A A A C
email

Quarta-feira, 14/08/2013

A Importância da Avaliação

Tags: professor, avaliação.

Lançando mão de variadas formas de avaliação e adequando-as à realidade da turma, o professor oportuniza que outros aspectos no desenvolvimento do aluno sejam avaliados e não medidos.

 

Quando as tradicionais provas escritas são a única forma de mensurar o conhecimento, somente alguns aspectos são percebidos, fazendo com que outras habilidades trabalhadas pela escola, muitas vezes, sejam desconsideradas.

 

Na verdade, não se propõe que as provas sejam deixadas de lado, mas sim que se tornem mais um instrumento, somadas às avaliações diagnóstica e formativa.

 

Porém, os professores não podem deixar de ressaltar a importância das provas aos seus alunos, assim como o desenvolvimento de hábitos e atitudes para a preparação e realização destas. Até porque essa é uma necessidade real que o aluno encontrará fora da escola.

 

Provas são importantes, porém a preparação e o momento de realizá-las devem ser de acolhida e tranquilidade.

 

Após a realização das avaliações é muito comum a ansiedade por parte dos alunos para que a prova seja corrigida e, consequentemente, para receber o resultado.

 

Na verdade toda essa pressão do período ”pós-prova” está muito mais ligada à questão quantitativa das notas, do que realmente tomar conhecimento de quais objetivos ainda não foram alcançados e precisam ser revistos.

 

É comum que os alunos fiquem nervosos e ansiosos à espera do recebimento da prova corrigida.

 

A entrega das avaliações deve ser seguida da correção coletiva de todas as questões, devendo ser feito um levantamento daquelas questões com maior número de acertos, assim como daquelas que tiveram um grande índice de erros, sendo apresentado à turma através de gráficos dependendo da faixa etária.

 

Após a apresentação do gráfico, deve-se realizar a correção no quadro, propondo que se manifestem quanto ao que escreveram. Nesse momento há a necessidade de se ter cautela, pois um aluno que errou a questão provavelmente não vai querer se colocar.

 

Com o tempo, a correção coletiva acaba propondo a mudança de posturas em sala de aula tanto de alunos, quanto de professores. Dessa forma, promove a Avaliação Mediadora, orientando o aluno no seu aprendizado, fomentando a participação, levantando hipóteses para a problematização e possibilitando ao professor traçar estratégias diferenciadas daquelas aplicadas anteriormente para obtenção dos objetivos previamente estabelecidos.

 

"A avaliação é a reflexão transformada em ação, não podendo ser estática nem ter caráter sensitivo e classificatório”.

Jussara Hoffmann

 

 

Taís Ferraz Duarte é Professora da Rede Municipal
e colaboradora do Portal Rioeduca
E-mail: taisduarte@rioeduca.net

                               

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

professor (110)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.