A A A C
email

Quarta-feira, 06/06/2018

Fica a Dica: Vamos aproveitar as festas juninas? Temos forró, baião, xote e xaxado!

Tags: música brasileira, educação musical, dica.

 

Fica a Dica: Vamos aproveitar as festas juninas? Temos forró, baião, xote e xaxado!

 

 

Chegou junho e com ele as festas juninas. Em muitas escolas é o mês de aprendermos e ensaiarmos com as turmas as danças típicas do período, preparar aquela quermesse e por detrás de tudo isso, principalmente, podermos trabalhar muitos conteúdos e planejarmos muitas atividades com esse tema.

Todo mundo sabe que o Brasil possui uma cultura riquíssima, diferente em cada região do país. Com um território de grande extensão, não poderia ser diferente.

Nesse período, nos remetemos muito às regiões Norte e Nordeste quando trabalhamos festejos nesse viés, observando uma riqueza cultural e muita animação na realização dessas festas.

Não abordarei, nesse momento, esse leque amplo de festejos que encontramos de Norte a Sul e que remetem ao nosso folclore. Farei o recorte, porém, que a época exige: as festas, as músicas e danças juninas, o nosso forró, baião, xote, xaxado, os instrumentos musicais, as letras que relatam a vida dura no sertão, as migrações, entre outros.

Temos um amplo repertório a ser trabalhado nesse período, cantores e compositores brasileiros, que trazem pra gente um turbilhão de canções, nos fazendo refletir sobre o contexto de criação dessas obras.

Como sugestão de atividades, basicamente, podemos sempre trabalhar com nossos alunos a apreciação do nosso repertório musical, ricamente construído ao longo do tempo. As letras trazem, com essas canções, um trabalho de interpretação e análise também vasto, que abre correlações com outras áreas, como as de História e Geografia.

Que tal trabalhar, para além da música, a situação dos migrantes nordestinos?

Nossa música regional, como já falado, é riquíssima. Podemos explorar as linhas melódicas, a harmonia, as letras e, principalmente, os ritmos. Baião, forró, xote e xaxado são gêneros e estilos utilizados nas danças típicas juninas, na nossa famosa “quadrilha”.

Uma atividade que sempre faço com meus alunos, além da apreciação e percepção musical, é o trabalho de análise da letra dessas canções.

Como exemplo, cito aqui Luiz Gonzaga e a música “Asa Branca”, que é bastante conhecida. Trabalho com a apreciação musical, a expressão corporal, o canto e o aprendizado da letra, começando com um exercício no qual os alunos devem reconhecer auditivamente o que está sendo cantado e completando algumas lacunas deixadas de propósito na atividade para que os alunos a completem.

Deixo em branco na folha, portanto, algumas palavras-chave, principalmente aquelas que são cantadas de maneira diferente do que a gente costuma falar/escrever.

Tento fazê-los observar essas diferenças e não considerar essa maneira modificada de se expressar como uma escrita ou fala erradas. Procuro mostrar as razões pelas quais essas palavras estão sendo cantadas dessa forma.

E isso abre debates em sala acerca dessas construções, mesmo com os alunos menores. É importante ressaltar essas expressões, sinalizando em qual contexto cultural elas estão estabelecidas.

Quem ouve de maneira ativa, percebe que muitas palavras tem modificações na escrita e emissão. Considero esse um ponto muito importante para debates sobre o tema.

Além disso, podemos apresentar aos nossos alunos os instrumentos musicais que acompanham essas composições, tais como: triângulo, acordeão, zabumba, mostrando (se possível demonstrando na prática) os ritmos dessas músicas.

Fazer uma contextualização histórica também é importante para que se amplie a valorização da nossa cultura popular, para que o respeito às diferenças seja exercido e que a vivência seja construída.

Esse é um momento riquíssimo de exploração da nossa cultura, que, tão perto de nós nesse período, não pode (nem poderá) jamais ser esquecida. Essa relação com o popular é muito importante para o reconhecimento do universo cultural em que estamos mergulhados.

Para ilustrar o nosso post da semana, deixo aqui esse clássico da nossa música popular brasileira: "Asa Branca", de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira. wink

 

 

Essa é a nossa dica da semana! Gostou? Escreva pra gente! smiley

Fica a Dica!! 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

dica (18)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.