A A A C
email

Quarta-feira, 13/07/2016

Alimentação Saudável no EDI Monsenhor Cordioli

Tags: 7ªcre, projetos.

 

 

 

 

O EDI Monsenhor Cordioli desenvolveu atividades de promoção de saúde, alimentação saudável e criação de horta escolar. 

 

Vivenciando o Projeto ‘Rio, juntos somos mais artes’ e aproveitando a proposta da semana da alimentação promovida pela Secretaria Municipal de Educação no mês de maio, o EDI Monsenhor Cordioli desenvolveu com as crianças reflexões importante sobre alimentação saudável.

 

     Alunos reunidos para conhecer várias frutas.      

 

A promoção de uma alimentação saudável no espaço escolar pressupõe a integração de ações em três pontos fundamentais: ações de estimulo à adoção de hábitos alimentares saudáveis, ações de apoio à adoção de práticas saudáveis na alimentação na escola e na família.

Assim, sabendo que o tema alimentação saudável é pertinente ao currículo da educação infantil e observando a crescente curiosidade das crianças a respeito dos alimentos (naturais e industrializados), trabalhamos essa temática com as crianças de modo que pudessem ter noções significativas para a construção de hábitos alimentares saudáveis na escola e em suas famílias.

  Brincando de Jogo da Memória das frutas.

 

Os trabalhos realizados tinham como objetivo conscientizar as crianças e seus responsáveis sobre a promoção da saúde por meio de alimentos saudáveis de forma atraente, lúdica e educativa e a criação de uma horta nos jardins da escola.

A partir de rodas de conversa apresentamos músicas sobre o tema, histórias, releitura da obra o ‘Vendedor de frutas’ de Tarsila do Amaral e apresentação de alguns alimentos (legumes, frutas e industrializados) para que as crianças pudessem concretizar o aprendizado.

 

      Gráfico sobre frutas preferidas e cartaz coletivo sobre Salada de Frutas.

 

Foram confeccionados trabalhos individuais e coletivos sobre as características dos alimentos (frutas e legumes) e os alunos também construíram a pirâmide dos alimentos e refletiram sobre a quantidade de gordura e açúcar consumidos. As crianças puderam perceber a importância e a necessidade da higienização dos alimentos e das mãos, tanto para o consumo quanto para o preparo.

 

                                                            Exposição de trabalhos sobre alimentação.

 

Elas experimentaram frutas sentindo cheiros, sabores e tato com a realização de salada de frutas, confecção de bolos, percepção da cesta de verduras (perceberam a cor, a textura, o cheiro de algumas hostaliças e temperos).

Através de rodas de conversas, as crianças refletiram sobre alguns alimentos não saudáveis (industrializados, pirulitos, balas, doces, refrigerantes, entre outros) que devem ser consumidos com moderação e fizeram gráficos construindo noções de quantidade, classificação e agrupamento, e  fizeram a sementeira de temperos para a horta.

 

                                            Diferenças dos alimentoa saudáveis e não saudáveis.

 

Os responsáveis foram conscientizados por meio de bilhetes e informes a respeito do tema, visualizaram os trabalhos expostos no pátio de entrada da unidade escolar, enviaram frutas para a confecção da salada de frutas e mudas de hortaliças para a horta.

 

    Crianças saboreando salada de frutas.

 

Com esse trabalho, os professores também aprenderam enquanto ensinavam e perceberam que as crianças  aprenderam  mais sobre alimentação saudavél e sobre os alimentos em geral.

 

Informações enviadas pela professora Apolônia Regina Ferreira.

 

Parabéns aos envolvidos pelo trabalho realizado!
 

 

Contato do EDI Monsenhor Cordioli:

edicordioli@rioeduca.net

Contato para publicações:

Roberta Vitagliano - Representante Rioeduca 7ª CRE

robertavitagliano@rioeduca.net

 

 

 

 

                               

 
 
 
 

   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

projetos (558)
7ªcre (332)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.