A A A C
email

Quarta-feira, 12/12/2012

Círculo Montessori: Individualidade, Atividade e Liberdade

Tags: 6ªcre, protagonismojuvenil.

 

 

A professora Gwendolyn Sônia do Ciep Doutor Adão Pereira Nunes utiliza o Círculo Montessoriano no início e no término de suas aulas. A metodologia montessoriana tem como base a individualidade, a atividade e a liberdade bem como a busca pela formação integral da criança.

 

 

Para a educadora Maria Montessori, a educação deve privilegiar a busca direta e pessoal do aprendizado por meio do manuseio dos objetos e de atividades práticas. Dessa forma é possível desenvolver a esfera motora e a esfera das sensações, não só em seu caráter individual, mas também coletivo - movimento que estimula o desenvolvimento particular e o social.

 

 

 

No Método Montessoriano, o aluno assume sua obrigação de responder pelos próprios atos durante o processo pedagógico. O saber não é infligido compulsoriamente ao aprendiz, mas construído por ele com o apoio de livros e objetos didáticos, singelos e sedutores, que incitam os aspectos sensórios, motores, racionais e intelectuais do estudante.

 

 

 

Segundo Maria Montessori, o mestre apenas conduz o estudante em direção ao conhecimento, solucionando dúvidas e questionamentos.

 

 

Na metodologia montessoriana, o professor dispõe os alunos em formato circular, cercado de estantes com materiais lúdicos e pedagógicos disponíveis para o manuseio da criança. O aluno tem a liberdade necessária para selecionar artefatos com os quais irá trabalhar. Daí a extrema preocupação de Montessori em desenvolver os recursos didáticos mais aptos  a atrair a atenção do aprendiz e a incentivar a recepção do conhecimento, enriquecendo, assim, o processo educativo.

 

 

A professora Gwendolyn Sônia do Ciep Doutor Adão Pereira Nunes utiliza o Círculo Montessoriano no início e no término de suas aulas com uma roda de leitura e também para desenvolver projetos, como o Amigo do Zippy. "Sei que é complicado, requer uma mobilização de toda a turma, pois são 35 crianças na sala. Mas deixo aqui o meu depoimento de que é possível, com muita boa vontade", relata a professora.

 

 

 

 Segundo o método Montessoriano, existem cinco áreas do conhecimento: Linguagem, Matemática, Ciências e Geografia, Vida Prática e Sensorial.


 

 

Numa era em que olhar as pessoas está cada vez mais difícil, a professora percebe a grande oportunidade de olhar e ser olhada pelos seus alunos, de fazer com que eles percebam o quanto é importante olhar o outro, prestar atenção no que o outro está falando ou fazendo.

 

 

Ao utilizar o método montessoriano em suas aulas, a professora Gwendolyn  proporciona, aos seus alunos o desenvolvimento das bases desta teoria - individualidade, atividade e liberdade - com ênfase para o conceito de indivíduo como, simultaneamente, sujeito e objeto do ensino.

 

 

 

Vida prática é considerada a parte mais importante do método, já que ajuda a criança a cuidar de si, dos outros, dos animais e do meio em que vive. Engloba exercícios focados para a relação social, independência, ordem, disciplina, coordenação, concentração e refinamento do movimento.
 

 

Parabéns à professora Gwendolyn Sônia por buscar a formação integral dos seus alunos, uma educação para a vida. O uso desta metodologia desenvolve o potencial criativo dos seus alunos, associando-a à vontade de aprender, conceito que Maria Montessori considerava inerente a todos os seres humanos.

 

 

Utilize o espaço do Rioeduca para divulgar  suas práticas pedagógicas. Esse espaço é meu, é seu, é nosso! Nós somos a seXta CRE!

 

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ªCRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

6ªcre (344)
protagonismojuvenil (76)

Comentários
Adorei a matéria. Parabéns professora pela pesquisa e compartilhar nos fazendo aprender mais.

Postado por MONICA FONSECA em 12/12/2012 09:03

Lindo trabalho da professora Gwendolyn, diálogo e compartilhamento de saberes.

Postado por Gisele em 12/12/2012 18:47

Psrabéns professora Gwendolyn Sônia do Ciep Doutor Adão Pereira Nunes por utilizar todas as ferramentas disponíveis do Sistema para passar conhecimento e cultura para os alunos. Patricia Fernandes excelente postagem!

Postado por Helena (by troia) em 21/01/2013 02:00