A A A C
email

Quarta-feira, 27/12/2017

Pequeno Passeio às Influências Africanas

Tags: 10ªcre.


Alunos do GEC Princesa Isabel realizam trabalhos sobre escravidão e resistência dos negros para preservar sua identidade cultural religiosa.

 

O E/CRE (10.19.015) Ginásio Experimental Carioca Princesa Isabel está localizado na Travessa Boa Vista, 135 - Santa Cruz, zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. Atende a 458 alunos, com 5 turmas de 7° ano, 4 turmas de 8° ano e 3 turmas de 9° ano do Ensino Fundamental, em horário integral. Tem como diretor, o professor Luiz Claudio de Souza e como diretora adjunta, a professora Cyntia Bulkool Gomes Brito.

Além das disciplinas curriculares tradicionais são oferecidas aos alunos outras disciplinas como Estudo Dirigido, Projeto de Vida e Eletiva. Cada uma oferece recursos significativos para a formação dos alunos. Além disso, a Unidade Escolar conta com o Protagonismo Juvenil, que é a participação do aluno em atividade que extrapolam âmbitos de seus interesses individuais. A ideia é que possa estimular a participação social dos jovens, contribuindo não apenas com o desenvolvimento pessoal dos jovens atingidos, mas com o desenvolvimento dos demais alunos da escola.

 

Trabalhos realizados pelos alunos

 

Durante o ano letivo, a professora Aldinea Sevilha realizou diversos trabalhos com os alunos utilizando materiais reciclados e, com a ajuda das professoras Ivane Silva da sala de leitura e Andreza Soares de Língua Portuguesa, foi realizado o evento: “Pequeno passeio às influências africanas”, uma exposição em homenagem ao dia nacional da Consciência Negra.

— O evento foi pensado com enfoque no exemplo de resiliência dos negros sofredores que, apesar de tudo, nos deixaram o legado de uma índole afetuosa, festeira e produtiva. Com esse trabalho, podemos colocar em prática a interatividade entre as disciplinas Língua Portuguesa, Artes e o trabalho realizado pela professora da Sala de Leitura. — afirma a professora Aldinea Sevilha.

 

Trabalho na exposição

 

Foram trabalhados diversos textos em sala de aula sobre o tema da escravidão e da resistência dos negros para preservar sua identidade cultural religiosa, principalmente, os textos “Navio Negreiro” e “A Canção do Africano”, de Castro Alves e exibição de vários filmes com foco nas questões sobre o preconceito racial. Houve encenação da lenda do “Negrinho do Pastoreio”, culminando com a exposição de trabalhos de pesquisa e artesanato com materiais reciclados, ligados à temática dos textos trabalhados: escravidão e a cultura de origem africana moldada em nossa brasilidade.

A exposição dos trabalhos ocorreu nos espaços do Centro Cultural de Santa Cruz entre os dias 21/11/2017 e 06/12/2017, com visitação aberta a toda comunidade escolar.

 

Máscaras produzidas pelos alunos

 

Quer saber mais sobre o projeto?
Entre em contato com a Unidade Escolar.

E/CRE (10.19.015) GEC Princesa Isabel
Telefone: 3395-1613
Email: empisabel@rioeduca.net

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

10ªcre (403)
10 (1)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.