A A A C
email

Sexta-feira, 28/12/2018

Prática Pedagógica em Educação Patrimonial na E. M. Mendes Viana

Tags: educação patrimonial, 5ª cre.

 

 

Alunos da Escola Municipal Mendes Viana pedem a preservação de patrimônios culturais do bairro de Irajá através do Projeto Clube de História.

Confira!

 

 


Patrimônio Cultural é, em uma explicação bem simples, tudo aquilo que criamos, valorizamos e queremos preservar para as futuras gerações. São o conjunto das manifestações, realizações e representações de um povo. Em nosso país existem diversos patrimônios, tais como as obras de Aleijadinho em Minas, a arquitetura da cidade de Brasília, o acarajé baiano e tantos outros mais.


A cidade do Rio de Janeiro é rica em bens patrimoniais como o Cristo Redentor e prédios históricos do Centro da cidade e as paisagens da Zona Sul. Mas e os nossos subúrbios? O que gostaríamos de preservar neles? Com estas indagações, os alunos da turma 1802, 8º ano do ensino fundamental, da Escola Municipal Mendes Viana, foram às ruas fotografar aquilo que gostariam de ver preservado em seu bairro: Irajá. As fotos são um registro importante de como os alunos veem seu bairro nesse início de século XXI.

Essa proposta pedagógica surge do projeto do professor Fábio Carvalho, em parceria com o professor Vinck Vitório da sala de leitura da Mendes Viana, chamado Clube de História, em atividade desde o ano de 2016.

 

 

Exposição

 


Ao longo do segundo e do terceiro bimestre de 2018, os alunos e os professores discutiram aspectos da História do Rio de Janeiro e do bairro de Irajá. A partir daí construíram uma exposição de fotos e textos sobre o patrimônio local. A exposição foi dividida em temas:


SAGRADO: a parte da exposição em que retrataram aquilo que as pessoas do bairro veem como digno de veneração e respeito por ter ligação com o divino.


LAZER: o tempo de folga, passatempo, ócio. Representam espaços onde se pode descansar, brincar, encontrar pessoas ou, simplesmente, nada fazer. Apenas apreciar a vida.

 

 

 


MEU LUGAR: Espaço em que os jovens do grupo pensaram no que gostariam de preservar por acharem importante para o lugar onde vivem pois, de alguma maneira, ajudam a melhorar sua qualidade de vida.


CULTURA: Definir cultura é algo muito complexo. Uma definição possível é a do antropólogo Clifford Geertz de que esse conceito se refere a um "padrão de significados transmitidos historicamente, incorporado em símbolos, um sistema de concepções herdadas expressas em formas simbólicas por meio das quais os homens comunicam, perpetuam e desenvolvem seu conhecimento e suas atividades em relação a vida." A escola é um destes locais onde se transmite tais símbolos e concepções herdadas às gerações futuras. Os alunos decidiram, então, preservar em fotos as escolas que lhes eram queridas.

 

 


NATUREZA: Antigamente, pessoas vinham a esta enorme região, a Baixada de Irajá, e ficavam espantados com os rios limpos, a grande quantidade de árvores, frutos, flores. É o eixo que se refere aos elementos do mundo material (mares, montanhas, rios, árvores, animais). O bairro era bonito em determinada época por conta dos elementos naturais que tinha. Aqui, a preocupação é: onde foi parar essa natureza? Ela permanece? Ela se mantém de que maneira? Ou está destruída, acabada? Há um espaço de crítica. Em tempos onde a humanidade esgota recursos naturais e somos ameaçados pela falta de água, poluição do ar, por exemplo, este eixo da “natureza” foi utilizado para denunciar os efeitos nocivos que a falta do cuidado na preservação do elemento causou em nosso bairro.

 

 


REBOBINANDO: foram feitas releituras de fotos antigas da escola. Objetivo foi colocar em evidência o bem mais precioso da exposição, nossos alunos, e retratar as mudanças e permanências do tempo marcadas na Mendes Viana.


A exposição ficou em cartaz na Biblioteca Popular de Irajá – João do Rio, entre os dias 15 e 30 de setembro, em uma parceria entre a Mendes Viana e este é um aparelho cultural tão importante para o bairro e que serviu de referência para a pesquisa de parte dos alunos.

A exposição teve a visita da Escola Municipal Mato Grosso e seus alunos do 5° ano. A unidade estava trabalhando no período da exposição a História do Rio de Janeiro e resgatando aspectos da história do bairro de Irajá.

 

Parabéns pelo excelente trabalho!

 

Sobre a escola:

Escola Municipal Mendes Viana
Diretor: CARLOS EDUARDO HERMSDORFF
Endereço: Estrada do Colégio 940, Colégio
Telefone: 3373-3204
E-mail: emviana@rioeduca.net 

 

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

5ª cre (3)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.