A A A C
email

Quarta-feira, 14/11/2012

Consciência Ecológica e Criatividade com Jogos de Sucata

Tags: 6ªcre, educaçãoinfantil.

 

A professora Mônica Queiroz, do Ciep General Augusto César Sandino, utilizou  o livro Brinquedos da Editora Caramelo para incentivar a criatividade das crianças e despertar a consciência ecológica através da criação de brinquedos de sucata.

 

 

Atualmente,  vivemos a chamada "era do descartável". Todos os produtos adquiridos estão em embalagens que são imediatamente descartadas assim que seu conteúdo é consumido. Esse material desprezado é chamado de sucata.

 

 

O que você faz com a sucata? Joga fora! Você e os outros 6 bilhões de habitantes do planeta. Por isso, é importante saber que existem muitas formas de aproveitar os materiais descartados.  A mais importante delas é a reciclagem.

 

 

A sucata também serve como matéria-prima para produtos artesanais, que podem ser convertidos em renda. Já as crianças podem transformar a sucata em brinquedos. Além de divertida, essa atividade é uma ótima oportunidade para ensinar aos pequenos a importância da reutilização do lixo.

 

 

 

As crianças são grandes formadoras de opinião e têm colaborado fortemente para despertar a consciência ecológica nos pais e outros adultos que as cercam.  Afinal, elas enfrentarão os desafios do futuro.

 

 

Criatividade e Consciência Ecológica

 

 

Mônica Queiroz, professora de Educação Infantil no Município do Rio de Janeiro, utilizou o livro Brinquedos da Editora Caramelo para incentivar a criatividade das crianças e despertar a consciência ecológica.

 

 

A história fez a professora pensar em muitas questões: Como estamos cuidando dos nossos pertences? Estamos consumindo e descartando muito? Será que tudo que jogamos fora é lixo? O que não serve mais para mim pode servir para outra pessoa? Quais as consequências de tudo isso para o meio ambiente?

 

 

Em resposta a algumas dessas questões, os alunos do maternal reaproveitaram caixinhas de suco vazias para confeccionar um jogo de dominó. Assim, foram reduzidos o consumo de brinquedos novos e a quantidade de lixo no meio ambiente.  Elas ainda exercitaram o cuidado com o que é  de cada um; aprenderam e se divertiram com um novo jogo.

 

 

O primeiro passo foi encher as caixinhas com jornal para dar peso às peças de dominó;  um material lúdico que permite o seu aproveitamento como recurso pedagógico em diferentes níveis de dificuldade.   Isso possibilitou o desenvolvimento de uma série de habilidades e competências em um contexto educacional como, por exemplo, o raciocínio lógico.

 

 

 

A simples construção de um jogo de dominó, usando cartolina ou papel cartão, é um exercício de contagem organizado para decidir, por exemplo, quantas e quais peçam precisam ser construídas ou quantas vezes um determinado número ou cor aparece nas peças. O desafio da construção de um dominó exercita a criatividade e as operações aritméticas.

 

 

 

Assim como todos os outros jogos de tabuleiro, o dominó, além de ser divertido, é uma ótima maneira de interagir com seu aluno. Ele aprende matemática de uma forma fácil e divertida.

 

 

O segundo passo foi encapar as caixinhas e montar as combinações de cores. E o terceiro passo foi brincar muito! Durante o jogo foi possível perceber as suas contribuições para a aprendizagem e o desenvolvimento dos alunos, como a rapidez de raciocínio e a agilidade na hora de tomar decisões, a interação com outras crianças e o fato de aprender a perder e que todas as decisões tomadas levam a uma consequência.

 

 

 

Os jogos estão em correlação direta com o pensamento matemático.  Neles existem regras, instruções, operações, definições, deduções, desenvolvimento, utilização de preceitos e operacionalizações.

 

 

 

Os jogos devem ser aplicados de  forma correta e planejada, de modo que levem  o aluno a aprender brincando. O bom êxito de toda atividade lúdica e pedagógica depende exclusivamente do bom preparo e liderança do professor.

 

 

Através deste jogo de dominó, a professora Mônica Queiroz trabalhou com seus alunos a comunicação e a construção de informações compartilhadas. Ele é um recurso atraente e eficiente, que auxilia os educandos na arte da aprendizagem e na construção do conhecimento.

 

 

Parabéns à professora Mônica Queiroz por realizar seu trabalho de forma tão dedicada, competente e criativa! Os conceitos trabalhados nesta atividade ajudarão a investigar o conhecimento que seus alunos tem e a propor atividades futuras. Você é um sucesso em tudo o que faz!

 

 

Envie você também as atividades que está realizando com seus alunos para ser publicada no Portal Rioeduca! Esse espaço é meu, é seu, é nosso!

 

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ª CRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

 

                               

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

6ªcre (344)

Comentários
Parabéns, equipe Sandino!!! Já fui privilegiada em compartilhar ótimos momentos pedagógicos lado a lado... Surpreendente a atividade, em especial pelo formato das peças, estimulando a criatividade dos guris...

Postado por Elair Nunes em 14/11/2012 13:13

Patricia, Obrigada pelo carinho e por suas maravilhosas publicações no Portal Rioeduca! É com grande prazer que compartilho o meu trabalho na Educação Infantil com vocês! Bjs

Postado por Mônica Queiroz em 14/11/2012 22:36

Parabéns Mônica e toda a Equipe Sandino, pelo consciente e brilhante trabalho desenvolvido com as crianças. Reciclar para educar, esta é a ideia!

Postado por Raiane Dias em 14/11/2012 22:51

parabens! para todos da equipe sandino poís o trabalho que vem sendo feito pelo equipe esta de parabéns ! que toda equipe continue sempre com toda motivação em especial a tia mônica que é tão dedicada para com todas as crianças da sala que ela passa parabéns a toda equipe sandino!

Postado por renata cerqueira rodriguez em 20/11/2012 21:26