A A A C
email

Quinta-feira, 07/07/2016

Ampliando o Vocabulário – Atividade de Leitura e Escrita

Tags: 3ªcre, alfabetização, leitura, escrita.

 

 

 

 

A Professora Flávia Rodrigues de Oliveira e sua Turminha, a 1201, encontraram, através do processo "Ampliando o Vocabulário", uma divertida maneira de (RE)descobrir/construir coletivamente a escrita de novos vocábulos. O trabalho deu tão certo que envolveu toda a Escola José Marti.

 

 

O processo é realizado ao longo do ano letivo toda vez que um fonema com maior dificuldade é identificado ou novo é lançado.

Na implementação do projeto, a professora definiu com a Coordenadora Pedagógica os seguintes objetivos:

1) Estimular a criatividade incentivando a escrita;
2) Trabalhar as dificuldades ortográficas de forma lúdica;
3) Desenvolver a estrutura da frase (iniciar com letra maiúscula, ponto final, evitar a repetição de palavras e conectividade).

 

 

1º) Na Roda de Leitura a escolha de um livro/história que possibilite a exploração dos fonemas a serem trabalhados (Além de outras questões como: autor, ilustrador, tema, editora e interpretação com informações explícitas e implícitas no texto). Neste dia a história escolhida foi: "No barraco do carrapato" e os fonemas RR e R (brando).

2º) A professora faz duas colunas e incentiva os alunos a falarem palavras com “RR e R brando” (as intervenções vão acontecendo naturalmente e de forma interativa).

3º) Os alunos constroem individualmente frases que devem conter uma palavra de cada coluna. Há algumas regrinhas para essas construções. São elas:
1- Não é permitido usar "é bonito" e "é do".
2- Uma vez usada a palavra ela não pode ser repetida em outra frase.

 

 

4º) Esgotadas todas as palavras, a professora coloca ao lado de cada frase uma cor, que será a legenda do gráfico. Inicia-se então a votação. Os alunos escolhem a frase que mais gostaram e cada um recebe um quadradinho em branco, devendo pintá-lo da cor correspondente a frase escolhida.

5º) A professora chama cada aluno e este cola o seu voto no gráfico(que vai sendo construído pelos alunos).

6º) Análise do gráfico. Com a exploração de tantos dados forem possíveis: qual a frase mais votada, qual a menos votada, qual a diferença da mais votada para a menos votada, teve empate, dentre outras.


 

7º) Os alunos copiam todas as frases no caderno.

8º) Outros desdobramentos: ilustrar as frases construídas (em dupla ou individualmente); Construir uma história (texto individual, em dupla, em grupo ou coletivo) a partir de uma das frases dentre outras.

Aí é com você, professor!!! O importante é começar. As ideias vão brotando, desabrochando. 

 

 

“...Com os vídeos da MultiRio que temos assistido em nossos Centro de Estudos, relatando experiências bem sucedidas e estudo de temas pedagógicos, as professoras têm se mostrado bastante satisfeitas e entusiasmadas em realizar algumas das atividades exibidas com suas turmas, fazendo as devidas adaptações e criando a partir do visionado...” Renata Dutra (CP da E. M. José Marti).

 

 

Localizada no bairro do Engenho da Rainha, a Escola Municipal 03.12.029 José Marti foi fundada em 04 de junho de 1964 e tem como missão “Proporcionar uma educação de qualidade aos alunos da E. M. José Marti, promovendo um trabalho cooperativo, oportunizando vivências e buscando práticas inovadoras que favoreçam o seu desenvolvimento integral”.

Sobre o patrono:

José Julián Martí Pérez, nascido em Havana no dia  28 de janeiro de 1853 e falecido em Dos Ríos, em 19 de maio de 1895, foi um político, pensador, jornalista, filósofo, poeta e maçom cubano. Foi organizador, em 1895 da Guerra Necessária. Seu pensamento transcendeu as fronteiras de sua Cuba natal para adquirir um caráter universal. Em seu país natal, também é conhecido como «El apóstol».

Em 1869, com apenas dezesseis anos, publicou a folha impressa separatista "El Diablo Cojuelo" e o primeiro e único número da revista "La Patria Libre". No mesmo ano, passou a distribuir um periódico manuscrito intitulado "El Siboney". Mais tarde, dedicou-se ao estudo do Direito, obtendo o doutorado em Leis, Filosofia e Letras da Universidade de Saragoça em 1874.

 


 

Parabéns à professora  Flávia Oliveira e toda a  Turminha 1.201 pelo excelente  trabalho de alfabetização que vem sendo feito. 

 

 

 

                               

 

 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

3ªcre (329)
leitura (87)
escrita (7)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.