A A A C
email

Sexta-feira, 15/11/2013

Alfabetização e Letramento: Conceitos para o Século XXI

Tags: blogsderioeducadores, educopédia, mídias, especialistas, alfabetização, letramento.

Muito se fala atualmente sobre as crianças não serem somente alfabetizadas, mas também letradas para entender o mundo que as rodeia. Entretanto, ainda há muitas dúvidas sobre a definição e diferenciação entre estes termos.

 

E. M. Delfim Moreira - 3ª CRE.

 


Tem-se por alfabetização o processo de descoberta do código escrito e dos procedimentos de leitura, aceitando-se como alfabetizados, por exemplo, aqueles que conseguem grafar e ler um bilhete simples.

 

 


Segundo Soares (1999), a palavra letramento é uma tradução para o Português da palavra inglesa literacy; os dicionários definem assim essa palavra: "Literate é, pois, o adjetivo que caracteriza a pessoa que domina a leitura e a escrita, e literacy designa o estado ou condição daquele que é literate, daquele que não só sabe ler e escrever, mas também faz uso competente e frequente da leitura e/ou da escrita (grifo nosso).

 

E. M. Estado da Guanabara - 3ª CRE.

 


Em outras palavras, letramento é ampliar o uso da leitura e da escrita a fim de interagir tais práticas com os diálogos que a criança trava com outros indivíduos, com materiais escritos (livros, rótulos de embalagens, entre outros) e por meio da mediação de um par mais experiente no que tange os símbolos comunicativos criados pela sociedade em que vivem.

 

E. M. Ana Maria Cristina Marques Ribeiro - 6ª CRE.

 


Em resumo, ainda citando palavras de Soares: "Se alfabetizar significa orientar a criança para o domínio da tecnologia da escrita, letrar significa levá-la ao exercício das práticas sociais de leitura e de escrita. Uma criança alfabetizada é uma criança que sabe ler e escrever; uma criança letrada (tomando este adjetivo no campo semântico de letramento e de letrar, e não com o sentido que tem tradicionalmente na língua, este dicionarizado) é uma criança que tem o hábito, as habilidades e até mesmo o prazer de leitura e de escrita de diferentes gêneros de textos, em diferentes suportes ou portadores, em diferentes contextos e circunstâncias".


_____________________________________________________

Referências:
SOARES, Magda B. Letramento, um tema em três gêneros. Belo Horizonte, Editora Autêntica, 1998.

RAMOS, F. M. E.; SOARES, Magda B. Letrar é mais que alfabetizar. Entrevista com Magda Soares.

 

 

Thaís Duarte Passos Teixeira do Amaral é Professora I de Língua Inglesa na SME/RJ, Articuladora da 6ª CRE e Pós-graduanda pelo CEFET/RJ (Ensino de Línguas Estrangeiras)

Lattes: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4485024A7

e-mail: thaisdteixeira@rioeduca.net

Blog: languagesapprentice.wordpress.com

 

                               

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Comentários
Parabéns pela matéria! Este é um assunto que precisa ser constantemente abordado.

Postado por Patrícia Fernandes em 18/11/2013 08:23