A A A C
email

Quarta-feira, 27/02/2013

Da Arte de Acolher

Tags: 3ªcre, gec, protagonismojuvenil.

 

 

Acolher é uma arte que envolve colocar-se junto ao coração de todos os envolvidos em uma atividade. Vamos aprender um pouquinho dessa arte com os GECs da 3ª CRE.
 

 

O Ginásio Experimental Carioca segue sua expansão em progressão geométrica e, este ano, seremos quatro unidades na 3ª CRE. São escolas voltadas para o atendimento dos alunos do 7º ao 9º ano, em que o principal objetivo é proporcionar aos alunos, além do conhecimento escolar, experiências de cidadania através do protagonismo juvenil. O aluno se torna sujeito agente de seu futuro e aprende que suas atitudes refletirão sobre o que ele deseja ser.

 

Foi com este sorriso, protagonista de quem sabe o que quer de seu futuro, que fui recebida no dia 6 de fevereiro no GEC Rio de Janeiro. Lá, os professores da escola trocariam experiências com os professores dos GECs Ceará e República do Peru que estão sendo implantados este ano.

 

 

 

 

E a chuva, que nos aborreceu em janeiro, tornou-se temática dos murais da escola, graças à criatividade da diretora adjunta Rosângela Henck. Beleza e conteúdo que espelham o trabalho da equipe que sempre foi voltado para a cidadania atuante de seus alunos mesmo antes de participarem do programa, conforme nos contou a diretora Cláudia Fonseca. Os murais são alegres e atrativos e prontos para receber as contribuições dos alunos ao longo do ano. Confiram como o belo pode ser um aliado na exposição dos desejos e objetivos que se pretende alcançar.

 

 

 

Do outro lado desse círculo de acolhimento está a E.M. República do Peru. Para acolhê-los, o GEC Bolívar, pioneiro em nossa CRE, enviou uma equipe de alunos e professores. O objetivo é fazer com que os novos aprendizes recebessem de alunos já inseridos no programa aquelas dicas úteis do cotidiano. Os alunos tomaram posse dos ambientes da escola e, como sempre acontece quando estamos em um ambiente favorável, ficaram muito à vontade para expressar seus sonhos e desejos na nova escola.

 

 

Claro que dificuldades estarão presentes, mas com cooperação poderão ser superadas como na dinâmica do barbante realizada pelos alunos. Trabalho em equipe e busca de pontos de vista novos ajudaram os alunos a se desvencilharem das voltas do barbante sem o soltarem de seus pulsos. Com o apoio de seus professores e colegas, eles estabelecerão seus projetos de vida e atuarão para alcançá-los.

 

 

Bom 2013 a toda a equipe GEC da 3ª CRE! Certamente, teremos muitas notícias da chuva de ações dessas unidades escolares.

 

 

 

Angela Freitas é Professora da Rede Municipal e

representante da 3ª CRE, no Portal Rioeduca.

E-mail: angela.freitas@rioeduca.net

twitter @angeladario

facebook Angela Regina de Freitas

RIOEDUCA/3ªCRE

 

 

                               

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

3ªcre (326)
protagonismojuvenil (76)
gec (73)

Comentários
Parabéns, Angela, pela postagem,sempre tão bem elaborada e valorizando o trabalho de nossas escolas. Obrigada, mais uma vez, pelo carinho com o GEC 03.13.006 Rio de Janeiro.E parabéns a todos os GECs da 3ª CRE! 2013 será um ano de muito sucesso!

Postado por Cláudia Fonseca em 27/02/2013 07:38

Há de fato um grande esforço por parte do aluno que está conhecendo o ambiente da instituição em se adaptar, mas ao contrário do que o termo sugere não depende exclusivamente dela adaptar-se ou não à nova situação. Depende também da forma como é acolhida. Parabéns ao GEC por fazer isso de forma tão competente e carinhosa!

Postado por Patricia Fernandes em 27/02/2013 18:36

Fazer com que os estudantes novatos sintam-se acolhidos no ambiente escolar é tão importante quanto evidenciar aos veteranos a felicidade que sentimos em tê-los juntos de nós por mais um ano.

Postado por Helena(by troia) em 04/03/2013 01:44