagógica: Renata Penajoia

Telefone: 2589-3478

E-mail: emuruguai@rioeduca.net

 

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 23/10/2017

A Paz é o Caminho!

Tags: 1ªcre, eventos, projetos.

 

Escola da Região Central da cidade realiza evento de continuidade à campanha #AquiÉUmLugardePaz.

 

Localizada no Santo Cristo, bairro da Região Central do Rio de Janeiro, a Escola Francisco Benjamin Gallotti, com turmas da Educação Infantil ao 6º Ano Experimental do Ensino Fundamental e alunos, em sua maioria moradores do Morro da Providência,  atendendo à proposta “Aqui é Um Lugar de Paz”, deu continuidade ao trabalho de construção da Cultura de Paz, que já vem sendo desenvolvido pela unidade.

 

 


 

Deste o início da Campanha, a escola vem sistematicamente abordando o tema de forma mais enfática com sua comunidade escolar.


No mês de agosto e de setembro, os alunos do 1º e 2º anos tiveram como porposta de trabalho o tema “Não bata, Abrace!“. Trabalhar a tolerância, o respeito à opinião e às diferenças esteve na tônica das conversas com os pequenos.

 

 

As turmas de 3º e 4º ano debateram sobre Bullying. Já o 5º e o 6º  ano trabalharam respeito em tempos de internet. Ciberbylling esteve na tônica da discussão. Os alunos escolheram como slogam de suas discussões “Boca: Aqui é um lugar de Paz!"

 


Os resultados dos trabalhos desenvolvidos foram apresentados para toda a comunidade escolar: artes plásticas, teatro e música - apresentações que foram fruto do trabalho desenvolvido por professores e alunos, que alunos compartilharam um momento juntos !


Foi um dia especial na escola, que apresentou para todos que “A PAZ É O CAMINHO!”

 

 

 

Um pouquinho da História da Escola...

 

A  E. M. Francisco Benjamin Gallotti, está localizada no Condomínio da Vila Portuária Presidente Dutra, à Rua da América, 81, bairro Santo Cristo, Rio de Janeiro.


O referido Condomínio foi construído em fins da década de 40 e servia de residência aos funcionários de baixa renda, da antiga APRJ (Administração do Porto do Rio de Janeiro). A escola foi construída para atender aos filhos dos funcionários.


Em 1955, a escola começou a funcionar num barraco que servia de sede do Clube da Vila Portuária, mantida pela campanha de Alfabetização, com apenas uma professora, Dona Rosa Soares de Menezes, Assistente Social, sem ônus para a APRJ.


Em 1956, passou a se chamar Escola Portuária Francisco Benjamim Gallotti, em homenagem ao administrador do Porto do Rio de Janeiro, Sr. Francisco Benjamim Gallotti.


Em 1958, ainda funcionando no barracão, passou a ser mantida pelo SESI. Em 02 de dezembro de 1958, foi inaugurado o prédio da escola que continuou a ser mantida pelo SESI até julho de 1965, quando às mãos do Departamento de Educação Primária do antigo Estado da Guanabara, e, posteriormente, para a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro do Rio de Janeiro.

 

Para Saber mais:

Escola Municipal Francisco Benjamin Gallotti

Direção: Maria Rosa Mendes e Renata Malafaia

Coordenação Pedagógica: Ivy Santos

Telefone: 2233-1273

E-mail: emgallotti@rioeduca.net

 


 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 13/10/2017

Outubro Rosa: O GEO Santa Teresa Apoia!

Tags: 1ªcre, eventos, projetos.

 

Escola se mobiliza em campanha de Conscientização da Luta contra o Câncer de Mama.

 

 

O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos e a primeira iniciativa vista no Brasil foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), situado em São Paulo (SP), em 02 de outubro de 2002 (1).


O Ginásio Olímpico de Santa Teresa (GEO Santa Teresa), Escola Municipal Juan Antonio Samaranch, está realizando uma campanha de incentivo à prevenção do câncer de mana, abraçando o movimento Outubro Rosa.

O GEO Santa Teresa engajado na cmapanha Outubro Rosa: diretora, coordenadora pedagógica, professores e alunos


 A campanha protagonizada pelos alunos das Turmas 1802 e 1803, dentro da disciplina de Ciências, tem o objetivo de atingir a todos os funcionários da escola, responsáveis e demais familiares, principalmente as mulheres com mais de 40 anos de idade.


 Os alunos montaram laços rosas (símbolo do movimento) que foram distribuídos aos alunos da escola, assim como cartões com mensagem de incentivo à prevenção. Ainda confeccionaram pequenos cartazes que foram colados nos corredores da escola e uma faixa utilizada na campanha.
 

Alunos preprarando os materiais e realizando a campanha
.

 Os alunos protagonistas, divididos em grupos, solicitaram alguns minutos a cada professor(a) para fazerem a campanha em suas respectivas sala de aula. Eles explicaram o que é o movimento Outubro Rosa, o que é o câncer de mama, mostraram as estatísticas brasileiras em relação à doença, informaram que homens também podem desenvolver este tipo de câncer, mas que a maciça maioria dos casos acontece nas mulheres e que o autoexame e a mamografia são as medidas preventivas a serem adotadas.

 

Alunos protagonistas realizando apresentações nas turmas da unidade.

 


A campanha continuará em curso na escola durante todo o mês de outubro, inclusive nas reuniões de responsáveis.


 “O emprenho e o entusiasmo dos alunos, observados durante a realização de todas as fases da campanha, é contagiante! É maravilhoso ver os alunos engajados, conciliando os conteúdos pedagógicos à causas atuais e importantes”. Diz a Professora Lucineia Alves, organizadora da campanha.

 

Turmas 1.802 e 1.803 ,respectivamente, e professora Lucineia: protagonistas da Campanha


O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, formando um tumor. É segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo. Estimou-se que em 2016 foram detectados 57.960 novos casos de câncer de mama somente no Brasil (2).


A prevenção se faz através do autoexame que deve ser realizado sempre e através da mamografia que deve ser periódica para mulheres com mais de 40 anos.

 


Ajude na conscientização!

 

 

Referências:


(1) OUTUBRO ROSA. 2017. História. Disponível em . Acesso em 03 de out/2017.

(2) INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSE ALENCAR GOMES DA SILVA. 2017. Câncer de mama. Disponível em . Acesso em 03 de out/2017.

 


Para Saber Mais:

E.M. Juan Antônio Samaranch

Direção: Ana Christina do Nascimento Quintella

Telefone: 3972-0916

E-mail: emsamaranch@rioeduca.net

Professora Responsável: Lucinéia Alves

 


 


   
           



Yammer Share